Nome do Projeto
Extensão na ESEF/UFPEL: Voz da comunidade
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
15/07/2020 - 15/12/2021
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde
Resumo
A Extensão na Universidade Federal de Pelotas (UFPEL) objetiva promover a interação dialógica e a integração transformadora entre a Universidade e outros setores da sociedade, a difusão do conhecimento produzido e a capacitação dos cidadãos e profissionais comprometidos com a realidade social. O PET (Programa de Educação Tutorial) enquanto Programa deve priorizar as ações investigativas com objetivo de fomentar uma melhor qualificação dos bolsistas. Neste sentido esta pesquisa terá como foco ouvir a comunidade da Escola Superior de Educação Física (ESEF) sobre as propostas extensionistas universitárias, da UFPEL. Trata-se de uma pesquisa exploratória com referencial baseado na pesquisa qualitativa que assume o caráter onde os sujeitos atribuem significados e opiniões. Serão sorteados aleatoriamente 50% dos projetos de extensão ativos. Será enviado aos participantes o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE), bem como o Termo de Assentimento (TA). O instrumento e pesquisa será um questionário utilizando a escala de likert de cinco pontos, com afirmações positivas e negativas referentes às temáticas da investigação. Os dados coletados serão armazenados em planilha do Excel, e as análises realizadas por meio do STATA. O projeto foi aprovado pelo comitê de ética da Universidade Federal de Pelotas sob o número 3.716.969.

Objetivo Geral

Investigar os vínculos criados a partir dos projetos de extensão universitária entre docentes e comunidade sob a percepção dos sujeitos envolvidos neste processo.

Justificativa

O grupo PET - Educação Física da UFPEL desenvolve diversas atividades de extensão (atividades voltadas também ao público de fora do meio acadêmico), sendo algumas delas: PET + saúde na escola, PET STOP da Saúde, CinePet, Olimpets e Passeio Ciclístico, há ainda uma boa aproximação dos Petianos em diferentes propostas extensionistas na unidade acadêmica.
Já nas atividades relacionadas a ensino (atividades voltadas ao público acadêmico) pode-se citar, Intercâmbio entre Universidades, Encontro de Egressos (atividade desenvolvida somente para membros do grupo PET), Conheça seu Professor, Palestra dos Bixos, Momento Acadêmico e Ciência e Cultura.
Neste momento as atividades de pesquisa do Grupo PET/ESEF estão voltadas a duas vertentes: uma que busca a visibilidade do PET/ESEF e outra que procura investigar a satisfação dos participantes nos projetos de extensão ofertados pela ESEF/UFPEL.
De acordo com o Manual de Orientações Básicas (MOB), o PET deve desenvolver ações de ensino, extensão e pesquisa de maneira articulada, permite uma formação global, tanto do aluno bolsista quanto dos demais alunos do curso, em contraposição à fragmentação, proporcionando-lhes uma compreensão mais integral do que ocorre consigo mesmo e no mundo. Ao mesmo tempo a multiplicidade de experiências contribui para reduzir os riscos de uma especialização precoce. (Ministério da Educação, 2002)

