Nome do Projeto
Psicologia Jurídica e sua interface com a Assistência Judiciária
Ênfase
Ensino
Data inicial - Data final
09/03/2020 - 22/12/2023
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Humanas
Resumo
Desde o ano de 2008, na busca de aproximar o graduando do curso de Direito da sua prática profissional surge este projeto de ensino. A visão de integrar os conhecimentos de Psicologia na formação dos operadores da lei traz o surgimento da disciplina de Psicologia Jurídica como disciplina curricular. Neste projeto integramos os alunos na assistência judiciária, para que a partir de sua prática, possamos sedimentar os conhecimentos do funcionamento da mente humana e contribuir para uma futura atuação profissional de qualidade. Códigos anteriores do projeto( 015.2008; 062.2013; 322014; 222015 e 3502018)

Objetivo Geral

Aperfeiçoamento do Ensino de Psicologia Jurídica e da Assistência Judiciária.

Justificativa

Buscar o conhecimento teórico, a partir das vivências práticas, despertando o interesse dos alunos já nos primeiros anos acadêmicos.
Objetivar uma formação humanista do profissional do Direito, onde as leis se adequarão as necessidades individuais do Assistido, sempre priorizando e valorizando o bem estar do ser humano.
Visualizar as consequências das decisões judiciais na história individual e familiar do Assistido.

Metodologia

* Acompanhamento dos atendimentos realizados pelos estagiários da Assistência Judiciária (SAJ UFPEL).
* Realização de entrevistas pelos alunos de Psicologia Jurídica (participantes do projeto) visando os aspectos emocionais dos Assistidos ao final de cada atendimento.
* Supervisão dos professores do Serviço de Assistência Judiciária, no atendimento individual de cada Assistido, com a devida discussão do caso no enfoque jurídico.
* Supervisão dos professores de Psicologia Jurídica e discussão dos casos no enfoque psicológico com os alunos participantes do projeto.

Indicadores, Metas e Resultados

É esperado que os atendimentos e o conhecimento de Psicologia Jurídica sejam acrescidos de qualidade, uma vez que é estimulado uma abordagem ampla do Assistido, compreendendo sua história de vida e como o atendimento jurídico está inserido na mesma.
É esperado a longo prazo que o aluno já em sua inserção como estagiário e posteriormente como profissional já formado, possa usufruir deste conhecimento prático para suas habilidades profissionais.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALICIA ANDRE PEREIRA COELHO
ALICIA PIRES VICTORIA
ALINE QUANDT KLUG
ALYSSIA MARTINS DA ROSA DE MEDEIROS
AMANDA DE SOUZA MONTEIRO
AMANDA GONCALVES DA FONSECA
ANA CAROLINA PIRES CLEMENTE
ANA CLARA CRISTINA DA SILVA
ANA KAROLINA KROLOW
ANA LAURA FINATI ALVES
ANDRE MACHADO PATELLA5
ANDREYNA CAMARGO MASSOCO
ANTONIELA AGUIAR DE AQUINO
BRENDDA GONCALVES DUARTE
INEZITA SILVEIRA DA COSTA2
JONATHAN COSTA DA SILVA
LUCIANA DE OLIVEIRA MARQUES7

Página gerada em 23/01/2021 20:25:12 (consulta levou 0.123787s)