Nome do Projeto
Violência contra a mulher perpetrada pelo parceiro íntimo e suas implicações na prevenção do câncer de colo do útero
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
06/04/2014 - 28/02/2017
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Epidemiologia
Resumo
A violência contra a mulher perpetrada pelo parceiro íntimo constitui um grave problema de saúde pública e está associada ao processo de adoecimento, bem como às ações de prevenção e promoção da saúde da mulher. Este projeto de pesquisa tem por objetivo geral analisar a violência contra a mulher perpetrada pelo parceiro íntimo, naquelas cadastradas em unidades de saúde do município de Vitória, Espírito Santo, e, como objetivos específicos: a) descrever a ocorrência e distribuição dos tipos de violência contra a mulher perpetrada pelo parceiro íntimo; b) verificar a ocorrência e distribuição dos tipos de violência de acordo com as características demográficas e socioeconômicas da mulher, do parceiro, bem como as características obstétricas e ginecológicas, e; c) examinar a associação entre a violência perpetrada pelo parceiro íntimo e a realização do Papanicolaou. Os dados serão coletados através de um estudo transversal realizado nos bairros do município de Vitória, Espírito Santo, que possuem unidades de saúde com Estratégia de saúde da Família e/ou Programa de Agentes Comunitários de Saúde. A amostra será composta de 998 mulheres, na faixa etária de 20 a 59 anos, cadastradas na ESF e/ou PACS, que possuem ou tiveram um parceiro íntimo nos últimos 12 meses, será entrevistada na unidade de saúde em que está cadastrada ou no seu domicílio. Será utilizada a técnica de entrevista com registro em formulários em três blocos. O primeiro com questões relacionadas à participante: aspectos demográficos, ginecológicos, obstétricos, comportamentais e classe econômica. O segundo bloco com características demográficas e comportamentais do parceiro íntimo atual/mais recente, e, no terceiro, questões de identificação da violência perpetrada pelo parceiro íntimo, onde será aplicado o instrumento intitulado World Health Organization Violence Against Women.

Objetivo Geral


Geral

- Estudar a violência perpetrada pelo parceiro íntimo, entre mulheres cadastradas em unidades de saúde com ESF e/ou PACS do município de Vitória, Espírito Santo, e suas implicações na realização e frequência do exame de prevenção do câncer de colo do útero.


Específicos

- Descrever a ocorrência e distribuição dos tipos de VPPI, entre mulheres cadastradas em unidades de saúde do município de Vitória, Espírito Santo.
- Verificar a ocorrência e distribuição da VPPI segundo as características demográficas, econômicas e comportamentais da mulher, do parceiro, bem como as características obstétricas e ginecológicas.
- Examinar a associação entre a VPPI e a realização e frequência do exame de Papanicolaou.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
FRANCIÉLE MARABOTTI COSTA LEITE206/04/201428/02/2017

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CAPESR$ 52.800,00
CNPqR$ 136.000,00

Página gerada em 09/12/2018 18:06:58 (consulta levou 0.084631s)