Nome do Projeto
Tecnologias para Jogos Digitais
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
26/07/2023 - 26/07/2027
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Exatas e da Terra
Resumo
Este projeto visa pesquisar técnicas destinadas ao desenvolvimento de jogos digitais. Em especial técnicas de edição de conteúdo para jogos digitais, por exemplo, geração procedural de terrenos e diálogos. Um dos grandes desafios atuais no desenvolvimento de jogos digitais é a alta demanda por geração de conteúdo, por exemplo, são comuns jogos que permitem a exploração de cidades o que demanda grande quantidade de pessoas dedicadas a modelagem de todos os objetos presentes numa vasta região como uma cidade. Por esse motivo o custo de desenvolvimento tem crescido ao ponto de impossibilitar que empresas menores, com poucos desenvolvedores, possam competir com empresas líderes de mercado formadas por equipes com centenas de pessoas. Nosso objetivo é reduzir essa necessidade a partir de técnicas aprimoradas de geração de conteúdo para jogos digitais.

Objetivo Geral

Pesquisar técnicas de geração de conteúdo para jogos digitais que minimizem o trabalho manual e maximizem a produtividade

Justificativa

Segundo o governo americano a indústria de jogos digitais tem receitas próximas de $170 bilhões segundo dados de 2022. Esse valor é cinco vezes maior que a indústria de filmes, porém o custo para o desenvolvimento dos jogos digitais tem crescido em ritmo acelerado. Um dos principais motivos está ligado a necessidade crescente de desenvolvedores para produção dos conteúdos. É comum equipes com centenas de desenvolvedores. Essa situação resulta em custos proibitivos para pequenos desenvolvedores.

O objetivo deste projeto é pesquisar técnicas utilizadas no desenvolvimento de conteúdo para jogos digitais que reduzam a necessidade de trabalho manual e consequentemente reduzam o tamanho das equipes. Uma das frentes do projeto é a utilização de algoritmos de Inteligência Artificial para geração de diálogos entre personagens, dessa forma, reduzindo a necessidade de criação manual de todos os diálogos em um ambiente virtual com centenas ou até milhares de personagens. Outra frente do projeto é desenvolver técnicas de edição gráfica para modelagem dos ambientes virtuais, por exemplo, geração procedural de terrenos.

Metodologia

O projeto já possuí um jogo digital desenvolvido pelos alunos durante o trabalho de conclusão de curso de três egressos. Esse jogo é utilizado como estudo de caso para o desenvolvimento de novas técnicas. A partir da identificação da possibilidade de pesquisa em uma nova técnica é avaliado como conduzir a pesquisa dentro do jogo. Existem vários alunos interessados em participar do projeto e utilizar a mesma plataforma de desenvolvimento facilita a troca de ideias entre os integrantes. Também cria motivação ao verem as pesquisas desenvolvidas serem aplicadas e disponibilizadas para o público em geral.

Todos os alunos interessados no projeto seguem a sua motivação de trabalharem no desenvolvimento de jogos digitais, porém com diferentes interesses de pesquisa dentro da área. Quando um novo aluno ingressa no projeto ele recebe a tarefa de compreender o código do jogo e procurar e corrigir bugs. Durante esse processo de adaptação são identificas as capacidades e interesses do aluno. A partir dessa identificação é feita uma revisão bibliográfica essa é apresentada para o grupo que discute quais possibilidades de pesquisa podem ser aplicados no jogo utilizado como estudo de caso.

Semanalmente é feita uma reunião com todos os integrantes do projeto onde todos apresentam os seus avanços e objetivos para a próxima semana. Isso permite a colaboração entre os ingressantes e os mais experientes.

O projeto é majoritariamente composto por alunos da graduação do curso de Ciência da Computação, por isso é definido como objetivo para cada participante a produção do seu trabalho de conclusão de curso. Essa estratégia é utilizada para gerar um ponto focal e um objetivo de longo prazo, pois é comum a participação de alunos dos primeiros semestres do curso.

Essa metodologia já se mostrou eficiente, produzindo três trabalhos de conclusão de curso e dois artigos científicos qualificados.

Indicadores, Metas e Resultados

Os principais resultados esperados são o desenvolvimento de novas técnicas utilizadas no desenvolvimento de jogos digitais. Existem dois focos de pesquisa: (1) geração procedural de diálogos e cenários e (2) técnicas utilizadas para edição gráfica de cenários.

Na primeira frente é esperado que a produção de diálogos entre personagens e produção de cenários sejam mais automatizadas. É esperado que o processo de desenvolvimento de jogos exija um número menor de pessoas, dessa forma, reduzindo custos de produção. Para tal é necessária a utilização de algoritmos de IA nos algoritmos de geração do conteúdo de jogos.

Na segunda frente é esperado que as ferramentas de edição gráfica dos modelos, cenários e efeitos especiais exijam, também, uma menor intervenção manual. Similar a primeira frente, aqui também é necessário o uso de algoritmos de IA, porém nas ferramentas utilizadas pelos artistas responsáveis pelos conteúdos vistos nos jogos. Para isso é preciso que elementos de interface e de computação gráfica sejam guiados por um número menor de comandos do operador para atingir o mesmo resultado alcançado com trabalho manual.

O principal resultado esperado é uma redução no número de pessoas envolvidas no desenvolvimento e, consequentemente, redução do custo de produção.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
Daniele Fernandes e Silva
ITALO TEIXEIRA DA SILVEIRA
LUCAS QUEVEDO GARCIA
MARIA JULIA DUARTE LORENZONI
MARILTON SANCHOTENE DE AGUIAR1
NAOMI CELESTINO RIBES
PEDRO AUGUSTO NUNES MARCHAND
RAFAEL PICCIN TORCHELSEN8

Página gerada em 29/05/2024 18:56:32 (atualização a cada 5 minutos)