Nome do Projeto
Diagnóstico da presença de genes de Taenia solium em líquido cefalorraquidiano (LCR) em pacientes submetidos à punção lombar no Hospital Escola da UFPEL
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/08/2011 - 31/01/2014
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Biológicas - Parasitologia
Resumo
Estima-se que cerca de 4 milhões de pessoas no mundo apresentam a forma adulta de Taenia solium e que aproximadamente 50 milhões de pessoas sejam portadoras de cisticercos. Mais de 50.000 pessoas morrem todos os anos devido à neurocisticercose (NCC), enquanto um número muito maior de pacientes apresenta outros tipos de danos neurológicos. Estudos demonstraram que a NCC é a terceira maior causa de internação em hospitais neurológicos, a causa mais comum de epilepsia de início tardio e o diagnóstico final em 10% de todas as autópsias realizadas em hospitais neurológicos. A multiplicidade de sintomas é um dos fatores que dificulta o diagnóstico preciso da doença. Almeida et al (2006) padronizaram a detecção moleculares de NCC em LCR. O objetivo deste projeto é diagnosticar a presença de genes de T. solium em líquido cefalorraquidiano (LCR) em pacientes submetidos à punção lombar no Hospital Escola da UFPEL.

Objetivo Geral

Diagnosticar a presença de genes de T. solium em líquido cefalorraquidiano (LCR) em pacientes submetidos à punção lombar no Hospital Escola da UFPEL

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CAPESR$ 0,00

Página gerada em 10/12/2018 20:09:49 (consulta levou 0.078244s)