Nome do Projeto
Grupo de estudo do efeito da atividade física e do exercício em pacientes com doença renal crônica
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
20/11/2020 - 29/12/2023
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde
Resumo
A doença renal crônica (DRC) é um importante problema de saúde pública, por sua elevada prevalência e custos social e financeiro. É uma condição clínica na qual os rins perdem sua função, atingindo progressivamente a doença renal crônica em estágio terminal (DRCT), momento em que se torna necessária terapia renal substitutiva (TRS). O paciente com DRC apresenta, além de todas as complicações da própria doença, perda de massa muscular e consequentemente perda de força e capacidade funcional o que interfere na sua qualidade de vida. A hemodiálise (HD) é o método que consiste na filtração do sangue através de um equipamento que possui uma membrana capaz de separar e eliminar, através do gradiente de concentração, moléculas provenientes do metabolismo e potencialmente tóxicas, quando em concentrações sanguíneas elevadas., sendo esse tratamento fundamental para a manutenção da vida do paciente. No entanto, a HD ainda apresenta inúmeras limitações técnicas e efeitos indesejados aos pacientes. A eficiência da hemodiálise está ligada à capacidade de remover solutos, além de excesso de água acrescentada aos líquidos corporais. Os métodos atualmente disponíveis para aumentar a eficiência da HD incluem aumento da duração das sessões de diálise, aumento do fluxo do sangue e do dialisato e aumento na permeabilidade do dialisador. Estas medidas, porém, aumentam o custo financeiro do tratamento, e comprometem ainda mais a qualidade de vida dos pacientes em HD. Em função dessas dificuldades, tem-se buscado métodos alternativos para a melhora da eficiência da HD. A HD apesar de ser vital aos pacientes promove efeitos indesejados como aumento da imobilidade, pois o tratamento é longo (cerca de 12 hs semanais). Neste contexto, o exercício físico durante a sessão de hemodiálise tem sido descrito como uma medida com potencial impacto tanto na capacidade funcional como na eficiência do tratamento. A busca de melhorar os níveis de atividade física, proporcionar exercício para esses pacientes bem como avaliar níveis de depressão são fundamentais para o tratamento do paciente com DRC. O estudo continuado de instrumentos avaliativos, tipos de exercícios e métodos para melhorar a qualidade de vida desses pacientes serão estudados, discutidos e aplicados no Grupo. O Grupo de estudos será formado por uma equipe multidisciplinar composta por professores Médicos, Fisioterapeutas, Educadores físicos, Enfermeiros, Assistentes Sociais, alunos da medicina (UFPEL e UCPEL), alunos da fisioterapia (UFPEL e UCPEL) e alunos da ESEF- UFPEL(Pós-Graduação e graduação)

Objetivo Geral

- Promover o estudo dos efeitos do exercício e da atividade física em pacientes com DRC.
- Promover estudo continuado aos profissionais que trabalham com pacientes com DRC.
-Avaliar os efeitos de diferentes protocolos de exercício sobre a capacidade funcional, equilíbrio corporal, cognição e qualidade de vida dos pacientes com DRC que estão em tratamento hemodialítico.

Justificativa

Esse projeto unificado com ações em pesquisa e extensão irá contribuir para formação acadêmica de diversos alunos no campo da avaliação funcional de pacientes, além de promover estudo continuado para profissionais da área. A aplicação de protocolos de exercício durante a HD é sabidamente um tratamento que melhora a qualidade de vida desses pacientes e o estudo sob aspectos funcionais são fundamentais para esses ramo da ciência.

Metodologia

Extensão- Serão realizados encontros semanais (10 encontros por semestre) com alunos dos cursos de Medicina, Fisioterapia, Nutrição e Educação física da UFPEL, além de alunos da Pós Graduação em Educação Física da UFPEL. Alunos da medicina da UCPEL também estão no projeto. Ainda temos profissionais fisioterapeutas do serviço de fisioterapia do HUSFP. Esses encontros serão Coordenados por professores da UFPEL e da UCPEL e serão abordados e apresentados artigos científicos acerca de tópicos sobre o tratamento, avaliação e metodologia científica sobre pacientes com DRC.
Pesquisa- Serão realisadas pesquisas de TCC, Mestrado, Doutorado de ambas universidades envolvidas. Os trabalhos irão fazer em conjunto avaliações de 6 em 6 meses nos pacientes em tratamento no serviço de Nefrologia do HSFP. Intervenção estruturadas de programas de exercícios serão implementadas em grupos de pacientes. Os projetos serão enviados para o Comitê de Ética em Pesquisa da UCPEL.

Indicadores, Metas e Resultados

Os resultados da ação extensionista será realizado no final de 1 ano de projeto, será realizado questionário avaliativo sobre os encontros com os participantes para avaliar o ganho de conhecimento, capacidade de entendimento do assunto, grau de satisfação com o projeto e nota geral para o projeto. Esperamos que os assuntos abordados ofereçam um bom embasamento acerca dos objetivos dos encontros.
Quanto a ação em pesquisa esperamos ter até o final de 2021: - 2 TCCs, 3- Mestrados e 2 Doutorados com média de 8 artigos sobre as avaliações e protocolos de exercício.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
AIRTON JOSE ROMBALDI1
ANA JULIA DA ROSA DECKER
ANGEL CAROLINE CHIRIVINO ANTUNES DA ROCHA
Ana Carolina Conteratto
Ariela Botelho Peixoto
BEATRIZ CARVALHO PADILHA
BIANCA DIEL CORREA
Bárbara Silva Amorim
CAROLINE CAMPOS BLUHM
DENER BUDZIAREK DE OLIVEIRA
ERICK RODRIGUES FREITAS
GIOVANNA MARTINES
GISÉLE DOS SANTOS TOMÁZ
GUSTAVO DIAS FERREIRA7
Guilherme Pitol
ISMAEL VINICIUS BAUER NUNES DE ALMEIDA
JULIANA GÖEBEL TREPTOW
Jeniffer Lissandra Braun de Aquino
Katarina Bender Botessele
MARIANA NEITZKE DA SILVA
MARISTELA BOHLKE
NATAN FETER
PAULA DE CARVALHO AVILA
RAFAEL BUENO ORCY2
RAFAELA CATTO
RONY KAFER NOBRE
Ruan Lucas Miorelli Mariani
SAMARA TABANÊS FERNANDES VIEIRA
TACIANE DELUCA FERREIRA
VINICIUS THIEL LAUTENSCHLAGER
VITORIA FANTONI DAMBROS

Página gerada em 20/05/2022 21:38:25 (consulta levou 0.097737s)