Nome do Projeto
Caracterização de tijolos cerâmicos utilizados na construção civil da cidade de Pelotas/RS
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
15/09/2014 - 16/12/2015
Unidade de Origem
Área CNPq
Engenharias - Engenharia Civil - Estruturas
Resumo
O principal conceito estrutural ligado à utilização da alvenaria é a transmissão de ações através de tensões de compressão. Esse é o conceito crucial a ser levado em conta quando se discute a alvenaria como processo construtivo para elaboração de estruturas. Desta maneira, o conhecimento das características físicas e mecânicas dos componentes básicos da alvenaria, sejam eles blocos ou tijolos (unidades), argamassa, graute e armaduras quando necessários, são de fundamental importância para a definição das características resistentes da estrutura. Discutindo-se os aspectos técnicos e econômicos mais importantes da alvenaria estrutural em relação às estruturas convencionais de concreto armado, Ramalho e Corrêa (2003) citam como principais vantagens deste sistema a economia de formas, a redução significativa nos revestimentos, a redução nos desperdícios de material e mão-de-obra, redução do número de profissionais especialistas como armadores e carpinteiros e a flexibilidade no ritmo de execução da obra. Apesar de as vantagens serem de grande relevância, não se pode esquecer de algumas desvantagens da alvenaria estrutural, como a impossibilidade de se efetuar modificações na disposição arquitetônica original e a necessidade de mão-de-obra qualificada. Como destacado anteriormente, o conceito fundamental da alvenaria estrutural é a sua capacidade primordial de absorver solicitações de compressão. Também, que as características resistentes deste sistema dependem da resistência mecânica das unidades. Assim, a NBR 15270-2 (ABNT, 2005) especifica que a resistência característica à compressão dos blocos cerâmicos deve ser considerada a partir de 3,0 MPa, enquanto que a NBR 7170 (ABNT, 1983) recomenda que a resistência mínima à compressão seja de 1,5 MPa a 4,0 MPa, dependendo da categoria dos tijolos cerâmicos maciços. Desta maneira, é essencial o conhecimento das resistências das unidades usadas na construção das alvenarias, bem como a resistência resultante das mesmas para que as construções cumpram com o exigido pelas normas técnicas brasileiras.

Objetivo Geral

O trabalho ora proposto tem por objetivo geral fazer uma análise experimental de tijolos cerâmicos maciços e furados obtidos de olarias da cidade de Pelotas/RS, os quais são utilizados na construção de alvenarias de obras em geral. Como objetivos específicos desta pesquisa, busca-se uma caracterização completa das propriedades mecânicas destes elementos, principalmente em termos de resistência à compressão, por ser este, o parâmetro mais importante de projeto de estruturas em alvenaria. Da mesma forma, buscar um entendimento sobre quais fatores, e sobre que condições, influenciam a sua resistência. Ademais, caracterizá-los em termos de sua geometria. Desta maneira, tem-se como objetivo a obtenção de dados para saber se tais elementos estão de acordo com as exigências das normas brasileiras que norteiam o projeto de alvenaria estrutural.
Os dados obtidos nesta pesquisa servirão, também, para o uso em disciplina da área de Sistemas Estruturais do Departamento de Tecnologia da Construção, da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da UFPel. Desta maneira, tem-se, também, como objetivo uma melhor formação dos alunos do curso acima citado.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALINE RIBEIRO PALIGA315/09/201416/12/2015
ALVARO SILVA XAVIER315/09/201416/12/2015
ARIELA DA SILVA TORRES415/09/201416/12/2015
FERNANDO WULFF AL-ALAM315/09/201416/12/2015
JORGE LUIZ DE LIMA CURI HALLAL315/09/201416/12/2015
OBERDAN MENDONÇA DA SILVA315/09/201416/12/2015
SERGIO LUND AZEVEDO313/11/201416/12/2015
STAEL AMARAL PADILHA315/09/201416/12/2015

Página gerada em 20/09/2019 15:38:02 (consulta levou 0.075179s)