Nome do Projeto
A FONOLOGIA E A ORTOGRAFIA EM DADOS DE ESCRITA INICIAL
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
25/05/2020 - 29/12/2023
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Linguística, Letras e Artes
Resumo
O presente projeto de investigação pretende dar continuidade a uma trajetória de pesquisa sobre aquisição da escrita que teve seu início em 2001 e tem o objetivo central de produzir uma análise linguística dos dados de escrita inicial. Em mais de 18 anos de investigação sobre a escrita de crianças, especialmente a partir de análises que contemplam a ortografia em suas possíveis relações com a fonologia, temos visado ao desenvolvimento de pesquisa cujo foco recai sobre os erros ortográficos e sobre a busca de interpretações que nos permitam tanto compreender as hipóteses das crianças como analisar a emergência do conhecimento linguístico, sobretudo o fonológico, que subsidia as escolhas gráficas feitas por elas. Com o intuito de ampliar o escopo de nossas investigações, a proposta deste projeto desdobra-se em três frentes de trabalho: i) análise panorâmica do penúltimo estrato do BATALE - Banco de Textos de Aquisição da Linguagem Escrita- com base no conjuntos de categorias propostas, as quais organizam os erros em dois grandes grupos: erros relacionados à fonologia; erros relacionados às complexidades do sistema ortográfico; ii) comparação entre os dados de escrita espontânea e de escrita controlada; iii) estudo específico sobre grafias das soantes palatais, tomado como exemplo de emergência do conhecimento fonológico na escrita inicial; iv) finalização do SISTEMA VESTÍGIOS que permitirá o compartilhamento do BATALE (Banco de Textos sobre Aquisição da Linguagem Escrita) com a comunidade científica.

Objetivo Geral

• • Descrever e analisar dados de aquisição da escrita – erros ortográficos dos anos iniciais do ensino fundamental (1o ao 5o ano).
• Estabelecer um padrão de aquisição e avaliar os efeitos do conhecimento fonológico e ortográfico nos erros produzidos pelas crianças.
• Comparar os erros produzidos em textos espontâneos com aqueles obtidos por meio de ditados.
• Desenvolver estudo específico sobre a grafia das soantes palatais a fim de discutir as dimensões fonológicas e ortográficas dos erros.
• Avaliar a pertinência das categorias de análise propostas pelo GEALE Grupo de Estudos sobre Aquisição da Linguagem Escrita- relativamente à natureza dos erros ortográficos

Justificativa

Nosso intuito com o desenvolvimento da pesquisa é o de responder a uma questão central: quais são os conhecimentos, fonológicos e/ou ortográficos, mobilizados pelas crianças quando elas começam a registrar a segunda articulação da linguagem, assim que compreendem o princípio do sistema alfabético de escrita que estão a adquirir. Entendemos que a resposta a esta questão oferece subsídios para a discussão de questões relacionadas ao conhecimento fonológico das crianças e é fundamental para a definição de categorias capazes de elucidarem a natureza dos erros produzidos durante o desenvolvimento da linguagem escrita, as quais são essenciais para a ação didática de professores.
O investimento que temos feito na definição de categorias para classificação e interpretação dos erros produzidos nas escritas dos anos iniciais tem permitido, assim, uma reflexão sobre a natureza dos erros. Saber se são motivados por dificuldades inerentes ao sistema ortográfico ou por aquelas relacionadas a aspectos da fonética e da fonologia da língua é um dos primeiros passos para que possamos aprofundar nossas investigações sobre essa complexa tarefa que se impõe à criança e que consiste na compreensão de um sistema de escrita como o alfabético. Consideramos ser este um momento ímpar, à medida que possibilita, ao pesquisador, a construção de hipóteses interpretativas acerca da forma como o conhecimento fonológico é recuperado pelos aprendizes durante a aquisição da escrita, ao mesmo tempo em que é, inexoravelmente, afetado por ela.

