Nome do Projeto
Obtenção de Anticorpos Anti-CAT A, B e C de Oryza sativa a partir da proteína recombinante visando detectar a enzima catalase envolvida no estresse abiótico
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
30/04/2016 - 27/04/2018
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Biológicas - Bioquímica
Resumo
O arroz pode ser considerado a terceira mercadoria mais produzida no mundo, sendo também o segundo cereal em produtividade, com aproximadamente 4,4 ton.ha-1, totalizando mais de 722 milhões de toneladas em todo o mundo. Em condições naturais ou de cultivo as plantas estão constantemente expostas a adversidades que causam interferência em sua homeostase. Estas adversidades podem ser de caráter biótico ou abiótico e são comumente denominados de estresse. Dentre as diversas enzimas envolvidas no metabolismo vegetal, daremos destaque as catalases, definidas como proteínas homo-tetraméricas, composta por quatro subunidades idênticas de 60 kDa com um único grupo ferriprotoporfirina (Heme) em cada subunidade (Zamock e Koller, 1999). Podendo ser considerada uma importante classe de proteínas relacionadas a injúria a que o vegetal é submetido. Esta enzima decompõe H2O2 produzido em plantas durante o funcionamento normal da atividade metabólica e a um nível elevado e sob várias condições de estresse abióticos Com o intuito de alavancar e elucidar de forma confiável informações que possam está vinculadas ao estresse em que as plantas estão submetidas, trazemos a premissa de que com a obtenção e participação de instrumentos como anticorpos específicos para confirmar a expressão da enzima. Atualmente, a aquisição de forma nacional de insumos relacionados a essa área vegetal é custosa, tornando a pesquisa muitas vezes dispendiosa. Com os anticorpos anti-CAT, não é diferente, sua aquisição mostra-se muito dispendiosa. Desta forma, em nosso estudo visamos a sua obtenção através da metodologia proposta com o intuito de valorizar e proporcionar uma forma de detectar níveis de expressão da catalase, e assim auxiliar os produtores na detecção de cultivares que possam está se mostrando tolerantes ao estresse, além de ser um viés que visa baratear e viabilizar a pesquisa com sua utilização.

Objetivo Geral

Obter anticorpos policlonais anti-CAT-A, anti-CAT-B e anti-CAT-C de Oryza sativa, utilizando proteínas heterólogas expressas em E. coli, visando a detecção do estado fisiológico da planta de arroz submetida a estresse oxidativo

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
LAURA JUNQUEIRA DE CAMARGO130/04/201627/04/2018
LAURA JUNQUEIRA DE CAMARGO1201/08/201631/07/2017
MARA ANDRADE COLARES MAIA430/04/201627/04/2018
RAFAEL CAGLIARI130/04/201627/04/2018
SIBELE BORSUK130/04/201627/04/2018

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CAPESR$ 20.000,00

Página gerada em 13/06/2021 02:34:39 (consulta levou 0.046234s)