Nome do Projeto
Validação de limiares com acelerometria para classificação de diferentes intensidades de atividade física em adultos
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
31/10/2014 - 28/02/2017
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Epidemiologia
Resumo
Os acelerômetros representam atualmente um dos principais instrumentos de mensuração da atividade física, permitindo avaliar de forma objetiva a duração, a frequência e a intensidade das atividades realizadas. Mesmo com a grande evolução dos monitores nas últimas décadas, ainda existe a demanda de aprimoramentos principalmente na interpretação das informações fornecidas pelo instrumento e na distinção dos tipos de atividades físicas realizadas. Por meio de uma revisão sistemática e dois estudos originais, a presente tese de doutorado terá como objetivos: analisar os métodos para definição de limiares de intensidades de atividade física com dados de acelerometria; comparar os dados de acelerometria com a classificação de intensidade de atividade física de acordo com diferentes medidas critério; elaborar propostas de pontos de corte para classificação de intensidades de atividade física com dados de acelerometria, tendo como parâmetro medidas critério distintas; comparar os padrões de atividade física conforme diferentes propostas de pontos de corte para classificação de intensidades com dados de acelerometria. Será realizado uma revisão sistemática, utilizando bases de dados indexadas, nacionais e internacionais, com os seguintes descritores: [("motor activity" or "physical activity" or "physical fitness" or "physical exercise") AND ("accelerometry" OR "accelerometer") AND ("calibration" OR "cut-off" OR "validity" OR "validation")]. Para a comparação e proposta de pontos de corte de atividade física moderada e vigorosa será realizado um estudo de calibração, no qual será selecionada, por conveniência, uma amostra de 100 a 150 adultos. Os participantes serão submetidos a 10 tipos diferentes de atividades físicas, quando serão coletadas informações de acelerometria (acelerômetro Actigraph – wGT3X-BT), consumo de oxigênio (analisador de gases VO2000) e percepção subjetiva de esforço (escala de Borg). Após o processo de calibração, os dados de acelerometria do último acompanhamento da Coorte de 1982 de Pelotas-RS (2.740 adultos com 30 anos de idade) serão analisados conforme os novos pontos de corte e de outros já existentes na literatura, e a partir disso comparar os padrões de atividade física de acordo com as diferentes propostas de classificação. Este projeto será submetido ao Comitê de Ética em Pesquisa da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Pelotas.

Objetivo Geral

Objetivo geral

Revisar e propor diferentes pontos de corte para classificação das intensidades de atividade física em adultos por meio de acelerometria.


Objetivos específicos

1. Revisar de forma sistemática os métodos utilizados em estudos de calibração para classificação da intensidade de atividade física com acelerometria direcionados à população adulta.

2. Comparar os dados de acelerometria com a classificação de intensidade de atividade física de acordo com três medidas critério: limiares de VO2, METs e PSE.

3. Elaborar duas propostas de pontos de corte para classificação de intensidades de atividade física com dados de acelerometria. Comparar os padrões de atividade física em adultos conforme as diferentes propostas de pontos de corte.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
FELIPE FOSSATI REICHERT131/10/201428/02/2017
GABRIEL VÖLZ PROTZEN1201/12/201531/07/2016
INÁCIO CROCHEMORE MOHNSAM DA SILVA131/10/201428/02/2017
MÁRCIO DE ALMEIDA MENDES431/10/201428/02/2017

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CNPqR$ 44.951,00
FAPERGS (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul)R$ 106.890,50

Página gerada em 24/06/2021 03:21:47 (consulta levou 9.238134s)