Nome da Disciplina
METODOLOGIA, MATERIAIS E TÉCNICAS PARA CONSERVAÇÃO E RESTAURAÇÃO
CÓDIGO
10790078
Carga Horária
60 horas
Atividade Complementar
Não
Periodicidade
Semestral
Modalidade
PRESENCIAL
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
4
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
1
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
3
CRÉDITOS
4
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

Caracterização do trabalho do conservador-restaurador de bens culturais e o papel social do profissional como agente de preservação da cultura. Apresentação da metodologia para as intervenções de conservação e restauração, além das normas e diretrizes mínimas para a sua segurança nas práticas (EPIs). Indicações dos materiais, equipamentos e instrumental básico de trabalho. Introdução aos procedimentos de conservação preventiva, curativa e de restauração. Classificação geral dos materiais e produtos de conservação-restauração de bens culturais e considerações sobre sua aplicação.

Objetivos

Objetivo Geral:

Inserir o discente no universo profissional da conservação e da restauração de bens culturais móveis. Apresentar os principais métodos, materiais e as técnicas para a conservação e a restauração e informar sobre os cuidados associados ao trabalho do conservador-restaurador.

 

Objetivos Específicos:

Conhecer as normas e diretrizes para a segurança nas práticas de intervenção (EPIs); diferenciar e entender os objetivos da conservação curativa e da restauração; identificar as principais operações de conservação-restauração através da terminologia recorrente e experimentar algumas técnicas envolvidas nas etapas de higienização, limpeza, estabilização, reintegração, camada de proteção e acondicionamento; planejar relatórios para a documentação da intervenção; reconhecer as classes e categorias gerais dos materiais dos conservação-restauração, associando seu uso às problemáticas envolvidas em cada fase da intervenção.

Conteúdo Programático

Normas e diretrizes para a segurança nas práticas de intervenção (EPIs); Objetivos da conservação curativa e da restauração; Principais operações de conservação-restauração; Técnicas de higienização, limpeza, estabilização, reintegração, camada de proteção e acondicionamento; Relatórios para a documentação da intervenção; Classes e categorias gerais dos materiais dos conservação-restauração.

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • GÓMEZ GONZÁLES, Maria Luisa. La Restauración: Examen Científico Aplicado a la Conservación de Obras de Arte. 2 ed. Madrid: Cátedra, 2000.
  • SLAIBI, Thais Helena de Almeida; MENDES, Marylka; GUIGLEMETI, Denise O.; GUIGLEMETI, Wallace A, (Orgs.). Banco de Dados de Materiais Empregados em Conservação-Restauração de Bens Culturais. Rio de Janeiro: ABRACOR, 2011.
  • MUÑOZ VIÑAS, Salvador; PONS, Julia Osca; SARRIÓ, Ignasi Gironés. Diccionario de Materiales de La Restauración. Madrid: Akal, 2014.

Bibliografia Complementar:

  • GIANNINI, Cristina; ROANI, Roberta. Diccionario de Restauración y Diagnóstico. Andalucía: Nerea, 2008.
  • APPELBAUM, Barbara. Conservation Treatment Methodology. Oxford: Butterworth-Heinemman/Elsevier, 2010.
  • CALVO, Ana. Conservación y Restauración: Materiales, Tecnicas y Procedimientos de la A a la Z. 3 ed. Barcelona: Serbal, 2003.
  • FIGUEIREDO JUNIOR, João Cura D'Ars de. Química Aplicada à Conservação e Restauração de Bens Culturais: Uma Introdução. Belo Horizonte: São Jerônimo, 2012.
  • NEVES, Anamaria Ruegger Almeida. A Cor Aplicada à Restauração de Bens Culturais. Belo Horizonte: São Jerônimo, 2013.

Disciplinas Equivalentes

Disciplina Curso
MATERIAIS, TÉCNICAS E METODOLOGIA PARA C R Conservação e Restauração de Bens Culturais Móveis (Bacharelado - Noturno)

Página gerada em 14/11/2019 19:50:54 (consulta levou 0.157250s)