Nome do Projeto
LDGF-Laboratório Didático de Geografia Física
Ênfase
Ensino
Data inicial - Data final
17/04/2020 - 16/04/2024
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Exatas e da Terra
Resumo
Os cursos de graduação em Geografia (Bacharelado e Licenciatura), bem como o curso de Mestrado em Geografia, tem como característica pensar o Espaço Geográfico desde a esfera local até os fenômenos de ordem global, contextualizando, analisando e refletindo sobre as transformações que ocorrem, tendo o Homem como um dos principais agentes modificadores deste espaço. Os elementos da natureza e sua dinâmica precisam ser compreendidos para que se possa inferir sobre as possibilidades de ocupação do Espaço Geográfico, bem como as consequências do uso inadequado dos recursos naturais e dos elementos do sistema físico-ambiental. A Geografia Física tem como objetivo o estudo destes elementos do sistema físico-ambiental e de sua dinâmica espaço-temporal, a partir de um conjunto de especialidades e técnicas que, por meio do conhecimento teórico e sobretudo prático, possibilitam a formação do profissional Geógrafo nas modalidades Licenciado e Bacharel, bem como a formação continuada de professores de Geografia e profissionais liberais em Geografia e de alunos do Programa de Pós-Graduação em Geografia.

Objetivo Geral

O objetivo geral deste projeto de ensino consiste em contribuir para o aperfeiçoamento das atividades de ensino, pesquisa e extensão dos cursos de graduação em Geografia (Bacharelado e Licenciatura) e pós-graduação em Geografia, estimulando a busca por novos conhecimentos referentes ao Espaço Geográfico, com ênfase nos elementos e atributos do meio físico-natural.

Para subsidiar o objetivo geral, são lançados os seguintes objetivos específicos:

(1) Promover a integração e socialização de trabalhos, pesquisas e grupos de estudo voltados aos aspectos físico-naturais do Espaço Geográfico;
(2) Incentivar os acadêmicos e pós-graduandos dos cursos de Geografia à realização de pesquisas que abrangem os aspectos físico-naturais e socioambientais do Espaço Geográfico;
(3) Possibilitar um espaço para as discussões acerca de pesquisas e trabalhos vinculados às disciplinas da área de Geografia Física, a partir de grupos de estudo e monitorias de ensino;
(4) Fomentar o desenvolvimento de práticas e instrumentos de trabalho e estudo que possam contribuir para a formação do profissional geógrafo e para a atuação deste no mercado de trabalho;
(5) Fomentar a organização de cursos de formação continuada para professores de Geografia, com ênfase em temáticas voltadas à Geografia Física;
(6) Estruturar e manter um acervo de materiais bibliográficos e de instrumentos de ensino (maquetes, acervo de rochas, acervo de mapas) que possam ser utilizados pelos alunos dos cursos de Geografia e também pelos profissionais vinculados a esta área do conhecimento que necessitem dos mesmos.

Justificativa

Diante da importância assumida enquanto área do conhecimento, no contexto social, político, econômico, educacional e ambiental, os cursos de Geografia necessitam também de profissionais capazes de atuar na análise, pesquisa e aplicação de estudos com ênfase nos elementos e atributos do meio físico-natural que sustentam as atividades do sistema socioeconômico. O Laboratório Didático de Geografia Física (LDGF) foi criado no ano de 2010 para atender à demandas das disciplinas vinculadas a esta especialidade da Ciência Geográfica, e vem, desde então, possibilitando o acompanhamento de alunos nas disciplinas envolvidas, a oferta de cursos de formação continuada para professores da rede pública de Pelotas e de outros municípios, a possibilidade de desenvolvimento de práticas pedagógicas que poderão ser utilizadas pelos futuros professores de Geografia, o desenvolvimento e planejamento de aulas de campo e a organização de grupos de leitura que envolvem alunos dos cursos de graduação e mestrado em Geografia. Além do mais, o espaço do LDGF é utilizado para o desenvolvimento das aulas práticas das disciplinas vinculadas a esta especialidade do conhecimento, nos turnos diurno e noturno. Atualmente, os professores que atuam no LDGF são responsáveis pelas disciplinas de Sociedade e Natureza; Orientação e Profissional Geógrafo; Biogeografia; Geomorfologia; Hidrogeografia; Climatologia Aplicada à Geografia; Cartografia Geral; Metodologia e Prática de Ensino em Geografia III: Geografia Física; Geografia Socioambiental; Análise e Gestão Integrada de Bacias Hidrográficas; Planejamento Ambiental e EIA/RIMA, dos cursos de Bacharelado e Licenciatura em Geografia. Desta forma considera-se fundamental que o LDGF possa atuar como Projeto de Ensino Permanente, a fim de manter suas atividades que se consolidam a cada ano e ampliar a perspectiva de atuação teórica e prática a partir da utilização do espaço físico e dos equipamentos disponíveis.