Metodologia

Os dados a serem analisados são extraídos do Banco de Textos de Aquisição da Linguagem Escrita (BATALE). O banco de textos é composto por vários estratos nos quais estão contidas produções escritas por crianças dos anos iniciais, sistematicamente coletadas ao longo dos últimos 16 anos em escolas de Ensino Fundamental nas cidades de Pelotas e Porto Alegre (Brasil); Porto e Lisboa (Portugal) e Maputo (Moçambique). A metodologia adotada para a obtenção de textos espontâneos foi a mesma em todas as coletas realizadas, a saber, oficinas de escrita preparadas e aplicadas por integrantes do grupo de pesquisa no horário regular das aulas. As oficinas foram todas estruturadas em três partes: motivação (com o intuito de estimular e oferecer subsídios pra a produção textual), produção textual (a escrita propriamente dita) e fechamento (momento de compartilhamento das escritas produzidas com o objetivo de estimular e desenvolver o gosto pela escrita de textos que podem ser apreciados por um leitor/ouvinte real).
As amostras que servirão de base para o desenvolvimento do estudo proposto, levando-se em conta os objetivos são três: (i) dados pertencentes ao estrato 7 do BATALE, composto por 1700 textos coletados em 2015 e produzidos por crianças de uma escola pública da cidade de Pelotas-RS; (ii) dados de ditados realizados pelas mesmos crianças que escreveram os textos do estrato 7; (iii) dados do estrato com produções de 155 crianças que cursavam à época da coletas as quatro primeiras séries do ensino fundamental e realizaram o ditado de imagens e a oficina de produção textual a partir de um instrumento específico que visou a produção de soantes palatais, consoantes complexas do português que ortograficamente são representadas pelo ‘lh’ e pelo ‘nh’ (passarinho, galinha, milho, palha, lenha, sonho, velho, coelho, ninho).
Os sujeitos de todas as amostras a serem estudadas são crianças monolíngues em idade escolar (idade média entre 6 e 12 anos) de escolas da rede pública de Pelotas- que estejam no nível alfabético de escrita. É também critério de inclusão aceitar participar e ter o termo de consentimento livre e esclarecido (TCLE) assinado pelo responsável. Crianças com laudo médico referente a algum tipo de distúrbio neuropsicológico serão excluídas da mostra.
Tendo em vista os objetivos propostos serão realizadas análises quantitativas as quais contarão com o apoio de ferramentas estatísticas (a serem definidas posteriormente) a que serão submetidos os erros extraídos dos textos espontâneos. Também para a comparação entre erros extraídos dos ditados e dos textos espontâneos será utilizada ferramenta de análise estatística. no que diz respeito aos dados referentes às soantes palatais, a análise será preponderantemente qualitativa, a fim de que se possa discutir questões concernentes ao funcionamento fonológico das soantes palatais no sistema e na aquisição. A teoria autossegmental (CLEMENTS 1991; CLEMENTS & HUME,1995) será utilizada para a análise desses dados.
Das análises resultantes do desenvolvimento do presente projeto, serão estabelecidas implicações, em dimensões teóricas e aplicadas, relativamente aos estudos linguísticos e à prática educacional.

Indicadores, Metas e Resultados

O desenvolvimento deste projeto, cujo foco incide sobre o estudo dos erros (orto)gráficos e variáveis tais como escrita espontânea-escrita controlada, ano escolar, e tipo de erro verificado, visa a contribuir:
a) com novas evidências para uma melhor compreensão do processo de aquisição do sistema de escrita da língua e das relações entre a fonologia e ortografia que emergem de dados de desenvolvimento da linguagem escrita;
b) com a ampliação da produção científica, tanto para a consolidação de propostas teóricas acerca do conhecimento fonológico e das possibilidades de mudança representacional acionadas pelo processo de aquisição da escrita, como no que tange ao conhecimento da ortografia, uma vez que propiciará o desenvolvimento de uma série de estudos científicos (artigos, capítulos de livros, teses e dissertações);
c) com a formação de jovens pesquisadores;
d) com a consolidação do GEALE (Grupo de Estudos sobre a Aquisição da Linguagem Escrita), o qual é constituído por professores pesquisadores e alunos de graduação e pós-graduação;
e) com a finalização do SISTEMA VESTÍGIOS para a disponibilização do BATALE aos pesquisadores interessados;
f) com a qualificação do ensino da ortografia nas séries iniciais.

O desenvolvimento do projeto produzirá impacto tanto para a pesquisa na área em que se inscreve – a aquisição da linguagem e a fonologia – como para a educação, por isso sua relevância. No que diz respeito à pesquisa é importante salientar dois aspectos que mostram sua relevância científica: a consolidação de uma abordagem linguística para dados de escrita e a definição de categorias para a classificação dos erros produzidos pelas crianças nos anos iniciais do processo de escolarização, as quais colocam em evidência a natureza do erro produzido. Além disso, a contribuição para discussões referentes ao processo de aquisição da linguagem – vista aqui a aquisição escrita como parte do desenvolvimento linguístico mais amplo – é inequívoca, à medida que os estudos que temos desenvolvido indiciam modificações representacionais alavancadas pela compreensão do sistema de escrita alfabética. Do ponto de vista da educação, os resultados que temos obtido com nossos estudos produzem impacto direto na formação de professores do ensino fundamental, seja na formação inicial, graças ao trabalho direto com alunos de pedagogia, especialmente na Iniciação Científica; seja na continuada, por meio da inserção do GEALE nas escolas, tanto aquelas envolvidas no projeto, as quais recebem devolutivas sistemáticas do grupo de pesquisa (palestras e reuniões), como as demais, que indiretamente em eventos podem compartilhar conosco os achados da investigação.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANA PAULA NOBRE DA CUNHA4
ANA RUTH MORESCO MIRANDA59
DANIELI DIAS DA SILVA
LIGIA BESKOW DE FREITAS
LISSA PACHALSKI
LORENZO STEINHORST RICHETTI
LUCIANA PATRICIA SCHUMACHER EIDELWEIN
MARIANA MÜLLER DE ÁVILA
MARTA NORNBERG42
Maria Alice Schmidt Sepúlveda
NATHALIA VITORIA REINEHR
PATRICIA PEREIRA CAVA2
SIMONE SILVEIRA DA SILVA4

Página gerada em 19/06/2021 15:47:42 (consulta levou 0.092544s)