Nome do Projeto
Laboratório de Design de Interação - LABxD
Ênfase
Ensino
Data inicial - Data final
02/03/2020 - 04/02/2024
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Sociais Aplicadas
Resumo
O Laboratório de Design de Interação - LABxD constitui-se em um projeto que sistematiza diversas ações no âmbito de ensino, pesquisa e extensão relacionados aos cursos de Design Digital e Design Gráfico, com ênfase no design de interação, projeto de interfaces e usabilidade de sistemas interativos além de fomentar a inovação de produtos e artefatos interativos. O LABxD constitui-se em um laboratório de pesquisa e desenvolvimento de soluções que visam compreender e ampliar o modo como usuários interagem e comunicam-se uns com os outros através de diferentes suportes e tecnologias. O LABxD pretende ser um espaço colaborativo de discussão e construção do conhecimento, interseccionando o debate entre academia e indústria acerca das mais diferentes formas de interação como o uso de interfaces gráficas, gestuais, tangíveis, controladas por voz, realidade virtual e aumentada, internet das coisas (IoT) entre outras. O LABxD pretende integrar alunos da graduação em Design Digital e Gráfico, bem como discentes e pesquisadores de áreas relacionadas como Ciência da Computação, Jornalismo e o setor de Tecnologia da Informação da UFPel. O LABxD também prevê, de maneira estratégica, o design e manutenção do portal da Ufpel, da ferramenta COBALTO e softwares relacionados a instituição, impactando diretamente a comunidade universitária mas também o público que busque informações acerca da universidade.

Objetivo Geral

Objetivo geral:

Promover ações de ensino, pesquisa e extesão ligadas ao Laboratório de Design de Interação - LABxD, constituindo assim um grupo de docentes e discentes engajados em temas relacionados ao design de artefatos digitais e sistemas interativos inovadores, além de propiciar a divulgação do conhecimento entre os discentes do curso através da documentação de técnicas e tecnologias e parcerias entre indústria e academia.

Objetivos específicos:
- Desenvolver habilidades relacionadas a prototipação de interfaces digitais para diferentes suportes
Implementar parceria com o setor de TI da UFPel, envolvendo alunos no desenvolvimento de produtos digitais
- Realizar o design e manutenção do portal UFPEL
- Realizar o design e manutenção do software COBALTO
- Propiciar visitas técnicas a empresas de destaque no cenário de desenvolvimento de artefatos interativos.
- Desenvolver documentação/tutoriais/apostilas para capacitação de alunos dos cursos de Design
- Implementar pesquisas prospectivas de inovação tecnológica;
- Estabelecer convênios com outros laboratórios e centros de pesquisas
- Promover cursos de formação no âmbito técnico e tecnológico
- Promover a divulgação de produtos e soluções digitais desenvolvidas no laboratório através de postagens na internet
Promover atividades de pesquisa em âmbitos que permeiem diferentes formas de interação (gestual, voz, etc), e os processos relacionados ao design de diferentes tipos de interfaces (mobile, dispositivos médicos, IoT, etc).
Implementar um laboratório físico para a realização de testes de usabilidade
Desenvolver produtos interativos inovadores para diferentes necessidades (transporte, saúde, eGov, etc)

Justificativa

O Design, em especial de artefatos digitais, tem tido especial destaque com a popularização da internet e uso de dispositivos móveis, além de contar com uma indústria em franca expansão na cidade de Pelotas. Deste modo, a proposta deste laboratório justifica-se sob os seguintes pilares:

