Nome do Projeto
Projeto Revista Ofícios de Clio (História / UFPel)
Ênfase
ENSINO
Data inicial - Data final
20/01/2019 - 03/02/2020
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Humanas - História
Resumo
O Curso de Licenciatura Plena em História da UFPel teve seu início em dezembro de 1980, no formato de curso complementar à Licenciatura em Estudos Sociais, cada um deles com dois anos de duração. Após 1990, a estrutura modificou-se, passando a constituir-se em curso de Licenciatura em História. Nestes mais de 30 anos de curso, vêm recebendo alunos de diferentes municípios da região sul e de várias cidades do Brasil, especialmente após a implementação da modalidade de seleção do ENEM. Em 2008, no contexto do programa REUNI, realizado pelo Governo Federal, foi criado o curso de Bacharelado em História, que iniciou com uma turma de 40 alunos. Este vem priorizando os estudos de Educação Patrimonial e Organização de Acervos Históricos como áreas de especialidade. Com a abertura deste novo curso, houve uma notável ampliação do quadro de professores do Departamento. Até 2010 os cursos de História estavam ligados ao DHA (Departamento de História e Antropologia) que a partir deste ano foi desmembrado em DH (Departamento de História), DAA (Departamento de Antropologia e Arqueologia) e DMCOR (Departamento de Museologia, Conservação e Restauro). Hoje, o DH congrega os cursos de Licenciatura em História e Bacharelado em História, ambos com entrada anual, sempre ao inicio do período letivo. Por tradição, os cursos de História da UFPel organizam-se através de diferentes Núcleos e Laboratórios de Pesquisa. São eles: o Núcleo de Documentação Histórica da UFPel (NDH - UFPel), fundado em março de 1990, com as funções de um Centro de Documentação e Pesquisa em História; o Núcleo de Pesquisa em História Regional (NPHR), que iniciou suas atividades em 2002, sendo cadastrado como projeto de extensão em 2005; o Laboratório de Ensino e Pesquisa em Antropologia e Arqueologia da Universidade Federal de Pelotas, vinculado ao Instituto de Ciências Humanas (LEPAARQ/ICH/UFPEL) que deu início as suas atividades em agosto de 2001; e o Laboratório de Ensino de História, que nasceu em 2004 visand

Objetivo Geral

Proporcionar aos graduandos do Departamento de História da UFPel e aos alunos do Programa de Pós Graduação em História, bem como de áreas afins e de outras instituições, um espaço acadêmico para publicação de seus artigos autorais, visando o aprimoramento e qualificação do conhecimento histórico.

Justificativa

A Revista Ofícios de Clio vem proporcionando aos nossos discentes da História, bem como aos alunos de áreas afins e de outras Instituições, um espaço qualificado de debate e de incentivo ao incremento da pesquisa. Como se sabe, um grande número de revistas acadêmicas não aceitam artigos de alunos não formados e, em alguns casos, apenas de portadores de título de mestre. Nossa Revista oportuniza aos discentes o incremento de seus currículos, visando seu futuro desenvolvimento acadêmico e profissional. Organizada em formato on line, possibilita uma maior difusão dos trabalhos realizados.
Criada através do projeto intitulado originalmente “Revista Discente dos cursos de Licenciatura em História e Bacharelado em História da UFPel”, cadastrado junto a Pró Reitoria de Ensino da UFPel sob o código 72014 em janeiro de 2014, a Revista Ofícios de Clio possui atualmente (janeiro de 2019) cinco números publicados. Ao longo desses cinco números, a Revista alcançou a participação de autores de variadas instituições, tanto do Rio Grande do Sul quanto de outros estados, tendo uma ótima procura. Espera-se para 2019 a produção dos números seis e sete, almejando-se ainda a qualificação permanente dos trabalhos e a busca por indexadores.
Considera-se ainda que a Revista tem proporcionado aos discentes, artigos úteis as suas tarefas de ensino, pesquisa e extensão. Um dos diferenciais da Revista é sua divisão em quatro seções. A primeira delas constitui-se de um dossiê temático, para o qual é convidado a participar, na condição de proponente, um pós graduando. A segunda seção é composta por artigos livres. A terceira seção é específica para área de Ensino de História e afins, contemplando reflexões teóricas sobre as práticas de ensino e experiências de ensino, tais como trabalho com monitorias, atividades do PIBID, estágios, experiências em Educação Patrimonial, etc. A quarta seção da revista será composta por resenhas de obras publicadas em língua portuguesa ou estrangeira.
A Revis

Metodologia

Sendo a Ofícios de Clio já operacional, conta com aspectos básicos de organização, tais como Regimento, Normas, Conselho Consultivo, como se pode vislumbrar junto ao site https://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/CLIO/index
A Equipe Editorial reúne-se periodicamente a fim de deliberar as diferentes etapas necessárias ao funcionamento da Revista, tais como a abertura de chamadas para publicação, a recepção de artigos, o encaminhamento aos avaliadores, a formatação do texto final, dentre tantas outras. A Editoria, formada por dois discentes do curso de Licenciatura em História, dois discentes do curso de Bacharelado em História e dois discentes do Programa de Pós-Graduação em História (PPGH) da UFPel, é constituída ainda por um docente, Coordenador do Projeto de Ensino, e docentes Colaboradores, todos ligados ao DH ou ao PPGH. A função da Editoria é desempenhar todas as tarefas referentes ao recebimento, organização e publicação da Revista. Sendo assim, as atividades são divididas entre os componentes da mesma, sendo os prazos fixados coletivamente e em concordância com o professor coordenador do Projeto.
Reuniões e demais atividades vem sendo desenvolvidas na sala do Laboratório de Ensino de História (LEH), identificada pelo número 130, no prédio do Instituto de Ciências Humanas.

Resultados Esperados

Tem havido um forte interesse de acadêmicos buscando a publicação de seus trabalhos em nossa Revista, o que reflete a boa condução das chamadas e divulgação da mesma. Felizmente vimos recebendo bons trabalhos de inúmeras graduações e pós graduações, o que valoriza todos os esforços empreendidos.
Quanto ao acesso às publicações, por ser realizada on line e possuir acesso livre, conta com um grande volume de acessos dos seus cinco números. A Revista está hospedada junto à página da UFPel e acessível a internautas dos mais variados locais, o que democratiza a informação.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ARISTEU ELISANDRO MACHADO LOPES120/01/201903/02/2020
BARBARA DENISE XAVIER DA COSTA2015/05/201915/12/2019
GILSON MOURA HENRIQUE JÚNIOR120/01/201903/02/2020
JÉSSICA BITENCOURT LOPES120/01/201903/02/2020
LUCAS DE SOUZA PEDROSO120/01/201903/02/2020
MARCIA JANETE ESPIG220/01/201903/02/2020
MAURO DILLMANN TAVARES220/01/201903/02/2020
THAYNA VIEIRA MARSICO120/01/201903/02/2020
VITOR WIETH PORTO120/01/201903/02/2020

Página gerada em 27/05/2022 23:17:46 (consulta levou 0.026999s)