Nome do Projeto
AVALIAÇÃO DO ESTADO NUTRICIONAL DO PESSEGUEIRO NA REGIÃO PRODUTORA DE PELOTAS/RS ATRAVÉS DO SISTEMA INTEGRADO PARA DIAGNOSE E RECOMENDAÇÃO (DRIS)
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
20/01/2019 - 31/12/2021
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Resumo
O presente projeto tem como hipótese principal o fato de que sistema atual adotado para interpretação de analises de tecido foliar apresenta determinadas limitações de uso, sendo a aplicação do DRIS uma ferramenta para suprir essas limitações e prover uma interpretação das análises de tecido foliar mais precisa, juntamente com o fato de que a região produtora de Pelotas é destaque nacional na produção de pêssego, principalmente para indústria de conservas. Esta região caracteriza-se por pequenas propriedades familiares, com baixa tecnificação e muitas tem a produção de pêssego como fonte principal de renda. Neste sentido, torna-se essencial identificar e conhecer o estado nutricional dos pomares da região, a fim de melhorar o sistema de recomendação de adubação desta cultura, melhorando assim o uso de fertilizantes e sua aplicação racional, tendo como consequência um aumento da margem da renda dos produtores, sem investimentos em tecnologias de difícil acesso e uso.

Objetivo Geral

OBJETIVO GERAL

Avaliar o estado nutricional da cultura do pessegueiro na região produtora de Pelotas/RS, utilizando o método DRIS (Sistema Integrado de Diagnose e Recomendação) para interpretação das análises de tecido foliar, análise das relações entre concentrações dos nutrientes nas folhas e índices DRIS, utilizando o método DRIS como nova metodologia de interpretação de análises foliares e recomendação de adubação.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

• Desenvolver o sistema DRIS para a cultura do pessegueiro na região produtora de Pelotas.
• Estabelecer as normas DRIS para a cultura do pessegueiro.
• Identificar as relações entre as concentrações de nutrientes no tecido foliar de pessegueiros.
• Identificar as variações entre cultivares, no que diz respeito as relações entre as concentrações de nutrientes no tecido foliar.
• Comparar a aplicação do DRIS em três cultivares diferentes afim de se obter possíveis diferenças entre cultivar.
• Estabelecer o DRIS como nova metodologia para interpretação de análises foliares de pessegueiro

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CAROLINE FARIAS BARRETO220/01/201931/12/2021
JORGE ATÍLIO BENATI220/01/201931/12/2021
LUCAS DE OLIVEIRA FISCHER820/01/201931/12/2021
RENAN NAVROSKI2020/01/201931/12/2021

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
UFPEL (Universidade Federal de Pelotas)R$ 1,00
CNPqR$ 1,00
EMBRAPAR$ 1,00
CAPES/PROAPR$ 15.000,00

Página gerada em 29/05/2022 06:43:56 (consulta levou 0.039913s)