Nome do Projeto
Respostas cardiorrespiratórias e neuromusculares crônicas a 16 semanas de treinamento entre protocolo intervalado de intensidade supramáxima tradicional e calistênico
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
17/08/2015 - 17/08/2016
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde - Educação Física
Resumo
O presente estudo tem como objetivo avaliar e comparar as respostas cardiorrespiratórias e neuromusculares a realização de 16 semanas de treinamento aeróbio de intensidade supramáxima tradicional e calistênico. O estudo será composto por 60 adultos jovens de 18 a 40 anos recrutados de modo voluntário e aleatorizados em três grupos: treinamento intervalado de intensidade supramáxima tradicional; treinamento intervalado de intensidade supramáxima calistênico e grupo controle, o qual realizará treinamento contínuo de intensidade moderada. O programa de treinamento consistirá na realização de 16 semanas de treinamento com frequência semanal de 3 sessões em dias não consecutivos. Em semana anterior ao início do programa, os sujeitos serão avaliados em teste incremental para quantificação do consumo máximo de oxigênio (VO2máx), frequência cardíaca (FC) máxima assim como também VO2 e FC correspondentes ao segundo limiar ventilatório (LV2). Ainda, serão mensuradas as contrações isométricas voluntárias máximas (CIVM) de extensores (reto femoral e vasto lateral) e flexores (bíceps femoral) de quadril e flexores de ombro (deltoide anterior) associadas à célula de carga e eletromiografia, assim como a economia neuromuscular à 50% da CIVM. Além dessas, variáveis cinéticas e tempo de vôo no salto com contramovimento (CMJ) e salto agachado (SJ) e medidas de economia de corrida também serão coletadas. Por fim, todas essas variáveis serão repetidas na semana 8 juntamente com um reajuste das cargas de treino e pelo menos 72h após a semana 16. A análise dos dados será realizada no software SPSS v. 22.0, sendo as variáveis testadas quanto a normalidade e homogeneidade das variâncias com os teste de Shapiro-Wilk e Levene, respectivamente. Para a descrição dos sujeitos será utilizada estatística descritiva e quanto à comparação entre as variáveis pré- e pós-treinamento, será utilizada análise de variância (ANOVA) para medidas repetidas com fator grupo, e post hoc de Bonferroni com um α=5%.

Objetivo Geral

Avaliar e comparar as respostas cardiorrespiratórias e neuromusculares crônicas a 16 semanas de treinamento entre protocolo contínuo, intervalado de intensidade supramáxima tradicional e calistênico.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
GUSTAVO ZACCARIA SCHAUN2017/08/201517/08/2016
STEPHANIE SANTANA PINTO117/08/201517/08/2016

Página gerada em 17/11/2019 05:47:57 (consulta levou 0.075159s)