Nome do Projeto
Apostila de ensino de Microbiologia para Odontologia
Ênfase
ENSINO
Data inicial - Data final
05/06/2017 - 29/12/2017
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Biológicas - Microbiologia
Resumo
No decorrer de uma graduação, o recurso de aulas práticas nas diversas disciplinas ministradas favorece a compreensão do aluno e viabiliza a discussão quanto a aplicação do conhecimento teórico, garantindo um ensino problematizado e contextualizado. As atividades práticas em Microbiologia são fundamentais para o desenvolvimento do estudante na área da saúde, estando a disciplina presente em nove cursos ofertados pelo Departamento de Microbiologia e Parasitologia do Instituto de Biologia da UFPel, sendo ministrada em ambos os semestres letivos como disciplina obrigatória. O curso de Odontologia é um dos que compreende esta temática, com uma carga horária total de 102 horas, distribuídas em 06 horas semanais, nas quais 2 horas são dedicadas ao conhecimento prático, contemplando temas que envolvem Microbiologia Geral e Microbiologia Oral. A disciplina depende de preparo prévio de materiais como meios de cultura para micro-organismos e soluções, coleta de amostras biológicas, preparo de lâminas, entre outros. Demanda ainda auxílio durante o desenvolvimento das aulas, para colaborar com os alunos na aplicação das técnicas e construção dos experimentos propostos pelo docente. E esta é uma oportunidade para um bolsista de ensino participar de processos de organização e elaboração da disciplina e aulas práticas, que o despertam a docência.

Objetivo Geral

Organizar as aulas práticas de Microbiologia através do preparo, auxílio e documentação de cada etapa das mesmas, e posteriormente, produzir uma apostila de aulas práticas.

Justificativa

Os micro-organismos são seres de grande relevância na saúde humana. A compreensão de seus mecanismos de patogenicidade e modo de transmissão é de suma importância em saúde pública. Por ser ministrada com uma disciplina teórico-prática, o estudo em Microbiologia na Odontologia proporciona uma contextualização do processo saúde-doença direcionado a área, proporcionando ao discente o conhecimento das noções básicas de modo a entender os eventos associados ao diagnóstico e tratamento das diferentes patologias infecciosas, as medidas preventivas e os diferentes aspectos envolvidos no processo de doença e cura.
Há carência de publicações com propostas de atividades para ministrar práticas específicas para cada curso de graduação, o que gera necessidade de elaborar aulas que se apliquem aos assuntos abordados e à realidade da profissão. O preparo das atividades práticas de laboratório demanda planejamento prévio e preparo de materiais, além de previsão detalhada de instrumentos e acessórios necessários para execução da atividade proposta. O esmero no preparo de uma aula prática de microbiologia está diretamente relacionado ao grau de aprendizado e abordagem da mesma com os alunos. Aulas bem preparadas produzem discussões amplas e aprofundadas. A produção de uma apostila de práticas específicas ao conteúdo teórico daquele curso auxiliará no decorrer das aulas, liberando mais tempo para discussão de metodologias e resultados das práticas.

Metodologia

a) Escolha de práticas adaptadas à disciplina ofertada ao curso de Odontologia
b) Pré-testagem, a fim de avaliar a aplicabilidade da proposta. Montar o experimento no laboratório, descrevendo todo material e equipamentos necessários, preparando de meios de cultura e soluções, e acompanhando a atividade para verificação do resultado;
c) Elaboração de protocolo para utilização na aula prática;
d) Acompanhamento da atividade prática com observação de pontos positivos e negativos, ou problemas surgidos na turma durante o exercício da prática;
e) Reformulação do protocolo da aula a partir das observações;
f) Compilação das práticas em forma de apostila ao final do semestre
g) Participação na Semana Integrada (SIEPE) da Ufpel com apresentação de resumo do trabalho.

Resultados Esperados

- Melhoria na qualidade das aulas práticas de Microbiologia e consequente aprendizagem e aprofundamento por parte dos alunos
- Elaboração de uma apostila de protocolos para utilização pelos alunos
- Novos alunos integrando a equipe do Laboratório
- Melhores avaliações de aprendizagem

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CAROLINA LAMBRECHT GONÇALVES205/06/201729/12/2017
CRISTINA HALLAL DE FREITAS205/06/201729/12/2017
DANIELA ISABEL BRAYER PEREIRA205/06/201729/12/2017
LUIZ CARLOS BOEMEKE JUNIOR105/06/201729/12/2017
PATRICIA DA SILVA NASCENTE105/06/201729/12/2017
PEDRO RASSIER DOS SANTOS405/06/201729/12/2017
RAFAEL GUERRA LUND205/06/201729/12/2017

Página gerada em 21/07/2019 14:21:03 (consulta levou 0.240042s)