Nome do Projeto
Variáveis meteorológicas e climáticas e o impacto à saúde de crianças e idosos no estado do Rio Grande do Sul
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
14/04/2016 - 13/03/2020
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Meteorologia Aplicada
Resumo
Esse estudo será realizado em diferentes regiões do Estado do RS (norte, sul, leste, oeste e centro), buscando avaliar a influência das variáveis ambientais nos problemas de saúde de idosos e crianças (semelhança das condições de tempo, frequência e período de ocorrência das enfermidades, etc...). O Rio Grande do Sul (RS) apresenta uma grande variabilidade nas condições de Tempo e Clima , as quais exercem enorme impacto à saúde da população, (principalmente de crianças e idosos, que são as parcelas mais suscetíveis). A intensidade dessas variações ocorrem, por exemplo, de acordo com as características geográficas de cada região (Serra, Planalto, Depressão Central, Campanha, Litoral, etc...), alcançando, temperaturas próximas dos 40°C em algumas localidades e abaixo de Zero grau em outras. Merecem destaque os extremos de temperaturas já registrados no RS. Em 2009, - 6,3°C em Vacaria , e 42.2°C observado em 2006; (8º DISME/INMET 2006 e 2008). Os dados a serem utilizados nesse estudo consistirão de séries históricas das variáveis meteorológicas obtidos das estações meteorológicas (manual/automática) do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). As informações (consultas ambulatoriais) sobre os problemas respiratórios e cardiovasculares da população serão obtidas de Unidades Básicas de Saúde, junto ao Centro Estadual de Vigilância em Saúde, da Secretaria Estadual de Saúde do estado do Rio Grande do Sul (CEVS/SES), bem como, de registros oriundas do Banco de Dados do Sistema Único de Saúde (DATASUS), do Ministério da Saúde, através das Autorizações de Internações Hospitalares (AIH). Análise estatísticas (como, Análise de Correlação, Análise de Componentes Principais e Análise de Agrupamento, p.ex.) serão aplicadas aos dados, a fim de identificar possíveis associações do tempo/clima come problemas de saúde, para, posteriormente, desenvolver um sistema de alerta de períodos favoráveis ao aparecimento de doenças respiratórias e cardiovasculares na população.

Objetivo Geral

o objetivo geral dessa pesquisa é analisar a associação entre tempo e clima e a ocorrência de doenças em crianças e idosos em diferentes regiões do estado do Rio Grande do Sul (RS). Como objetivos específicos busca-se: Analisar a contribuição das variáveis pressão atmosférica, temperatura do ar, umidade do ar e velocidade e direção do vento, bem como, diferentes índices de conforto térmico humano no aparecimento surgimento de problemas respiratórios e cardiovasculares de crianças e idosos; Investigar a contribuição de diferentes “tipos de Tempo” (sistemas frontais e de massas de ar), nos dias (e dias anteriores) com (ao) aumento de doenças respiratórias e cardiovasculares, avaliando a variabilidade mensal e interanual das enfermidades; Verificar a semelhança (ou não, do ponto de vista meteorológicos) entre as frequências de problemas respiratórios e cardiovasculares em diferentes regiões do RS; Analisar a trajetória dos sistemas meteorológicos (“responsáveis” pelos problemas à saúde); Criação de um modelo matemático capaz de explicar a relação entre variáveis meteorológicas e doenças, buscando assim desenvolver uma ferramenta preditiva (“Sistema de Alerta”) para períodos críticos para tais enfermidades em função do Tempo e Clima.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANDRE BECKER NUNES114/04/201613/03/2020
FABRICIO PEREIRA HARTER114/04/201613/03/2020
HUMBERTO CONRADO214/04/201613/03/2020
JULIO RENATO QUEVEDO MARQUES414/04/201613/03/2020
LEONARDO CALVETTI214/04/201613/03/2020
LETICIA MOREIRA NICK305/02/201813/03/2020
MARCELO FELIX ALONSO114/04/201613/03/2020
NATHALIA BARBOZA COI114/04/201631/12/2017
NATHÁLIA BISSAQUE PESSOTA214/04/201631/01/2017
ÍGOR ROJAHN DA SILVA214/04/201631/12/2017

Página gerada em 12/12/2019 04:09:55 (consulta levou 0.094178s)