Nome da Atividade
ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS HISTÓRICOS
CÓDIGO
10900072
Carga Horária
60 horas
Tipo de Atividade
DISCIPLINA
Periodicidade
Semestral
Unidade responsável
CRÉDITOS
4
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
4
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
4
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%

Ementa

Compreender o tipo particular de acervo que constitui um arquivo histórico e os cuidados principais que com sua formação, arranjo, limpeza e conservação

Objetivos

Objetivo Geral:

Estudar a formação dos arquivos e as suas diferentes etapas
Compreender a tipologia dos arquivos permanentes e sua evolução histórica.
Analisar formas e princípios que regem sua organização e classificação
Analisar a diferenciação entre arquivos comuns e históricos.

Conteúdo Programático

1) Princípios gerais de Arquivos
a) a)diferenciações entre público e privado
b) finalidade e função
c) c)arquivos correntes, intermediários e permanentes
2) Arquivos históricos:
a) Definição, histórico e tipos de arquivos
b) formas de constituição e inclusão/exclusão
c) limpeza, higienização e preservação
d) cuidados básicos com a segurança patrimonial
3) Tratamento documental:
a) resgate da documentação
b) limpeza e higienização
c) cuidados básicos de conservação
4) Estudo de arquivos históricos existentes através de visitas.

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • ACKELSBERG, Martha. Arquivos, história social e história das mulheres. Cadernos AEL, Unicamp, n.5/6, 1996/1997, p. 38-50. n ARAÚJO, Ângela e BATALHA, Cláudio. Preservação da memória e pesquisa: a experiência do Arquivo Edgar Leuenroth. IN. SILVA, Zélia (ORG). Arquivos, patrimônio e memória: trajetórias e perspectivas. São Paulo, EdUNESP, 1999, p. 65-78 BACELLAR, Carlos- Uso e mau uso dos arquivos. PINSKY, Carla ( ORG.) Fontes Históricas. São Paulo: Contexto, 2005 BELLOTTO, Heloisa. Arquivos permanentes. Tratamento documental . Rio De Janeiro: FGV, 2004. COOK, Terry. Arquivos pessoais e arquivos institucionais: para um entendimento arquivistico comum da formação da memória em um mundo pós-moderno. Revista Estudos Históricos, n. 21, FGV, n. 21, 1998, p. 129-149 DUCROT, Ariane. A classificação dos arquivos pessoais e familiares. Estudos Históricos, Rio de Janeiro, FGV, 1998, n.21, p.151-168. HAYASHI, Maria et al. Memória sobre o período militar no Brasil : O Arquivo Ana Lagoa. IN. SILVA, Zélia (ORG). Arquivos, patrimônio e memória: trajetórias e perspectivas. São Paulo, EdUNESP, 1999, p143-150. HERRERA, Antonio. Arquivos, documentos e informação. IN: Secretaria Municipal Cultura de São Paulo . O direito à memória: patrimônio histórico e cidadania. São Paulo: Departamento do Patrimônio Histórico, 1992, p.113-120. JAMESON, Samuel. Administração de arquivos e documentação. Rio de Janeiro: FGV, 1964. JONG, Rudolf. Arquivos e história social. Cadernos AEL, Unicamp, n.5/6, 1996/1997, p. 09-36.n LOPES, Luís. A gestão da informação. Rio de Janeiro. Arquivo Público da cidade do Rio de Janeiro, 1997. MENDES, André. Tratamento da documentação privada no Arquivo do Estado de São Paulo. IN. SILVA, Zélia (ORG). Arquivos, patrimônio e memória: trajetórias e perspectivas. São Paulo, EdUNESP, 1999, p. 121-126. MENESES, Patrícia. O arquivo do Estado de São Paulo. IN. SILVA, Zélia (ORG). Arquivos, patrimônio e memória: trajetórias e perspectivas. São Paulo, EdUNE

Disciplinas Equivalentes

Disciplina Curso
ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS HISTÓRICOS I História (Bacharelado)

Página gerada em 25/01/2021 19:48:21 (consulta levou 0.170438s)