Nome do Projeto
Historep na internet: Facebook, Instagram e You tube
Ênfase
Ensino
Data inicial - Data final
02/04/2020 - 31/12/2020
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Biológicas
Resumo
O ensino deve basear-se num modelo pedagógico moderno e atualizado. Destaca-se a frase citada acima para podermos abrir uma calorosa discussão sobre os caminhos trilhados pelo ensino: a forma como é, como deveria ser e algumas ferramentas que podem ser usadas para equilibrar o processo de ensino e da aprendizagem. Para isso, torna-se importante lembrar que, na maioria das Universidades do país, o processo educativo ainda adota o modelo tradicionalista e a “rigidez” característica da maioria dos professores desta disciplina. As aulas ainda são expositivas e alicerçadas no acúmulo de informações e imagens, o contato entre professor e aluno é feito de maneira vaga e casual. Diante disso, a criação de páginas e perfis na internet, voltados para o ensino de Histologia e de Reprodução de equinos, pode contribuir para minimizar as carências em relação à falta de disponibilidade do laboratório em horários extraclasse. Com isso, buscamos também estimular o interesse dos alunos pela microscopia. A utilização de mais esta ferramenta pretende aguçar a curiosidade científica e incentivá-los a buscar novos conhecimentos, ou seja, estimulá-los a fazer pesquisa.

Objetivo Geral

Auxiliar os alunos possibilitando que os professores possam acompanhar o desempenho de seus alunos e identificar quaisquer falhas no processo de aprendizado e/ou avaliação.

Justificativa

Durante as disciplinas observamos as dificuldades enfrentadas pelos alunos em relação aos estudos extraclasse.
A criação de perfis em redes sociais e no You Tube da percepção de aspectos considerados importantes, que são:
I. Necessidade de um material didático disponível em um ambiente diferente do laboratório de Microscopia, não necessitando de um aparato inacessível a maioria dos alunos, e que permita que esses possam adequar melhor os horários de seus estudos, buscando enriquecer a aprendizagem da Histologia.
II. A internet funciona como uma forma de ampliar a metodologia de ensino utilizada por essa disciplina.
O conjunto de ideias (texto, desenho esquemático e finalmente imagens histológicas) são elementos de um método de
ensino que vem sendo aplicado durante as aulas práticas pelos professores dessa disciplina, o qual poderá ser
beneficiado com a introdução de uma nova ferramenta.
III. Durante o tempo em que não estiver presente no laboratório de Histologia, o aluno poderá exercitar seus
conhecimentos aprimorando sua interpretação dos componentes teciduais juntamente com os esquemas e descrições
já disponibilizados pela disciplina.
IV. As mudanças tecnológicas e a acessibilidade facilitada a estas ferramentas pela população têm afetado diretamente
os materiais pedagógicos.

Metodologia

O desenvolvimento ocorrerá em 3 fases
fases: (I) captura e seleção de imagens histológicas, (II) criação de conteúdo e (IV)
publicação.
I. Captura das imagens
As lâminas selecionadas serão estudadas e suas imagens
capturadas pela câmera Moticam 5, 5.0mp (Motic®, Inc) acoplada ao microscópio Nikon Eclipse E200,
sendo finalmente armazenadas em um computador conectado ao sistema, presente no Laboratório de
Histologia do Instituto de Biologia da UFPel. Serão capturadas pelo menos 60 imagens distintas,
representativas de todos os tecidos a serem descritos.
II. Elaboração
As imagens histológicas serão adaptadas para os jogos usando todas as mídias disponíveis
(HTML, Flash, PHP, Power Point, Moodle, Cobalto, etc.).
III. Montagem e formatação
Após o término da elaboração do material, o mesmo será publicado nas midias sociais.
O conteúdo abrangido está descrito abaixo
HISTOLOGIA GERAL
A. Tecido Epitelial:
i. Tecido Epitelial de Revestimento (tecido epitelial de revestimento simples pavimentoso, cúbico
e colunar, tecido epitelial de revestimento pseudo-estratificado cilíndrico ciliado com células caliciformes,
tecido epitelial de revestimento estratificado pavimentoso não-queratinizado, tecido epitelial de
revestimento estratificado pavimentoso queratinizado, tecido epitelial de revestimento de transição ou
polimorfo)
ii. Tecido Epitelial Glandular (glândula exócrina unicelular: célula caliciforme, tecido epitelial
glandular exócrino tubular simples, tecido epitelial glandular exócrino tubular simples enovelado, tecido
epitelial glandular exócrino acinar simples, tecido epitelial glandular exócrino acinar composto, tecido
epitelial

Indicadores, Metas e Resultados

Nesse caminho, sem querer competir ou substituir as fontes bibliográficas tradicionais e muito menos, as aulas em
laboratório, a proposta é de oferecer mais uma opção de estudo que possa ser usado extraclasse. No andamento deste estudo, espera-se que ao final do projeto, Acreditamos que estas publicações possam
colaborar com a superação das dificuldades enfrentadas pelos alunos que cursam Histologia, aumentando seu interesse e gosto pela matéria, além de incentivar o uso de novos métodos de ensino por professores

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CAMILA HEIDRICH MEDEIROS
ELIANE FREIRE ANTHONISEN2
HENRIQUE FREITAS JALIL
LUIS AUGUSTO XAVIER CRUZ2
LUIS OTAVIO LOBO CENTENO2
MARCOS PAULINO DA SILVA
ROSANGELA FERREIRA RODRIGUES2
SANDRA MARA DA ENCARNACAO FIALA RECHSTEINER3

Página gerada em 11/07/2020 11:21:48 (consulta levou 0.117778s)