Nome do Projeto
UFPel Rocket Team 2.0
Ênfase
Ensino
Data inicial - Data final
02/05/2023 - 30/10/2024
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Engenharias
Resumo
O presente projeto, com ênfase em ensino, trata da elaboração de minifoguetes. A elaboração de foguetes requer uma equipe multidisciplinar por excelência dado que nas diferentes fases do projeto estão presentes a gestão, o design, a comunicação, a física, a química, e outras áreas de conhecimento. O projeto pretende dar continuidade ao projeto de ensino UFPel Rocket Team, descontinuado na pandemia. Um projeto destas características promove o ensino, a educação científica e tecnológica, a criatividade e a interdisciplinaridade. A ênfase no ensino deve-se à preocupação central em colocar em prática o empoderamento dos discentes a partir do “saber fazer”. Inicialmente o projeto está previsto para 1 ano, com possibilidade de renovação, dependendo da aderência dos discentes, uma vez que toda equipe de projeto está sujeita a renovação junto com a finalização da graduação de cada integrante.

Objetivo Geral

O objetivo geral do projeto consiste em desenvolver o conhecimento e a práxis necessários à elaboração de um minifoguete que seja capaz de ser lançado no ar, alcançar uma determinada altitude e pousar em segurança.

Os objetivos específicos do projeto consistem em:
Desenvolver habilidades práticas em áreas como física, engenharia, matemática, eletrônica, design, marketing, comunicação, gestão de time, gestão de recursos, relações com a comunidade, liderança, proatividade, permitindo que os alunos apliquem seus conhecimentos teóricos de uma forma sólida, empolgante e criativa.
Explorar diferentes sistemas de propulsão, configurações e materiais para alcançar com maior precisão possível uma altitude desejada com o minifoguete, ou a altitude máxima com um motor de potencial preestabelecido.
Realizar testes e simulações para avaliar o desempenho do minifoguete em diferentes condições de voo.
Estabelecer critérios de segurança para garantir que o minifoguete seja lançado e operado com segurança em todos os momentos.
Explorar soluções nas diversas áreas que o projeto abrange e compartilhar os resultados com a comunidade mundial de foguetemodelismo.
Possibilitar que discentes da instituição, entusiastas da área, tenham possibilidade de se desenvolver dentro dela.
Estimular o interesse e o engajamento da sociedade em geral por meio de ações inspiradoras e didáticas, como divulgação dos avanços da equipe em redes sociais, promoção ou participação em eventos e atividades didáticas como workshops ou palestras, instigando a comunidade para promover o avanço da ciência de foguetes.

Justificativa

A justificativa do projeto apresenta diversas dimensões. Dentre as principais podemos citar aqui seguem.
Desenvolvimento de habilidades práticas: A construção de um minifoguete promove o desenvolvimento de habilidades práticas, e que os alunos apliquem seus conhecimentos teóricos de uma forma sólida e criativa, nas áreas de física, engenharia, matemática, mecatrônica, engenharia de segurança, gestão de projetos, marketing, comunicação, etc.
Estímulo à criatividade e inovação: A elaboração de um projeto de minifoguete promove a criatividade explorando diferentes materiais, sistemas de propulsão, configurações de montagem de minifoguete, interação das magnitudes físicas e muitos outros elementos. Também incentiva a criatividade para elaboração de materiais de divulgação, de controle de projeto e interações com a comunidade.
Interdisciplinaridade: A elaboração do projeto envolve a colaboração e trabalho em equipe multidisciplinar, promovendo desta forma, espontaneamente, a aquisição de habilidades e conhecimento na gestão de projetos, resolução de problemas, trabalho em equipe, e relações humanas.
Promoção da educação científica e tecnológica: A elaboração de um projeto de minifoguete representa uma oportunidade para promover a educação científica e tecnológica, incentivando o interesse dos alunos pelas áreas de ciência, tecnologia, engenharia e matemática e demonstrando a aplicação prática dos conceitos teóricos ensinados em sala de aula. Muitos desses conhecimentos poderão ser repassados nas escolas, na disseminação do ensino superior entre potenciais futuros alunos.

