Nome do Projeto
IMPACTO DO USO DE ADITIVOS NA PRODUÇÃO DE RUMINANTES
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/05/2019 - 01/03/2023
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Resumo
Avanços na nutrição de ruminantes requerem novas estratégias de manipulação da fermentação ruminal para que os efeitos benéficos sejam aprimorados e os deletérios minimizados ou excluídos. Como estratégia tem-se adotado o uso de aditivos alimentares, que ao serem adicionados ao alimento propiciam melhor eficiência de utilização dos alimentos. Dentre as pesquisas realizadas, os resultados de ganho de peso, consumo de matéria seca, e ou produção e qualidade do leite mediante utilização de aditivos na dieta ainda são controversos. Dessa forma, um estudo sistemático de meta-análise pode mostrar de forma mais clara quais os potenciais efeitos dos aditivos e auxiliar em tomadas de decisões a nível de campo. Portanto o objetivo desse projeto é realizar vários estudos de meta-análise para verificar o efeito do uso de vários aditivos (ex. enzimas, probióticos, prebióticos, antibióticos e coccidianos) nas com diferentes espécies de ruminantes em diferentes categorias produtivas.

Objetivo Geral

Avaliar o efeito do uso de diferentes classes de aditivos sobre o desempenho de bovinos de corte e ovinos, bem como da produção e composição do leite de vacas.
• Avaliar se o efeito do uso de aditivos (leveduras, gordura, monensina, virginiamicina, enzimas, extrato de plantas, prebióticos e probioóticos) influencia na digestibilidade, consumo de MS, conversão alimentar, retenção de nitrogênio, produção de metano, e eficiência de síntese de proteína microbiana de ruminantes.
• Avaliar se o efeito do uso de aditivos (leveduras, gordura, monensina, virginiamicina, enzimas, extrato de plantas, prebióticos e probioóticos) influencia a composição e produção do leite de vacas em diferentes fases de lactação.
• Avaliar se o efeito do uso de aditivos (leveduras, gordura, monensina, virginiamicina, enzimas, extrato de plantas, prebióticos e probioóticos) influencia o desempenho de bovinos e ovinos de corte.
• Avaliar se a relação volumoso:concentrado da dieta influencia o efeito do uso aditivos (leveduras, gordura, monensina, virginiamicina, enzimas, extrato de plantas, prebióticos e probioóticos) sobre a o desempenho, produção e eficiência de utilização da dieta em ruminantes;
• Valer-se das informações publicadas e transformá-las em conhecimento, para auxiliar na identificação de problemas nutricionais e ajustes finos de dieta, dando suporte na tomada de decisão na gestão das propriedades.
• Identificar lacunas na pesquisa do uso de aditivos na dieta de ruminantes para nortear estudos futuros

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CARLOS HENRIQUE SILVEIRA RABELO201/05/201901/03/2023
GIOVANI FIORENTINI201/05/201901/03/2023
GUILHERME POLETTI2001/08/201931/07/2020
JOSÉ MAURÍCIO DOS SANTOS NETO101/05/201901/03/2023
MELINA CALEGARO TAMIOZZO2001/05/201901/03/2023
ROGERIO FOLHA BERMUDES201/05/201901/03/2023

Página gerada em 19/11/2019 08:49:03 (consulta levou 0.069462s)