Nome do Projeto
ANÁLISE DO PROCESSO DE ELABORAÇÃO DE ESTRATÉGIAS: UMA PESQUISA SOBRE VINÍCOLAS DO BRASIL
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
10/06/2018 - 10/06/2020
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Sociais Aplicadas - Administração
Resumo
O processo de formulação de estratégia é permeado por diferentes abordagens que estimulam as agendas de pesquisadores buscando compreender as melhores rotas e combinações entre elas, visando ampliar/testar as visões teóricas, além de gerar suporte para tomadores de decisões dos diferentes segmentos empresariais. Dentre a abordagens teóricas, identifica-se a orientação estratégica, capacidade dinâmica, em função dos objetivos da presente pesquisa destaca-se a capacidade turística, diferenciação, incerteza ambiental e desempenho. Diante dos aspectos mencionados, buscou-se identificar um segmento que possuísse características com aderência aos construtos relatados. Neste sentido, o setor da vinícola brasileiro foi caracterizado como tal. Considerando os dados da União Brasileira de Vitivinicultores - Uvibra (2017) a comercialização de vinhos teve uma retração de 18,45% no período 2016/2015, considerando o mercado interno, já na comparação no mercado externo, neste mesmo período, houve um acréscimo na comercialização de vinho de 10,24%. A UVIBRA (2017) apresenta um estudo ampliando este período para o comparativo dos últimos 5 anos, 2016/2011, onde demonstra que tanto no mercado interno, quanto no mercado externo, é identificado uma retração, sendo de 6,70% no mercado interno e de 33,30% no mercado externo. Portanto, faz-se necessário a elaboração de modelos para compreender as relações teóricas existentes e promover ações que auxiliem os empreendimentos vinícolas a se manterem no mercado. Assim, a presente pesquisa visa entender essas relações. Frente às justificativas apresentadas, o trabalho tem os seguintes problemas de pesquisa: Qual a associação entre a orientação estratégica, diferenciação e desempenho organizacional? Qual a associação entre a incerteza ambiental, capacidade turística e desempenho organizacional?

Objetivo Geral

Objetivos Gerais: Associar a orientação estratégica com diferenciação e esta com o desempenho de vinícolas brasileiras; Associar a incerteza ambiental com capacidade turística e esta com o desempenho de vinícolas brasileiras. Objetivos Específicos: Associar orientação estratégica com diferenciação; Relacionar diferenciação com desempenho; Relacionar a incerteza ambiental com a capacidade turística; Relacionar capacidade turística com o desempenho organizacional.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANGELA SCHWAB MORRONE1201/08/201831/07/2019
CRISTIANO PINTO KLINGER210/06/201810/06/2020
GABRIELA JURAK DE CASTRO210/06/201810/06/2020
HARIEL LUIZ DOS SANTOS1201/08/201831/07/2019
MICHELE RAASCH210/06/201810/06/2020
OTAVIO AUGUSTO ZANIN DELEVEDOVE210/06/201810/06/2020

Página gerada em 28/06/2022 15:50:03 (consulta levou 0.083287s)