Nome do Projeto
Divulgando nossa ciência: da iniciação a pós-graduação.
Ênfase
Extensão
Data inicial - Data final
10/08/2021 - 10/08/2023
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Biológicas
Eixo Temático (Principal - Afim)
Saúde / Saúde
Linha de Extensão
Divulgação científica e tecnológica
Resumo
Os trabalhos desenvolvidos pelo grupo “Aspectos bioquímicos de doenças crônicos degenerativas” da UFPel visam esclarecer mecanismos envolvidos na patogênese bem como avaliar novas formas de intervenção terapêutica em várias doenças com grande incidência na população. Os resultados destas pesquisas têm sido divulgados principalmente na forma de artigos científicos internacionais e apresentações em congressos. Sendo assim, este projeto almeja garantir maior alcance de informações referentes as pesquisas desenvolvidas neste grupo, uma vez que as patologias pesquisadas bem como os avanços em relação às opções de tratamento destas são de grande interesse para a sociedade. Este projeto será realizado de forma remota com a utilização de ferramentas digitais para a execução das tarefas. A manutenção e atualização das redes sociais e outras plataformas digitais será realizada por alunos de graduação e pós-graduação vinculados ao grupo de pesquisa sob supervisão das professoras coordenadoras. Para a divulgação científica, o conteúdo será elaborado de forma clara, podendo ter um formato flexível (textos, imagens, vídeos, dentre outros) de acordo com o assunto a ser divulgado. Espera-se através deste projeto aumentar a visibilidade das atividades de pesquisa realizadas no referido grupo, bem como incentivar alunos de iniciação científica e pós-graduação a desenvolverem outras formas de divulgação de suas pesquisas tornando-as assim, mais acessíveis para o entendimento da sociedade.

Objetivo Geral

Objetivo Geral:

Divulgar as atividades científicas desenvolvidas pelo grupo de pesquisa “Aspectos Bioquímicos de doenças crônico degenerativas” da UFPel.

Objetivos Específicos:

- Utilizar as mídias sociais e outras plataformas online como meio para a divulgação da nossa ciência.
- Elaboração de material com foco na popularização da ciência.
- Estimular os estudantes de pós-graduação a desenvolver outras formas de divulgação dos seus trabalhos.
- Inserção dos alunos de iniciação científica na divulgação da ciência.



Justificativa

A divulgação científica é fundamental para o desenvolvimento da ciência, uma vez que ela proporciona o acesso a informações sobre resultados de pesquisas para a população em geral. Sendo assim, os pesquisadores além de produzir conhecimento, também possuem a missão de popularizar a ciência. É através da divulgação dos trabalhos realizados nos grupos de pesquisa que os cientistas prestam contas à sociedade. Além disso, bons programas de divulgação científica podem ser fontes complementares para professores de ensino fundamental, médio e universitário, além de ser uma possibilidade de se despertar vocações para as carreiras científicas e tecnológicas.
Nos últimos anos, o compartilhamento de descobertas científicas para a sociedade tem chamado ainda mais a atenção. Considerando algumas características da internet como acessibilidade, interatividade e compartilhamento, a divulgação da ciência através da internet vem sendo muito utilizada para compartilhar informações relevantes para a população em geral. Além das mídias tradicionais, as redes sociais têm sido fortes disseminadoras de informação, já que transmitem diversos conteúdos com agilidade. Sabendo da força que esses canais têm na vida da sociedade alguns pesquisadores estão utilizando isso a favor da divulgação científica com o objetivo de aproximar ainda mais ciência e sociedade.
O grupo de pesquisa “Aspectos bioquímicos de doenças crônicos degenerativas” foi criado e registrado no Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) em 2016 e está sob a coordenação das professoras Roselia Maria Spanevello e Francieli Moro Stefanello da Universidade Federal de Pelotas. Esse grupo possui caráter multidisciplinar sendo composto por pesquisadores de diferentes áreas como farmácia, biologia, biotecnologia, química, nutrição, veterinária, biomedicina e enfermagem.
Os trabalhos desenvolvidos por este grupo de pesquisadores visam esclarecer mecanismos bioquímicos, moleculares e comportamentais associados com a patogênese de várias doenças como grande incidência na população como por exemplo, câncer, diabetes, síndrome metabólica, doenças psiquiátricas e patologias neurodegenerativas. Além de avaliar os mecanismos bioquímicos implicados no desenvolvimento destas doenças, este grupo também visa determinar os efeitos da utilização de compostos naturais e sintéticos como potenciais ferramentas de curto e longo prazo, no manejo terapêutico. Assim, as pesquisas desenvolvidas neste grupo possuem foco tanto na identificação de novos marcadores bioquímicos bem como na descoberta de novas intervenções terapêuticas que possam prevenir ou reverter complicações associadas a doenças crônico degenerativas. Os resultados das pesquisas realizadas até o momento têm sido divulgados principalmente na forma de artigos científicos internacionais e apresentações em congressos. Sendo assim, este projeto almeja garantir maior alcance de informações referentes as pesquisas desenvolvidas neste grupo, uma vez que as patologias pesquisadas bem como avanços em relação a opções de tratamento destas são de grande interesse para a sociedade.

