Nome do Projeto
A cor da pele pode influenciar a indicação de tratamentos odontológicos? Um estudo baseado na prática clínica
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
28/04/2016 - 31/08/2018
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde - Odontologia
Resumo
A indicação do plano de tratamento odontológico é um dos momentos mais importantes da prática clínica, pois a indicação de uma inadequada abordagem pode se refletir em um prejuízo permanente à saúde do paciente. Fatores como o local de atuação do profissional, características dos materiais empregados ou até mesmo as características do próprio paciente, como a cor da pele, podem influenciar a tomada de decisão.Desta forma, o objetivo do presente estudo será investigar se as características de cor da pele dos pacientes podem influenciar a tomada de decisão clinica por cirurgiões dentistas em cidades de diferentes regiões do Brasil. Será conduzido um estudo transversal nas cidades de Pelotas e Fortaleza. Serçao realizadas, através de questionários, duas entrevistas com cada profissional. Na primeira entrevista, os dados sociodemográficos serão coletados e os casos clínicos serão apresentados juntamente com as respectivas imagens fotográficas. Na segunda entrevista, serão apresentados os mesmos casos clínicos da primeira entrevista após tratamento digital (Software PhotoShop®) para caracterização dos tecidos moles do paciente com coloração características de pessoas de cor da pele preta. Será reservado um período mínimo de dois meses entre a cada entrevista para evitar que os cirurgiões dentistas reconheçam o caso previamente apresentado. As opções de diagnóstico e tratamento serão idênticas às da primeira entrevista. Com a finalidade de evitar um possível viés, será conduzido um desenho cruzado onde metade dos profissionais participantes receberão primeiro o caso do paciente branco e metade do paciente negro. Será realizada uma análise descritiva para determinar a frequência relativa e absoluta das variáveis de interesse. As associações serão testadas através do teste Qui-quadrado com correção exata de fisher, considerando nível de confiança de 95%.

Objetivo Geral

2.1 OBJETIVO GERAL
Investigar, através de questionário, se a conduta clínica de profissionais cirurgiões-dentistas é influenciada por características da cor da pele dos pacientes na prática clínica da cidade de Pelotas e Fortaleza.

2.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS
• Investigar o diagnóstico e o tratamento clínico indicado em lesões iniciais de cárie (terço externo de dentina) na prática clínica de dentistas.
• Investigar a associação entre a cor da pele e a indicação de tratamento de amplas destruições coronárias por parte dos profissionais;
• Investigar se os profissionais indicam a substituição de restaurações satisfatórias de amálgama e se há associação da indicação de tratamento com as características de cor da pele dos pacientes
• Investigar se profissionais de duas diferentes regiões do Brasil apresentam indicações de tratamentos diferentes em relação a cor da pele dos indivíduos.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANA LUIZA CARDOSO PIRES228/04/201631/08/2018
EZEQUIEL CARUCCIO RAMOS1201/08/201631/07/2018
KAIO HEIDE SAMPAIO NÓBREGA228/04/201631/08/2018
LUIZ ALEXANDRE CHISINI228/04/201631/08/2018
MATEUS BERTOLINI FERNANDES DOS SANTOS128/04/201631/08/2018
THAÍS GIODA NORONHA228/04/201631/08/2018

Página gerada em 25/01/2021 19:40:05 (consulta levou 0.089368s)