Metodologia

O projeto prevê a combinação de diferentes conceitos e uso combinado de várias metodologias, dentre as quais serão utilizadas as que seguem.
Design thinking (DT): A metodologia de design thinking será aplicada na busca de soluções inovadoras para os desafios envolvidos na construção de um minifoguete. A prototipagem rápida, utilizada no DT facilita a criação de protótipos de forma rápida e econômica, permitindo assim testar e validar ideias em um estágio inicial do processo de design.
O clássico “Ciclo de Deming” o PDCA (Planejar, Fazer, Verificar e Agir) é uma metodologia de gerenciamento de qualidade que pode ser utilizada para garantir que o projeto do minifoguete atenda aos padrões de qualidade exigidos.
Junto ao DT, a metodologia ágil poderá ser utilizada para enfatizar a colaboração em equipe, a flexibilidade e a entrega de valor contínuo. Esta abordagem pode ser aplicada para gerenciar o processo de desenvolvimento do minifoguete de forma iterativa e incremental, facilitando assim a adaptação do projeto ao longo do tempo.
As principais fases previstas do projeto são as seguintes:
Definição do objetivo do minifoguete (altitude, distância a percorrer, tipo de foguete, energia).
Especificação das características do minifoguete, tamanho, peso, formato, materiais utilizados e sistema de propulsão.
Desenvolvimento do modelo em software.
Construção do protótipo: trabalho sobre os materiais, ferramentas necessárias, montagem do corpo, aletas, sistema de propulsão e recuperação.
Testes: teste estático para verificar o desempenho da propulsão e possíveis problemas a serem corrigidos. Dependendo do número de discentes envolvidos no 1º ano de retomada do projeto, os testes poderão incluir lançamentos.
Análise dos dados obtidos nos testes e ajustes necessários para melhoria do desempenho do minifoguete.
Disseminação do conhecimento: elaboração de material didático básico para apresentar o conceito de minifoguete em escolas, e facilitar a capacitação de novos integrantes.
Apresentação do projeto em eventos acadêmicos e de divulgação científica.
Busca de parcerias e patrocínios para viabilização do projeto a longo prazo.

Indicadores, Metas e Resultados

Os indicadores, as metas e os resultados que podem ser usados para avaliar o andamento da equipe são:
Clareza nas configurações e objetivos com a construção de cada protótipo de minifoguete.
Habilidade de identificação e captação de recursos necessários para a realização do projeto, como por exemplo: materiais, ferramentas, equipamentos, profissionais especializados, dentre outros.
Desenvolvimento preciso de modelos virtuais dos protótipos, com intuito de ter melhor clareza nas configurações definidas em cada modelo e obter previsões teóricas de desempenho dos mesmos.
Estabelecimento claro de um cronograma com datas previstas para a conclusão de tarefas e delegação clara de atividades entre os membros.
Realização de testes práticos e atingimento de objetivos com os protótipos planejados em parâmetros como: empuxo dos motores-foguete em testes estáticos, altitude e/ou distância atingidas, segurança do pouso, dentre outros;
Elaboração de circuitos que obtenham, com maior precisão possível, dados experimentais dos protótipos, como, por exemplo, empuxo gerado pelos motores-foguete, tempo de voo, trajetória de voo, etc.
Controle eficiente de recursos financeiros, humanos e físicos da equipe;
Elaboração de conteúdos e obtenção de engajamento nas redes sociais da equipe;
Participação e/ou promoção de eventos da área que causem impacto na comunidade de maneira a atrair público para a área;
Gestão eficiente de membros da equipe, através do controle de distribuição e realização de tarefas, seguimento de protocolos e gestão eficiente de crises.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALEJANDRO MARTINS RODRIGUEZ10
GABRIELA BALESTRIN VIEIRA DA CUNHA
GUSTAVO PINZON PEREIRA
JANETE VIEGAS VIEIRA
JANETE VIEGAS VIEIRA
JOAO PEDRO BARBOSA LOPES
KAUANE ZANETI MACIEL
LUCAS DA SILVA PERLEBERG
MANOELA DUARTE LEMOS
NATHANA DA COSTA FREITAS
RAFAEL CAVAGNOLI10
RAFAEL DE OLIVEIRA FABRES
RAVILON AGUIAR DOS SANTOS
VITOR MATEUS CONZATTI
WILLIAM LIMA CAIANO

Página gerada em 18/04/2024 01:09:11 (consulta levou 0.161160s)