Metodologia

Metodologia

O projeto será realizado de forma remota com a utilização de ferramentas digitais para a execução das tarefas. A manutenção e atualização das redes sociais e outras plataformas digitais será realizada por alunos de graduação e pós-graduação vinculados ao grupo de pesquisa sob supervisão das professoras coordenadoras.
Para a divulgação científica, o conteúdo será elaborado de forma clara, podendo ter um formato flexível (textos, imagens, vídeos, dentre outros) de acordo com o assunto a ser divulgado. Os estudantes poderão explicar suas pesquisas ou conteúdo sobre temas de relevância pública em quadros de um minuto para circulação nas redes sociais. Além disso, a produção de materiais audiovisuais em meios digitais será muito importante para a disseminação de pesquisas desenvolvidas dentro do grupo de pesquisa “Aspectos crônico de doenças neurodegenerativas” da UFPel.

Indicadores, Metas e Resultados

Espera-se através deste projeto aumentar a visibilidade e o impacto dos trabalhos realizados pelo grupo de pesquisa “Aspectos Bioquímicos de doenças crônico degenerativas” da UFPel, bem como, disseminar o conhecimento das ações cientificas desenvolvidas neste grupo para a sociedade. Além disso, espera-se também que os alunos de iniciação científica e de pós-graduação desenvolvam outras formas de divulgar suas pesquisas tornando-as, assim, mais acessíveis à comunidade.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALESSANDRA DOS SANTOS
ANITA AVILA DE SOUZA
ANTONIO ORLANDO FARIAS MARTINS FILHO
BERNARDO DE MORAES MEINE
BERNARDO DE MORAES MEINE
CLAITON LEONETI LENCINA1
FERNANDO LOPEZ ALVEZ
FRANCIELI DA SILVA DOS SANTOS
FRANCIELI MORO STEFANELLO1
GABRIELA TOLFO GUERRA
JULIA EISENHARDT DE MELLO
JULIANE DE SOUZA CARDOSO
JULIANE TORCHELSEN SARAIVA
KARINA PEREIRA LUDUVICO
KELEN CRISTIANE MACHADO GOULARTE
LARISSA MENEZES DA SILVEIRA
LUIZA SPOHR
MAYARA SANDRIELLY PEREIRA SOARES
NATHALIA STARK PEDRA
NATÁLIA PONTES BONA
OLIVIA WYSE FARIA
RAPHAELA CASSOL PICCOLI
REJANE GIACOMELLI TAVARES1
ROSELIA MARIA SPANEVELLO2
SOLANGE VEGA CUSTODIO
Sara Keske
TAYNA AMARAL VELEDA
WILLIAM SANABRIA SIMÕES

Página gerada em 04/07/2022 02:56:21 (consulta levou 0.092492s)