- Promover um espaço acadêmico de discussão para alunos e professores sobre o estado da arte do design de interação
- Proporcionar um incremento do aprendizado dos alunos em momentos extra-classe, através de atividades como o aprendizado de novos softwares e aplicação de novas tecnologias ao design de produtos interativos.
- O design caracteriza-se por ser uma atividade interdisciplinar; deste modo, é necessária uma integração entre indústria e academia de modo a compreender necessidades e como profissionais já atuantes podem vir a contribuir na formação dos alunos dos cursos de design.
- Viabilizar a realização de cursos baseados em demandas específicas, ou ainda com o intuito de capacitar discentes sobre uma nova tecnologia vigente.
- O setor de TI da universidade não possui relação com os cursos de Design; logo, este laboratório prevê o envolvimento de alunos no desenvolvimento de interfaces para websites e produtos interativos da universidade.
- A produção de produtos digitais realizados nas disciplinas deve ser divulgada de maneira mais eficaz, permitindo assim que a indústria se aproxime de potenciais talentos, ampliando assim o conhecimento acerca dos cursos de Design da Ufpel.
- É necessário articular as atividades de ensino e capacitação de discentes com ações de pesquisa de novas tecnologias, bem como proporcionar o compartilhamento de conhecimento sobre design de interação. A proposta de um laboratório visa conjugar estas ações de maneira efetiva, institucional e representativa.
- Os cursos de Design, em especial Design Digital, não possuem um espaço físico adequado para a realização de testes de usabilidade e workshops de criação de artefatos digitais. A proposta deste laboratório pretende organizar e proporcionar um espaço para a plena realização do LABxD.
- A comunidade universitária e também o público com interesse em informações acerca da instituição carecem do acesso ao Portal UFPEL e ferramenta COBALTO com uma melhoria em sua usabilidade e promovendo uma melhor experiência aos usuários.

Metodologia

O LABxD prevê, inicialmente, atividades que podem vir a ser modificadas com o andamento do projeto:
- Reuniões semanais com os alunos vinculados ao laboratório, seja para a discussão de textos, tecnologias ou para orientação por parte dos coordenadores e/ou docentes/profissionais envolvidos no laboratório.
- Desenvolvimento de interfaces para diferentes produtos interativos com a participação dos alunos do laboratório
- Pesquisa de novas tecnologias e estratégias de prototipação de soluções, com base no interesse dos participantes e/ou sugestões de docentes/profissionais da indústria
- Realização de palestras e cursos tanto para outros alunos como direcionadas para a comunidade externa
- Exibição de projetos realizados no laboratório através de diferentes plataformas digitais
- Realização de testes de usabilidade em âmbito acadêmico mas também através de parcerias com a indústria e organizações governamentais

Indicadores, Metas e Resultados

- Melhoria no ensino de disciplinas que possuem caráter tecnológico, a partir do envolvimento de discentes na pesquisa e aprendizado de softwares e recursos interativos
- Capacitação de alunos e também professores, a partir do envolvimento de profissionais da área no compartilhamento de novos conteúdos
- Incremento na discussão de textos e materiais acerca do Design de Interação
- Envolvimento dos alunos na comunidade de profissionais da área de design e tecnologia
- Publicação de artigos e divulgação dos projetos desenvolvidos no grupo
- Auxiliar a UFPel na definição e desenvolvimento de artefatos digitais
- Possibilidade de parcerias no âmbito de pesquisa com outras instituições
- Melhoria do portal da UFPel e da ferramenta COBALTO, atingindo de maneira estratégica um público considerável que depende desses canais digitais em seu uso diário.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALEXANDRE MACHADO THOMAZELLI
CARLOS EDUARDO VETROMILLE BRITO
CASSIA MARIGLIANO
CILENE ESTOL CARDOSO10
HIAGO FARIA
JARDEL DA SILVA MOURA
JESSICA VARGAS DA FONSECA
JOANNA DE OLIVEIRA BORGES VOLOSKI
JOAO FRANCISCO GUINGUER DA SILVA
KAREN PÖTTER RADÜNZ
MICAEL ILIEFF PORTO
PATRIC FAGUNDES DUTRA
PATRICIA LOPES DAMASCENO
PAULO RICARDO QUEVEDO GARCIA
TOBIAS TESSMANN MULLING34

Página gerada em 05/12/2020 13:14:51 (consulta levou 0.106756s)