Nome do Projeto
Avaliação das tensões geradas no osso peri-implantar devido à micro movimentações e aplicação de forças em implantes com diferentes geometrias. Análise tridimensional de elementos finitos.
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
11/05/2015 - 20/12/2017
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde - Odontologia
Resumo
A micro movimentação é fator determinante para o sucesso da osseointegração de implantes. Tem sido sugerido pela literatura que micro movimentações de até 150 μm podem ser suportadas pelo tecido ósseo peri-implantar sem que haja formação de tecido fibroso na interface implante/osso. Além disso, a geometria do implante e, consequentemente, de suas espiras, pode afetar a maneira como as tensões provenientes de esforços funcionais se dissipam no tecido ósseo peri-implantar. Desta maneira, este trabalho propõe avaliar as tensões geradas no tecido ósseo peri-implantar quando micro movimentações e esforços funcionais ocorrem em implantes com diferentes geometrias de diferentes marcas comerciais por meio de análise tridimensional de elementos finitos. Os modelos geométricos serão confeccionados com software de modelagem 3-D (SolidWorks 2010, USA) e exportados para um software específico de para a análise de elementos finitos (ANSYS Workbench 12, USA). Micro movimentações (50, 150, e 250 μm) do implante serão realizadas nos sentidos horário e anti-horário. Carga oblíqua (110N vertical; 15N horizontal) será aplicada sobre os implantes de modo a simular esforços funcionais. Todas as análises serão realizadas objetivando a obtenção da Tensão Máxima Principal, de von Mises, microstrain e deformação no tecido ósseo peri-implantar. Os resultados obtidos serão apresentados de forma qualitativa por meio da análise de figuras mostrando a distribuição das tensões por gradiente de cores e quantitativa por meio da leitura numérica em software das tensões em determinadas regiões dos modelos.

Objetivo Geral

O presente trabalho tem como objetivo geral verificar por meio de análise tridimensional de elementos finitos a concentração de tensões no tecido ósseo peri-implantar (von Mises, Tensão Máxima Principal, microstrain) quando micro movimentações e esforços funcionais ocorrem em implantes com diferentes geometrias.
Como objetivo específico, este trabalho avaliará o comportamento biomecânico do osso peri-implantar quando o implante é submetido à (1) micro movimentações aquém (50 μm), no limite (150 μm), e além do limite estipulado pela literatura (250 μm) para a manutenção da osseointegração em implantes, e (2) quando esforços funcionais são aplicados nos implantes.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
SABRINA TELLES LOVATTO211/05/201520/12/2017
SABRINA TELLES LOVATTO1201/08/201531/07/2016

Página gerada em 21/09/2020 16:56:05 (consulta levou 0.081863s)