Nome do Projeto
Práticas integrativas e complementares ofertadas no Sistema Único de Saúde
Ênfase
Ensino
Data inicial - Data final
05/06/2020 - 19/09/2020
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde
Resumo
Este curso tem como objetivo desenvolver conteúdos relacionados as práticas integrativas e complementares (PICs) ofertadas no Sistema Único de Saúde (SUS). Atualmente são oferecidas no SUS 29 PICs. Este projeto propõe-se a promover a institucionalização destas práticas no SUS. O desenvolvimento deste curso possibilita aos acadêmicos aprofundar algumas práticas integrativas e complementares, preconizadas pelo Ministério da Saúde. Neste curso serão utilizadas palestras e interações pelo Skype, disponibilização de vídeos, textos de apoio, fóruns de discussão e entrega de dois trabalhos. Nº de vagas: 60 Público-alvo: prioritariamente acadêmicos do 3º semestre, se não houver preenchimento das vagas, acadêmicos de outros semestres poderão participar.

Objetivo Geral

Desenvolver conteúdos relacionados as práticas integrativas e complementares ofertadas no Sistema Único de Saúde.

Justificativa

Em virtude da crescente demanda da população brasileira pela busca das práticas integrativas e complementares, ressalta-se a relevância da oferta deste curso.
Em 2006, com a publicação da Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPIC), pela portaria nº 971 de 2006, a homeopatia, as plantas medicinais e fitoterápicas, a Medicina Tradicional Chinesa/acupuntura, a medicina antroposófica e o termalismo social-crenoterapia, promovendo a implementação de cinco práticas no Sistema Único de Saúde (SUS) (BRASIL, 2012).
As práticas integrativas e complementares foram ampliadas no SUS, pela portaria nº 849, de 27 de março de 2017, quando foram incorporadas outras 14 práticas: ayurveda, arteterapia, biodança, dança circular, meditação, musicoterapia, naturopatia, osteopatia, quiropraxia, reflexoterapia, reiki, shantala, terapia comunitária integrativa, e yoga. Em 2018, foram implementadas mais 10 práticas integrativas e complementares no SUS: apiterapia, aromaterapia, bioenergética, constelação familiar, cromoterapia, geoterapia, hipnoterapia, imposição de mãos, medicina antroposófica, ozonioterapia, terapia de florais, termalismo social, totalizando 29 (BRASIL, 2018).
Este curso propõe-se a promover a institucionalização destas práticas no SUS, sendo resultado de ações de ensino, pesquisa e extensão realizadas pela Faculdade de Enfermagem desde 2010.
Esta proposta atende a demanda de ampliar as discussões realizadas na Unidade do Cuidado de Enfermagem III, trabalhando com ações articuladas ao Projeto de Extensão Práticas Integrativas e Complementares na Rede de Atenção à Saúde (PIC-RAS), o qual é realizado por professoras e alunos da graduação e pós-graduação da Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Pelotas, desde 2017.
Soma-se a discussão desta proposta outros dois projetos de extensão: 1) “Um olhar sobre o cuidador familiar: quem cuida merece ser cuidado”, no qual cuidadores são acompanhados semanalmente, e identifica-se que muitos destes estão com sobrecarga física e emocional. Deste modo, tais práticas podem ajudar na melhoria da qualidade dos pacientes, cuidadores, famílias e comunidades. 2) “Laboratório de formação e atendimento de Reiki”, o qual tem como objetivo capacitar acadêmicos da UFPel e, posteriormente, a comunidade em reiki, nos diferentes níveis, para atendimento de reiki na comunidade em geral. O Laboratório de Reiki visa a formação e atendimento de reiki por aqueles que foram capacitados pelo projeto à comunidade em geral.
Desde março de 2010, o PIC-RAS vem produzindo uma série de vídeos, visando disponibilizar orientações sobre práticas possíveis de serem realizadas em casa, durante esta pandemia do COVID-19. Nesse sentido, consiste em ação como parte da Proposta da Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Pelotas para o enfrentamento da Pandemia de COVID-19 em parceria com o Comitê Interno para Acompanhamento da Evolução da Pandemia de Coronavírus na região, Hospital Escola da UFPel e Secretaria Municipal de Saúde de Pelotas.
O desenvolvimento deste curso possibilita aos acadêmicos aprofundar algumas práticas integrativas e complementares, preconizadas pelo Ministério da Saúde, articulando a utilização das PICs para o cuidado de sintomas gerados pelo isolamento social ou sintomas leves do COVID-19. Esse tema é abordado no decorrer da formação acadêmica curricular, principalmente no 3º semestre (Unidade do Cuidado de Enfermagem III-UCEIII), ofertada pela Faculdade de Enfermagem da UFPel.
Na UCEIII são abordados teoricamente e implementados nos campos práticos os seguintes temas: política nacional de práticas integrativas e complementares, plantas medicinais no cuidado à saúde, com ênfase no cuidado a feridas, hipertensão e diabetes; auriculoterapia, acupuntura e moxaterapia.

