Nome do Projeto
Avaliação de cabelos por Calorimetria Exploratória Diferencial como uma alternativa aos métodos instrumentais quantitativos
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/08/2016 - 01/08/2018
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Exatas e da Terra - Química
Resumo
A calorimetria exploratória diferencial (DSC) é uma técnica de análise térmica a qual mede a diferença de energia das substâncias ou materiais. Nesta técnica, a análise é realizada, introduzindo-se no equipamento um cadinho com a amostra, e outro com a referência, o qual pode ser somente o cadinho vazio. As medições se baseiam na comparação do fluxo de calor do cadinho que tem amostra, com o de referência. 1,2 A DSC apresenta os eventos endotérmicos e exotérmicos de forma muito clara, pois os sensores são sensíveis a qualquer variação de fluxo de calor, conduzindo assim a desvios da linha da base. O equipamento fornece resultados em curto espaço de tempo, com o uso de pequenas quantidades de massa de amostra. 1 O cabelo humano é uma fonte muito importante de micro vestígios em análises forenses, ele é muito utilizado para detecção de drogas consumidas pelo indivíduo. Assim podem-se obter resultados confiáveis de análises de amostras de indivíduos que tenham feito uso de substâncias ilícitas com confiabilidade de até três meses após o uso, a principal técnica utilizada nessa análise é a espectrometria de massas acoplada a cromatografia gasosa (CG-MS).3 Outro método que também merece destaque na análise de cabelos, é a DSC, com um objetivo diferente ao de análises de drogas, a intenção é identificar a etnia de determinado indivíduo através dos eventos endotérmicos e exotérmicos característicos de cada etnia, observados durante o procedimento de análise por DSC.4 Desta forma, a proposta do projeto é desenvolver um banco de dados no DSC de análises de perfil térmico, com diversificação entre os cabelos, podendo assim comprovar a identificação de etnia de um indivíduo aleatório através do banco de dados.

Objetivo Geral

- Caracterização do perfil de degradação dos fios de cabelos de diferentes etnias;
- Analisar os fios (in natura e danificados termicamente) em temperaturas positivas;
- Identificar e caracterizar os principais eventos térmicos (endo e exotérmicos) que ocorrem na análise por DSC;
- Correlacionar com os tipos de substâncias que se degradam a estas temperaturas ou faixas de temperatura;
- Avaliar o perfil de ácidos graxos dos diferentes tipos étnicos de cabelos;
- Comprovar se existe influência da composição de ácidos graxos com o perfil de degradação térmica dos cabelos.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
BRUNA SILVEIRA PACHECO401/08/201601/08/2018
CLAUDIO MARTIN PEREIRA DE PEREIRA101/08/201601/08/2018
GABRIELA TOLFO GUERRA1001/08/201601/08/2018
JAQUELINE DENISE BALSAN801/08/201601/08/2018
MARCELO GUERREIRO CRIZEL201/08/201612/09/2017
NATHALIA PASSOS MOURA601/08/201601/08/2018
SAMANTHA COELHO DE FREITAS1001/08/201612/09/2017
THALIA CRUZ LUZ SOARES601/08/201601/08/2018

Página gerada em 28/09/2021 05:08:09 (consulta levou 0.299719s)