Nome do Projeto
Influência do Carcinoma Espinocelular Oral no domínio emocional da qualidade de vida e no desenvolvimento de sintomas depressivos em pacientes oncológicos. Estudo prospectivo.
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
18/04/2016 - 31/12/2020
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências da Saúde - Odontologia
Resumo
O câncer é uma das maiores ameaças à saúde pública atual, representando a segunda maior causa de morte em países desenvolvidos. O carcinoma espinocelular (CEC) responde por 90% de todos os tumores malignos da cavidade oral e orofaringe e está relacionado a uma baixa sobrevida. A ressecção cirúrgica do tumor é a modalidade curativa mais utilizada, levando a danos estéticos e funcionais que se refletem em dificuldade de interação social e problemas psicológicos, com impacto negativo na qualidade de vida e provável quadro de depressão. O presente trabalho objetiva avaliar através de um estudo prospectivo em pacientes com CEC de cavidade oral submetidos a cirurgia, a qualidade de vida, o impacto da doença no domínio emocional desta qualidade e no desenvolvimento de sintomas depressivos. Como instrumento para avaliação da qualidade de vida será utilizado questionário específico FACT H&N , seguido do questionário BDI para avaliação de sintomas depressivos e da escala de resiliência para avaliação da adaptação psicossocial.

Objetivo Geral

2.1 Objetivo geral
Este estudo prospectivo pretende avaliar o impacto do diagnóstico e tratamento cirúrgico de pacientes com carcinoma espinocelular de cavidade oral no domínio emocional e consequentemente na qualidade de vida dos mesmos. Além disso, identificar os sintomas depressivos na mesma população. Em um segundo momento, identificar se há correlação positiva entre o escore do domínio emocional dos questionários de qualidade de vida, o escore total do questionário de qualidade de vida e os sintomas depressivos do paciente.

2.2 Objetivos específicos
• Relacionar a qualidade de vida de pacientes com carcinoma espinocelular de cavidade oral (CECCO) com duração do tratamento oncológico
• Relacionar a qualidade de vida de pacientes com carcinoma espinocelular de cavidade oral com tipo de tratamento oncológico (cirúrgico, cirúrgico associado a quimioterapia e/ou radioterapia)
• Relacionar a qualidade de vida de pacientes com carcinoma espinocelular de cavidade oral com sítio anatômico e estadiamento tumoral
• Relacionar a qualidade de vida de pacientes com carcinoma espinocelular de caviade oral com fatores sócio-demográficos (sexo, idade, uso de álcool e tabaco).
• Avaliar o tempo de espera do paciente no serviço acompanhado, entre diagnóstico inicial e tratamento cirúrgico oncológico.
• Relacionar a qualidade de vida dos pacientes com Carcinoma espinocelular de cavidade oral com sintomas depressivos ao longo do tratamento onco-cirúrgico
• Identificar sintomas depressivos nos pacientes com carcinoma espinocelular de cavidade oral submetidos à cirurgia oncológica.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ADRIANA ETGES118/04/201631/12/2020
EDUARDO DE FREITAS GOMES118/04/201631/12/2020
EDUARDO DE FREITAS GOMES118/04/201631/12/2020
FABIO RENATO MANZOLLI LEITE118/04/201631/12/2020
GUSTAVO GIACOMELLI NASCIMENTO118/04/201631/12/2020
ROBERTA DALMOLIN BERGOLI DE ALMEIDA818/04/201631/12/2020

Página gerada em 22/09/2019 22:08:33 (consulta levou 0.091009s)