Nome do Projeto
Fauna Parasitária de Passer domesticus (Linnaeus, 1758) (Passeriformes:Passeridae) da área urbana do município de Pelotas, RS
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
16/11/2015 - 31/03/2019
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Biológicas - Parasitologia
Resumo
Serão capturados 240 pardais com idade variável, em diferentes bairros da cidade de Pelotas com redes de neblina. No Laboratório de parasitologia, será coletado sangue e ectoparasitos e, após eutanásia,realizada necropsia para coleta de endoparasitos. Tanto os ecto quanto os endoparasitos serão identificados com o auxílio de chaves específicas, quantificados, para se conhecer a carga parasitária. A identificação desses parasitos, somada à análise sorologica para Toxoplasma gondii, permitirão conhecer o papel desse pássaro abundante nas áreas urbanas, como disseminador de parasitos para animais domésticos e o próprio homem.

Objetivo Geral

Objetivo geral
Conhecer a fauna parasitária (endo e ectoparasitos) e a infecção por Toxoplasma gondii em Passer domesticus capturados na área urbana do município de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil.
Objetivos específicos
Determinar a soroprevalência de Toxoplasma gondii em Passer domesticus.
Identificar e listar as espécies de artrópodes e helmintos parasitos do pardal.
Estimar os parâmetros de prevalência, abundância e intensidade média de parasitismo das espécies encontradas.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CAROLINA CAETANO DOS SANTOS416/11/201531/03/2019
LAURA MARIA JORGE DE FARIA SANTOS816/11/201531/03/2019
LUCIANA SIQUEIRA SILVEIRA DOS SANTOS3016/11/201531/03/2019
MIRIAN PINHEIRO BRUNI216/11/201531/03/2019

Página gerada em 19/11/2019 00:43:20 (consulta levou 0.077599s)