Nome do Projeto
Serviço de Atendimento Educacional Especializado no contexto da Educação de Jovens e Adultos
Ênfase
Extensão
Data inicial - Data final
01/06/2022 - 31/10/2022
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Humanas
Eixo Temático (Principal - Afim)
Educação / Educação
Linha de Extensão
Formação de professores
Resumo
Ofertar formação continuada para professores da Educação Básica que atuam com a Educação de Jovens e Adultos - EJA para o Atendimento Educacional Especializado proporcionando aprendizagens para o uso dos recursos de tecnologia assistiva

Objetivo Geral

Rever conceitos e práticas de ensino e de aprendizagem considerando o Atendimento
Educacional Especializado para os educandos da Educação de Jovens e Adultos;
- Oportunizar aos professores da EJA referenciais teóricos-metodológicos que permitam
construir estratégias pedagógicas para a utilização da tecnologia assistiva e do DEA.
- Identificar as principais políticas públicas implicadas na organização e na estrutura da EJA
e da Educação Especial;
- Construir pressupostos de ensino e de aprendizagem no campo da EJA e da Educação
Especial;
- Possibilitar a reflexão sobre os referenciais teórico-práticos relacionados à educação
especial e a EJA em um contexto de inclusão;
- Oportunizar a troca de saberes, experiências, recursos e materiais de TA.
- Desenvolver projetos de trabalho pedagógico para a EJA;
- Socializar as produções por meio de publicações.

Justificativa

A EJA precisa acolher os e as estudantes que não construíram os conhecimentos necessários
para avançar nas etapas de ensino, possibilitando o mínimo de ascenção social, como por exemplo,
acesso à postos no mercado de trabalho. Precisa também acolher adolescentes e jovens que,
fracassando na escola regular em período diurno, são designados à frequentar a EJA. E necessita,
ainda, responder pelas necessidades educacionais especifícas dos e das estudantes com deficiência,
com autismo, ou ainda Altas Habilidades ou Superdotação.. Essa nova realidade deixou as turmas de
Educação de Jovens e Adultos ainda mais heterogêneas, complexas e desafiadoras.
Essa nova conjuntura na EJA denota que a ausência de formação continuada neste campo para
o trabalho pedagógico com tais estudantes, tem impedido os e as docentes e os e as discentes de
alcançarem êxitos no ensinar e no aprender. São evidentes os sentimentos de fracasso, de menos valia
e de desânimo lado a lado com uma grande vontade de aprender, de avançar e de interagir com mais
qualidade ensinando e aprendendo com essa nova realidade que se configura na EJA.
Educadores e educadoras, pesquisadores e pesquisadoras, estudiosos e estudiosas do campo
da Pedagogia Progressista, àqueles e àquelas que há tempos problematizam as práticas tradicionais,
os currículos engessados, a disciplinarização exacerbada dos conhecimentos, a falta de diálogo entre
os conhecimentos científicos e os conhecimentos advindos de outras fontes, enxergam nessa
multiplicidade uma profícua oportunidade para inovar. É no encontro das diferenças e das pluralidades
encontradas em tais classes que a Pedagogia pode ser revisitada, que o processo de ensinar e de
aprender pode ser ressignificado, desde o diálogo, a abertura, a troca de conhecimentos até aconstrução de novas epistemologias para o fazer pedagógico.
É nessa busca que a proposta de formação continuada, aqui apresentada, configura uma
inovação pedagógica que alia estudos do campo da Educação de Jovens e Adultos com estudos daEducação Especial. O objetivo é instrumentalizar e capacitar os professores e professoras da Educação
Básica com conhecimentos do campo das diferentes deficiências dialogando com as necessidade,
peculiaridades e especificidades do universo de jovens e adultos que caracteriza a EJA.

Metodologia

Mesa-redonda de debates e discussões;
- Encontros síncronas;
- Atividades assíncronas;
-

Formação para professores da Educação Básica em EAD, envolvendo:
Recursos pedagógicos disponibilizados na Plataforma para auxiliar a aprendizagem de
conceitos que compreendem o curso;
- Referencial teórico relativo a cada uma das disciplinas dos módulos;
- Aula Bônus para diversificar estudos;
- Pod Cast – protagonistas da história;
- Metodologias inovadoras;
- Construção de narrativas a partir das experiências de cursistas e de professores do
curso;
- Atividades de pesquisa no contexto de trabalho escolar dos cursistas visando a
socialização de práticas e experiências;

Indicadores, Metas e Resultados

Meta - oportunizar formação cointinuada para 500 professores da Educação Básica, no formato EAD, para todo o território nacional

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ADRIANA MENDES BASTOS
LIDIANE BILHALVA RODRIGUES
LUCIANA SILVA MASCARENHAS
MAXIMIRA ROCKEMBACK DA PORCIUNCULA
RAQUEL LUDTKE2
RITA DE CASSIA MOREM COSSIO RODRIGUEZ2
SIMONE BARRETO ANADON
VERÔNICA PORTO GAYER

Página gerada em 22/02/2024 10:11:15 (consulta levou 0.339684s)