Nome do Projeto
Efeito do ácido fólico na via de sinalização de Insulina e IGF-1 em linhagens celulares de câncer de próstata
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
30/04/2016 - 30/04/2018
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia dos Órgãos e Sistemas
Resumo
As doenças prostáticas apresentam altos índices de prevalência, com sérias implicações na qualidade de vida dos pacientes, além de custos significativos para a saúde pública. Segundo dados do INCA, são estimados 68.800 casos novos de câncer de próstata no Brasil em 2014. O Rio Grande do Sul é o Estado com maior incidência de carcinoma de próstata do País, com uma taxa bruta de 91,24 casos para 100.000 homens. Os métodos de rastreamento disponíveis atualmente, como o toque retal, a determinação do antígeno prostático específico (PSA) e o ultrassom transrretal não mostraram, até o momento, sucesso em reduzir a mortalidade, além de levarem a cirurgias desnecessárias, causando prejuízos tanto em qualidade de vida quanto financeiros, segundo publicação sobre rastreamento do câncer de próstata do Instituto Nacional do Câncer em 2013. A patologia molecular do câncer de próstata é complexa envolvendo não só eventos genéticos e epigenéticos, mas também, fatores ambientais como, por exemplo, a dieta alimentar. Sabe-se que fatores nutricionais, assim como, o estilo de vida contribuem para as diferenças na incidência de câncer de próstata entre as populações. Pouco se sabe sobre a função fisiológica de marcadores moleculares na próstata, bem como seu processo de regulação. O conhecimento de marcadores moleculares em células de câncer de próstata e o estudo das diferentes vias interconectadas no mecanismo de ação hormonal poderão gerar novos caminhos na prevenção primária e secundária das doenças prostáticas. Portanto, a identificação de novos marcadores moleculares poderá ser útil no desenvolvimento de novos tratamentos, assim como, servir de instrumento para o rastreamento mais específico das doenças da próstata, minimizando com isto, os custos com cirurgias e tratamentos pós-cirúrgicos. Além disso, a identificação de fatores nutricionais e metabólicos poderá auxiliar na indicação de medidas preventivas relacionadas ao desenvolvimento tumoral. Frente a esse quadro, este trabalho tem o interesse de observar o efeito do tratamento com ácido fólico sobre a via de sinalização da insulina e do IGF-1 em células tumorais de próstata. Trata-se de um sub-projeto de um projeto mais amplo que propõe investigar as interações entre nutrientes e hormônios sobre os processos de proliferação celular, apoptose e controle do ciclo celular envolvidos na formação tumoral.

Objetivo Geral

Objetivos

Avaliar a expressão gênica dos receptores de insulina e IGF-1, e a expressão proteica de substratos da via de sinalização de fatores de crescimento, como PI3k, ERK, AKT, bem como de fatores de apoptose, como p53, Bax e Bcl-2 em linhagens celulares de próstata submetidas a tratamento com ácido fólico em diferentes concentrações.

Metas do projeto

- Estabelecer uma colaboração com um núcleo consolidado de pesquisa em câncer de próstata no Estado do RS.

- Identificar marcadores moleculares para o diagnóstico precoce de câncer de próstata;

- Identificar possíveis fatores nutricionais envolvidos com o processo de desenvolvimento tumoral;

- Resultar publicação de artigos científicos internacionais, em revistas de bom fator de impacto.




Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
AUGUSTO SCHNEIDER430/04/201630/04/2018
CARLA BEATRIZ ROCHA DA SILVA830/04/201630/04/2018
CARLA BEATRIZ ROCHA DA SILVA1201/08/201531/07/2016
GUSTAVO DIAS FERREIRA203/05/201630/04/2018
JOSIANE WEBER TESSMANN430/04/201630/04/2018
RAFAEL BUENO ORCY208/05/201429/04/2016

Página gerada em 07/12/2019 07:47:50 (consulta levou 0.513606s)