Metodologia

A pesquisa terá como foco ouvir a comunidade da Escola Superior de Educação Física sobre as propostas extensionistas universitárias, da Universidade Federal de Pelotas. Trata-se de uma pesquisa exploratória com referencial baseado na pesquisa qualitativa. De acordo com Bogdan e Biklen (1994), a investigação qualitativa deve refletir um diálogo entre o pesquisador e os sujeitos da pesquisa, procurando identificar as formas como sentem e explicam sua realidade, pois é através dessa interação que o todo (a pesquisa)
vai ganhando forma. Assim, na pesquisa qualitativa o sujeito tem um caráter de atribuidor de significados, cabendo ao pesquisador a busca da compreensão destes significados.
Levando em consideração tal enfoque, a finalidade desse estudo se pautou na compreensão dos significados e das implicações da extensão universitária na comunidade ESEF sobre as propostas extensionistas.
Para a realização deste estudo, inicialmente foi idealizado o levantamento de todos os projetos de extensão existentes na ESEF – UFPEL, o mesmo foi feito através do portal institucional da Universidade Federal de Pelotas (https://institucional.ufpel.edu.br/projetos). Este tinha como propósito averiguar
quantos projetos de extensão universitária estavam ativos e registrados em Maio de 2019, na área de Educação Física. Foram encontrados neste documento 34 projetos de extensão universitária, inseridos em diferentes áreas da Educação Física. Logo após, foi conferido com os professores responsáveis pelos projetos os quais se encontravam ativos no primeiro semestre de 2019, contabilizando assim 26
projetos.
Para a realização desta investigação, o projeto de pesquisa foi encaminhado ao Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Federal de Pelotas da Escola Superior de Educação Física. Foi encaminhado ainda um documento de aprovação para o Colegiado ou Direção da ESEF/UFPel, obtendo a aprovação para realização da pesquisa.
Serão sorteados aleatoriamente 50% dos projetos de extensão ativos. Na sequência será realizado um levantamento dos nomes, e-mails, telefones e dos endereços dos possíveis participantes da pesquisa. A partir deste contato com os participantes serão enviados o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido
(TCLE), bem como o Termo de Assentimento (TA), como também para os responsáveis, no caso de alunos menores de idade e aos alunos com deficiência cognitiva, para apresentá-los a pesquisa.
Será informado que os participantes podem se retirar do estudo a qualquer momento, se sentirem necessidade, e que o termo de consentimento seria assinado por eles quando se realizasse a entrevista. O instrumento de pesquisa terá questões fechadas utilizando a escala de Likert de cinco pontos, com afirmações positivas e negativas referentes às temáticas da investigação. O questionário, será distribuído aos integrantes da pesquisa com o objetivo de ouvir a comunidade, compreender as relações estabelecidas entre os participantes deste projeto e avaliar a satisfação dos mesmos. A escala de Likert é um tipo de escala de resposta psicrométrica, utilizada habitualmente em questionários, e é a escala mais usada em pesquisas de opinião. Ao responderem a um questionário baseado nesta escala, os perguntados especificam seu nível de concordância com uma afirmação. A escala de Likert apresenta uma série de cinco posições, das quais o respondente deve selecionar apenas uma, podendo ser de discordo totalmente até concordo totalmente. Foi utilizada uma pontuação de 1 até 5 para as respostas, sendo 1=
discordo totalmente, 2 = discordo, 3=sem opinião, 4= concordo e 5= concordo totalmente.
Segundo Marconi e Lakatos (2003), as vantagens do questionário são: economizar tempo, viagens e obter grande número de dados; atingir maior 10 número de pessoas ao mesmo tempo; abranger uma área geográfica maior; obter respostas mais rápidas e mais precisas; ter maior liberdade nas respostas,
em razão ao anonimato; ter mais segurança, pelo fato de as respostas não serem identificadas; ter mais tempo para refletir sobre as questões e respondê-las mais adequadamente e obter respostas que materialmente seriam inacessíveis.
Ao final da realização das mesmas, todos os depoentes assinaram o termo de consentimento livre e esclarecido autorizando a utilização das entrevistas como material para a presente investigação. Os dados coletados serão armazenados em planilha do Excel, e as análises realizadas por meio do Software Stata.

Indicadores, Metas e Resultados

Ouvir a comunidade da ESEF sobre as propostas extensionistas da ESEF-UFPEL e compreender as relações estabelecidas entre os participantes destes projeto, como também, avaliar a satisfação com os projetos de extensão oferecidos.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANGELINNIE CHIRIVINO ANTUNES DA ROCHA
CLARA ZILLIG ECHENIQUE
DEBORAH KAZIMOTO ALVES
DIEGO BRAGA DE CASTRO
FELIPE GARCIA MALLUE
FERNANDA WOZIAK TAVARES
JULIA DE RIBEIRO BOZZETTI
LARISSA FRANK HARTWIG
LUCA SCHULER CAVALLI
MARCOS JORDANIO PEREIRA FEITOSA LIMA
MARIANGELA DA ROSA AFONSO4
MARINA SOUTO DOMINGUES
MATEUS DE PAULA BORGES
MAURÍCIO MACHADO
TALES CONCEIÇÃO DIAS
VITÓRIA CAMARGO SILVEIRA

Página gerada em 29/02/2024 00:02:49 (consulta levou 0.125274s)