Metodologia

(1) Desenvolvimento de aulas práticas no turno das atividades dos cursos de Geografia e também em turnos inversos, na modalidade 'atividades extra-classe'.
(2) Utilização do espaço físico para orientações e desenvolvimento de monografias de conclusão curso vinculadas à Geografia Física e Socioambiental;
(3) Utilização do espaço físico para a organização de cursos de curta duração com objetivo de desenvolver práticas e materiais a serem utilizados em sala de aula ou em campo;
(4) Organização de grupos de estudos voltados à discussão de obras clássicas e contemporâneas vinculadas às especialidades da Geografia Física;
(5) Continuidade das atividades de acompanhamento das disciplinas envolvidas nas atividades do LDGF;
(6) Organização de trabalhos de campo das disciplinas e projetos de extensão e pesquisa;

Indicadores, Metas e Resultados

O Laboratório Didático de Geografia Física tem como principal perspectiva a maior relação dos alunos dos cursos de Geografia com as questões teóricas e práticas atreladas às disciplinas que compõem esta especialidade da Ciência Geográfica.
O conhecimento atrelado à Geografia Física demanda abstração, domínio da análise de modelos, gráficos,
fluxogramas, bem como uma análise apurada dos fenômenos de ordem socioambiental verificados em campo. Assim, espera-se que os objetivos propostos, amparados pela metodologia de trabalho do LDGF possam atuar nesta perspectiva.
Espera-se também que este projeto possibilite um maior envolvimento discente com grupos de estudo e aulas práticas, que propiciem sua permanência nos cursos de graduação em geografia, bem como a diminuição das taxas de evasão.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ADRIANE DO AMARAL RODRIGUES
ADRIANO LUIS HECK SIMON12
ANA JÚLIA VOLZ DA SILVA
ANALU NERY JACCOUD
ARLENE FEHRENBACH
CAMILA GRIEP GUIMARAES
CARINA CORREA BOEIRA
CASSIELY DA ROZA PACHECO
EDUARDO DA SILVA
EDVANIA APARECIDA CORREA ALVES8
ERIKA COLLISCHONN8
FABIANE ARAÚJO BOTELHO
GICELMA MARCELLO DE AVILA
GLADIS DUTRA LIHTNOV
GUILHERME MARTINS
IVAN DOS SANTOS TATAGIBA
JURANDIR VIEIRA FRANCO
KARINA PERALDO DA SILVA
KELVIN DUTRA XAVIER
LISIANE DE SOUSA LEMOS
LUCAS PIRES FERREIRA
MARIA IZABEL DOS SANTOS BRUM
MATHEUS MIDON DOS PASSOS
MAURICIO MEURER8
MOISES ORTEMAR REHBEIN8
MURILO FREDA SILVEIRA
Márlon Roxo Madeira
PAULO RICARDO MORAES CASTRO FILHO
PEDRO HENRIQUE GONCALVES DA LUZ
PEDRO VIEIRA SAMPAIO
SABRINA BLANK SCHNEIDER
SABRINA DOMINGUES MORALES
SAMUEL MOREIRA SILVEIRA FERNANDES
TIAGO DAS NEVES RIBEIRO
VAGNER SANTOS REIS
VICTÓRIA DEJAN PAGANOTTO
Vaneza Barreto Pereira
VÍTOR EMANUEL SILVA DE OLIVEIRA
YASMIN KÖHLER EICHOLZ
vângela regina martins de paiva
ÂNDREA LENISE DE OLIVEIRA LOPES

Página gerada em 24/10/2021 03:20:02 (consulta levou 0.129071s)