Metodologia

Neste curso serão utilizadas palestras e interações pelo Skype, disponibilização de vídeos (YouTube) já produzidos Projeto de Extensão Práticas Integrativas e Complementares na Rede de Atenção à Saúde (PIC-RAS), textos de apoio, infográficos; fóruns de discussão e entrega de dois trabalhos: 1) produção de um material educativo (infográfico ou folder) a partir de uma planta medicinal escolhida, confrontando o saber pessoal, com as informações das bases de dados científicos; 2) produção de um material educativo (infográfico ou folder) a partir de uma prática integrativa e complementar ofertada no Sistema Único de Saúde.

Descrição dos conteúdos/programa
• Políticas públicas de práticas integrativas e complementares ofertadas no Sistema Único de Saúde;
• Abordagem de algumas práticas integrativas e complementares (Prática corporal de Lian Gong; Acupuntura/Auriculoterapia e outras práticas da medicina tradicional chinesa; Acupressão/Digitopressão; Cone chinês; Ba Duan Din; Reiki e outras práticas de imposição de mãos; Toque terapêutico; Meditação; Arteterapia; Radiestesia e bioeletrografia;
• Fitoterápicos ofertados no SUS;
• Identificação taxonômica das plantas;
• Cuidados na coleta e acondicionamento para montagem de um herbário;
• Montagem das exsicatas;
• Cuidados para o bom uso de plantas medicinais (coleta, preparação, conservação e uso);
• Cuidados no plantio de plantas medicinais;
• Formas de preparo e uso das plantas medicinais;
• Plantas medicinais utilizadas com potencial para o tratamento de feridas;
• Plantas medicinais utilizadas com potencial para o tratamento de sintomas respiratórios;
• Plantas medicinais utilizadas com efeito calmante;
• Cuidados para utilização de plantas medicinais durante a gestação e amamentação;
• Plantas medicinais utilizadas com potencial para o tratamento complementar da hipertensão e diabetes;
• Plantas medicinais do Bioma Pampa;
• Escalda pés;
• Plantas tóxicas;
• Preparo do sal temperado;

Indicadores, Metas e Resultados

Indicador 1: Proporção de acadêmicos do terceiro semestre da Faculdade de Enfermagem, 2020-1, matriculados no curso.
Meta 1: espera-se que 70% dos acadêmicos do terceiro semestre da Faculdade de Enfermagem, 2020-1, façam a matrícula no curso.

Indicador 2: Proporção de acadêmicos no curso com no mínimo uma postagem semanal no fórum de discussão do curso.
Meta 2: espera-se que 100% dos acadêmicos tenham no mínimo uma postagem semanal no fórum de discussão do curso.

Indicador 3: Proporção de acadêmicos no curso com produção e entrega de um material educativo sobre uma PIC ofertada no SUS.
Meta 3: espera-se que 100% dos acadêmicos matriculados no curso entregue um material educativo sobre uma PIC ofertada no SUS.

Indicador 4: Proporção de acadêmicos no curso com produção e entrega de um material educativo sobre uma planta medicinal escolhida.
Meta 4: espera-se que 100% dos acadêmicos matriculados no curso entregue um material educativo sobre uma planta medicinal escolhida.

Resultados Esperados
Ao final do curso os acadêmicos conheçam sobre a PICs ofertadas no SUS e saibam buscar informações sobre plantas medicinais embasadas no conhecimento científico.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ADRIZE RUTZ PORTO5
AMANDA DA SILVEIRA NADAL
ANALINE BIERHALS LIMA
ANGELICA MORAES SCHULTZ
ANGÉLICA FORTES
Ana Cristina Rodrigues dos Santos
BEATRIZ FRANCHINI10
BIANCA ALBUQUERQUE GONÇALVES
CAMILA ALMEIDA
CAROLINE VASCONCELLOS LOPES
CLESIA BEATRIZ QUEVEDO DE JESUS
CRISTINA LESSA MARTINS
DANIEL DE SIQUEIRA MOREIRA
DEBORA GIOVANA DE AVILA DA ROSA
DIANA CECAGNO
EDSON ELIZEU ESCHEVANI TAKEHISA
FERNANDA RODRIGUES DINIZ
HELENA DOS SANTOS CARDOSO
IZAURA DE OLIVEIRA
Letícia Cortez Farias
MARCIA VAZ RIBEIRO
MARCIO ROSSATO BADKE
MARIANA FACHINI DE FREITAS
MARIANA GROSS DE AGUIAR
MARIANGELA UHLMANN SOARES10
MILENA MUNSBERG KLUMB
MÁRCIO PAIM MARIOT
RAFAEL NUNES E NUNES
RITA MARIA HECK4
SIDNEIA TESSMER CASARIN3
STEFANIE GRIEBELER OLIVEIRA10
TEILA CEOLIN12
THAIS DE SOUSA NASCIMENTO
THALISON BORGES DE OLIVEIRA
VICTOR RODRIGUES DA CONCEICAO
VITORIA SCHMIELE
YASMIN BASTOS CARGNIN

Página gerada em 23/01/2022 06:55:14 (consulta levou 0.115541s)