Nome do Projeto
DESCOBRINDO A GEOMORFOLOGIA E HIDROGEOGRAFIA DO MUNICIPIO DE PELOTAS/ RS: CONHECIMENTOS PARA SENSIBILIZAÇÃO E PRESERVAÇÃO AMBIENTAL
Ênfase
ENSINO
Data inicial - Data final
01/06/2017 - 31/12/2017
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Humanas - Geografia
Resumo
Esse projeto de ensino têm a intenção de qualificar o processo de ensino–aprendizagem nas disciplinas de Geomorfologia (código 0060229), Hidrogeografia (0060236), Hidrogeografia B (0060297) e o Sensoriamento Remoto (0060343) dos cursos de Geografia (Licenciatura e Bacharelado), com prioridade ao combate à retenção e à evasão discente. Também, a intenção de viabilizar atividades de monitoria e, pela inserção de discente monitor em atividades de ensino das disciplinas mencionadas, contribuir para sua formação acadêmico-profissional. A Geomorfologia é uma área de conhecimentos sistematizados que se dedica ao estudo do relevo, seus materiais constituintes, formas e processos. A Hidrogeografia estuda as diferentes dinâmicas hídricas, assim como, o recurso hídrico, na constituição do espaço geográfico. O Sensoriamento Remoto permite a seleção de materiais e técnicas que, entre outras possibilidades, corroboram as análises sobre a evolução nos usos e coberturas da terra, trazendo importantes contribuições ao entendimento da evolução do modelado terrestre, do relevo, e das inferências antrópicas na hidrologia de uma determinada área. Tratam-se todas de disciplinas básicas e obrigatórias nos currículos dos cursos de Geografia, às quais, estabelecem importantes e complementares diálogos que corroboram para qualificação de reflexões da ciência geográfica.

Objetivo Geral

Qualificar o processo de ensino–aprendizagem nas disciplinas de Geomorfologia (código 0060229), Hidrogeografia (0060236), Hidrogeografia B (0060297) e Sensoriamento Remoto (0060343) dos cursos de Geografia (Licenciatura e Bacharelado), com prioridade ao combate à retenção e à evasão discente. Também, pela inserção de discente monitor em atividades de ensino nas disciplinas mencionadas, contribuir para sua formação acadêmico-profissional.

Justificativa

As diferentes áreas de conhecimentos disciplinares, a Geomorfologia (código 0060229), a Hidrogeografia (0060236), Hidrogeografia B (0060297) e o Sensoriamento Remoto (0060343), disciplinas básicas e obrigatórias nos currículos dos cursos de Geografia, estabelecem importantes e complementares diálogos que corroboram para qualificação de reflexões da ciência geográfica.

Nesse projeto de ensino, propõe-se o exercício de abordagens didático-pedagógicas que sejam possíveis de impactar positivamente no desempenho acadêmico nas disciplinas, com prioridade ao combate à retenção e à evasão discente, esta última, bastante expressiva nas turmas dos cursos de Geografia.

Dentre as abordagens propostas, destacam-se aquelas que valorizam a natureza local, no caso, aspectos da Geomorfologia, da Hidrogeografia e dos diferentes usos e coberturas da terra, bem como sua evolução, no município de Pelotas/ RS e região.

Quer-se conciliar teorias e vivências, conhecimentos específicos, interdisciplinares e o reconhecimento da natureza cotidiana, a fim de sensibilizar os alunos para importância dos objetos de estudos das disciplinas de Geomorfologia, Hidrogeografia e Sensoriamento Remoto.

Em suma, quer-se através de atividades de monitoria, a pesquisa, a organização e utilização de materiais sobre informações locais dos objetos de estudo das disciplinas mencionadas, quer-se melhor fundamentar as relações entre teorias e cotidiano, estimulando-se e qualificando-se o senso crítico dos estudantes, na perspectiva da preservação ambiental.

Metodologia

Sequencialmente, listam-se atividades operacionais a serem desenvolvidas pelos alunos cursantes das disciplinas foco deste projeto e ou pelo monitor de ensino, na intenção de se alcançar os objetivos almejados nessa proposta:

A) Revisões bibliográficas (fichamento de conteúdo) sobre a Geomorfologia, Hidrogeografia e a evolução nos diferentes usos e coberturas da terra no município de Pelotas/ RS e região, mediante pesquisas de livros, revistas, jornais, dissertações e teses sobre a Geomorfologia, Hidrogeografia e a evolução nos diferentes usos e coberturas da terra no município de Pelotas/ RS e região;
B) Pesquisa e construção de materiais de apoio didático, recursos audiovisuais, mapas conceituais, slides, blogs, etc;
C) Levantamento de livros e artigos de periódicos disponíveis na biblioteca da Universidade de temáticas relacionadas as disciplinas foco da monitoria, a fim de atualização de bibliografias básicas e ou complementares dos planos de ensino das disciplinas;
D) Auxilio nas atividades de preparação, aplicação e correção de avaliações;
E) Auxilio nas atividades de pesquisa, preparação (construção de roteiros e fichas de análises de pontos pré-determinados) e realização de trabalhos de campo, atividades práticas das disciplinas;
F) Auxílio aos discentes das disciplinas no desenvolvimento das atividades extraclasses, dando suporte técnico na realização de atividades práticas e orientação para realização de Seminários;
G) Pesquisa, criação e disponibilização de base de dados digitais georreferenciados, fotografias aéreas, imagens de satélites, arquivos vetoriais, etc., a serem utilizados em atividades práticas das disciplinas;
H) Auxilio na construção do “Atlas Geomorfológico de Pelotas/ RS”, material paradidático voltado para o ensino básico. Amparam-se os professores, enquanto uma ferramenta de trabalho, nos livros didáticos adotados pelas escolas, os quais, trazem a abordagem do conteúdo relevo de modo abrangente. Este Atlas se intenciona pela produção

Resultados Esperados

Espera-se com esse projeto de ensino e atividades de monitoria, qualificar-se o processo de ensino–aprendizagem nas disciplinas de Geomorfologia, Hidrogeografia, Hidrogeografia B e Sensoriamento Remoto, assim como, contribuir para o combate à retenção e à evasão de alunos nos cursos de Geografia (Licenciatura e Bacharelado). Também, contribuir para formação acadêmico-profissional de bolsista monitor.
Ademais, a partir da identificação e exploração de elementos da geográfica física do município de Pelotas e região, espera-se instigar entre os acadêmicos posturas criativas e questionadoras que valorizem os aspectos singulares e plurais e as diferentes dimensões espaço-temporais na compreensão do espaço geográfico, contribuindo-se para qualificação na formação de futuros profissionais em educação e pesquisa.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALLAN DE OLIVEIRA DE OLIVEIRA101/06/201731/12/2017
CAROLINE FAGUNDES REZENDE201/06/201729/12/2017
LIZ CRISTIANE DIAS101/06/201731/12/2017
MOISES ORTEMAR REHBEIN101/06/201731/12/2017

Página gerada em 18/10/2021 09:56:28 (consulta levou 0.032903s)