Nome do Projeto
Animação Experimental Brasileira: Conceito, Técnicas, Realizadores, Obras e Telas de Exibição
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
11/03/2019 - 18/08/2020
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Linguística, Letras e Artes - Artes - Cinema
Resumo
A experimentação constitui o cinema de animação brasileiro, desde os seus primórdios, conforme apresentados no documentário Luz, Anima, Ação (Eduardo Calvet, 2013). Através de dados e fatos históricos podemos compreender que a falta de recursos levou os animadores a explorarem seu senso autodidata, buscando soluções inventivas. Partindo de dados pertencentes a filmografia brasileira em animação, compreendemos que a experimentação é um dos alicerces que fundamentam o seu desenvolvimento inicial. Embora esse tema esteja contemplado no artigo de Marcos Magalhães (2011) e, mais recentemente, nos textos de Marcos Buccini (2018) e Cristiana Miranda, Lucas Murari e Luiz Garcia (2018), não encontramos registros com o foco no panorama histórico e brasileiro, pelo ponto de vista dos realizadores, filmes e telas de exibição. É neste contexto que elaboramos os objetivos desta pesquisa, destacando sua relevância enquanto contribuição inédita para este campo de estudos. A metodologia utilizada nesta pesquisa está dividida em quatro etapas: 1) estudo do conceito 'animação experimental' mediante a análise e descrição do processo de realização de dois filmes com esta linguagem, realizados por estudantes do curso Cinema de Animação da Universidade Federal de Pelotas (UFPel): A Olho Nu (2018, Bruno Iligo, Luana Biagioni e Ramona Krüger) e Euforia (Luana Biagioni, Bruno Iligo e Rodrigo Mattos, 2018); 2) levantamento de dados históricos no Brasil sobre realizadores e suas respectivas obras, através da consulta de textos, catálogos de festivais, documentários e páginas na internet; 3) realização de entrevistas com realizadores, no intuito de compreender e apresentar o ponto de vista deles sobre as condições de produção e exibição contemporâneas para este tipo de filme, no Brasil; 4) partindo de obras brasileiras de animação, elaborar categorias de análise para identificar e descrever características relacionadas às especificidades de técnicas como stop-motion, 2D e 3D e como elas estão expressas em termos de animação experimental. Em paralelo, utilizamos um espaço na internet (https://animacaoexperiment.wixsite.com/animacaoexperimental) como repositório dos dados coletados e fonte de acesso para o público interessado no tema.

Objetivo Geral

:: Objetivo Geral
Compreender a animação experimental no Brasil em termos de conceito, linguagem expressiva e dados históricos vinculados a realizadores, obras e telas de exibição.

:: Objetivos Específicos
. Compreender o conceito 'animação experimental', mediante a análise do processo de criação de obras com essa forma expressiva.
. Traçar um panorama histórico sobre animação experimental no Brasil, dos primórdios à contemporaneidade, mediante identificação e registro sobre realizadores e suas obras.
. Verificar quais são as condições para a realização de obras em animação experimental brasileira, considerando o panorama histórico e destacando questões a partir do uso de equipamentos digitais.
. Identificar quais são as telas de exibição no Brasil para obras experimentais em animação.
. Analisar as relações entre a linguagem experimental e as técnicas de animação (2D, 3D e stop-motion).

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CAROLINE GARCIA DA ROSA611/03/201918/08/2020
LUANA BIAGIONE CARVALHO SANTA ROSA611/03/201918/08/2020
VIVIAN HERZOG111/03/201918/08/2020

Página gerada em 30/01/2023 02:16:06 (consulta levou 0.059243s)