Nome do Projeto
Desempenho e qualidade da carne de cordeiros cruza sob diferentes sistemas de alimentação
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
03/04/2016 - 03/04/2018
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Agrárias - Zootecnia - Produção Animal
Resumo
No Rio Grande do Sul as pastagens nativas dificilmente fornecem nutrientes suficientes para se conseguir, durante todo o ano, boa produtividade e qualidade de carne ovina. Assim se faz necessário o uso de pastagens cultivadas, suplementação em pastejo ou confinamento para explorar ao máximo o potencial genético dos animais. Dentre as alternativas de suplementação protéica e energética, a bibliografia tem orientado para o uso da energia, devido a carência que os campos nativos apresentam deste componente da dieta na época fria. Para a suplementação com este componente da dieta, podem ser utilizados, entre outros, milho, sorgo, e os farelos de trigo e arroz. Em situações de alta oferta de forragem de baixa qualidade, a suplementação protéica pode ser indicada. Neste caso através do uso de bancos de proteína ou suplementos como farelo de soja. A utilização de uma, ou outra, alternativa está em função de seu custo e disponibilidade na região em que vai ser utilizado. Deste modo, este trabalho objetiva avaliar a resposta sobre o desempenho, qualidade da carne e o comportamento ingestivo e nutricional de cordeiros submetidos a diferentes níveis de suplementação energética/protéica. Ao final do projeto espera-se conhecer o melhor nível de suplementação aplicável nas condições da região em que o experimento será desenvolvido e verificar os efeitos positivos ou negativos do seu uso na dieta sobre os cordeiros e o produto final, carne.

Objetivo Geral

Geral:
Avaliar a resposta sobre o desempenho, qualidade da carne e o comportamento ingestivo e nutricional de cordeiros submetidos a diferentes níveis de suplementação.

Específicos:
Conhecer as características “in vivo”, na carcaça e na carne dos cordeiros;
Conhecer o efeito de diferentes níveis suplementação energética e/ou protéica na terminação sobre o ganho de peso de cordeiros;
Observar o comportamento ingestivo e nutricional;
Determinar a eficiência do uso de suplementos na terminação de cordeiros;
Determinar o tempo necessário à terminação.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALEXSANDRO BAHR KRÖNING1620/10/201703/04/2018
ALLAN PATRICK TIMM DE OLIVEIRA420/10/201703/04/2018
CRISTIANO HAETINGER HUBNER203/04/201603/04/2018
CÍCERO MATEUS SELL1201/08/201231/07/2013
DIEGO PUREZA LEAL420/10/201703/04/2018
FABRICIO ROLL MUNSBERG403/04/201601/04/2017
JOICE RODAL GRUPPELLI203/04/201603/04/2018
JOÃO FRANCISCO JUNQUEIRA403/04/201630/12/2016
JOÃO FRANCISCO JUNQUEIRA1201/08/201431/07/2015
LUIZA PADILHA NUNES203/04/201603/04/2018
OLAVO GUTHS OTT403/04/201630/07/2016
OLMAR ANTÔNIO DENARDIN COSTA203/04/201603/04/2018
PÂMELA PERES FARIAS1803/04/201603/04/2018
RICARDO ZAMBARDA VAZ203/04/201602/04/2018
RODRIGO GARAVAGLIA CHESINI203/04/201601/08/2017
ROGER MARLON GOMES ESTEVES603/04/201602/04/2018
STEFANI MACARI203/04/201602/04/2018
TIERRI NUNES POZADA203/04/201603/04/2018
WILLIAM CARDINAL BRONDANI203/04/201603/04/2018

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CAPESR$ 28.800,00

Página gerada em 29/05/2022 05:57:07 (consulta levou 0.043066s)