Nome do Projeto
INFLUÊNCIAS PRECOCES E CONTEMPORÂNEAS SOBRE A COMPOSIÇÃO CORPORAL, CAPITAL HUMANO, SAÚDE MENTAL E PRECURSORES DE DOENÇAS CRÔNICAS COMPLEXAS NA COORTE DE NASCIDOS EM 1993 EM PELOTAS, RS
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
02/08/2013 - 02/08/2016
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Saúde Pública
Resumo
As crianças que nasceram nas maternidades da cidade de Pelotas, RS, em 1993 vêm sendo acompanhadas periodicamente. A partir de agosto de 2011 pretende-se realizar mais um acompanhamento com o objetivo de investigar a influência de exposições precoces (já coletadas) e atuais sobre a composição corporal, precursores de doenças crônicas complexas, saúde mental e capital humano, no início da vida adulta. Os meninos serão entrevistados durante o exame médico obrigatório para a prestação do serviço militar, realizado no quartel, a partir de julho de 2011, onde responderão um questionário contendo dados demográficos, socioeconômicos, de alimentação, atividade física e relacionados à saúde. Além disso, realizarão exames clínicos (coleta de sangue, aferição de pressão arterial, espirometria e exame odontológico). Após, serão convidados a comparecer na clínica situada junto ao Centro de Pesquisas Epidemiológicas (CPE) da Universidade Federal de Pelotas para avaliação da composição corporal (Bod Pod, DXA, bioimpedância elétrica), realizar scanner corporal e da mão, ultrassom abdominal e da carótida, teste de QI, aferição da pressão arterial e responderem às demais questões, incluindo a avaliação da saúde mental (SRQ-20) e questionário confidencial (questões relacionadas a sexo, drogas ilícitas, comportamentos de agressividade e violência, fumo, álcool, contracepção e gravidez e doenças sexualmente transmissíveis-auto-aplicado). Aqueles que não comparecerem ao exame médico no quartel, assim como as meninas, serão convidados a comparecer ao CPE e agendados para realização de todos os exames clínicos, avaliação antropométrica e da composição corporal. Além disso, responderão todo o questionário geral e confidencial.

Objetivo Geral

Objetivos
O atual estudo pretende atender os seguintes objetivos:
1)Avaliar e descrever as condições dos integrantes da coorte de nascimentos em Pelotas no ano de 1993, no ano em que completam 18 anos de idade, em relação à:

a)situação socioeconômica, histórico escolar, eventos estressores, amizade, religião, qualidade de vida, emprego, composição familiar, uso de serviços de saúde, acidentes, atividade física, fumo, emprego, morbidade ocupacional, consumo alimentar, pressão arterial, uso de drogas ilícitas, uso de álcool, história reprodutiva, sexualidade, quociente de inteligência, prevalência de transtornos mentais comuns, dados bioquímicos, gordura abdominal e espessura da camada íntima da carótida.

b)situação antropométrica;
c)peso e altura;
d)perímetros braquial, dobras cutâneas e circunferência abdominal;
e)razão entre o comprimento do dedo indicador e anelar das mãos;
f)composição corporal;
g)massa magra, massa gorda, conteúdo mineral-ósseo e gordura abdominal.

2)Estudar os determinantes da composição corporal aos 18 anos de idade em relação à:

a)determinantes precoces: como peso ao nascer, idade gestacional, ganho de peso no primeiro e no segundo anos de vida, duração da amamentação, idade de introdução de alimentos sólidos, nível econômico ao nascer;

b)determinantes atuais: padrões alimentares, atividade física, escolaridade dos pais e nível econômico.

3)Avaliar os determinantes da saúde mental e capital humano em relação à:
4)Produzir informações sobre as condições de saúde bucal em indivíduos do sexo masculino nascidos em 1993 e pertencentes à coorte e, desta forma:

a)estimar a prevalência de doença periodontal, defeitos de esmalte, maloclusão, cárie dentária, dor dental, traumatismo dentário e uso e necessidade de prótese;

b)avaliar o comportamento bucal relacionado à prática de higiene bucal, acesso e uso de serviços odontológicos e também ao uso de aparelho ortodôntico/clareamento dental;

c)avaliar o impacto da presença de desfechos clínicos bucais na qualidade de vida.

5)Expandir o bio-banco de material genético do CPE através da coleta de sangue para extração de DNA.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ERIKA ALEJANDRA GIRALDO GALLO102/08/201302/08/2016
FERNANDO CESAR WEHRMEISTER102/08/201302/08/2016
HELEN DENISE GONCALVES DA SILVA102/08/201302/08/2016
ISABEL OLIVEIRA DE OLIVEIRA827/10/201502/08/2016
JOSEPH GARY102/08/201302/08/2016
JOSEPH MURRAY412/04/201602/08/2016
LUCIANA TOVO RODRIGUES202/08/201302/08/2016
LUDMILA CORREA MUNIZ102/08/201302/08/2016
MARIA CECILIA FORMOSO ASSUNCAO102/08/201302/08/2016
PAULA DUARTE DE OLIVEIRA102/08/201302/08/2016

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CNPqR$ 28.515,00
FAPERGS (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul)R$ 50.537,00
Ministério da SaudeR$ 66.750,00
CAPESR$ 23.626,00

Página gerada em 30/10/2020 08:17:25 (consulta levou 0.089113s)