Nome do Projeto
CURVAS DE SORÇÃO E DESSORÇÃO DE GRÃOS DE QUINOA
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/10/2016 - 30/10/2017
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Agrárias - Engenharia Agrícola - Engenharia de Processamento de Produtos Agrícolas
Resumo
A quinoa (Chenopodium quinoa Willd) é uma planta nativa da região andina do Peru, Bolívia, Equador e Colômbia, onde foi domesticada há cerca de 3.000 a 4.000 anos para consumo humano. Seu grão apresenta as proteínas formadoras do glúten em sua composição. Considerada um pseudocereal, pois possui os mesmos nutrientes que os cereais propriamente ditos, como arroz e trigo, porem suas características de plantio e crescimento são diferentes. No Brasil a quinoa apresenta um bom resultado como cultura de verão nas entressafras. Botanicamente é diferente das espécies nativas, o que faz com que se torne mais resistente às pragas e doenças que ficam nos restos de cultura e plantas espontâneas, diminuindo seu impacto negativo. Sendo a água grande componente na estrutura dos produtos agrícolas, e também responsável por influencias nas propriedades, a diminuição da quantidade de água no produto reduz sua atividade biológica e as mudanças químicas e físicas que ocorrem durante seu armazenamento. A secagem é um processo responsável pela remoção de água e o mais utilizado para assegurar a qualidade e a estabilidade dos grãos. O estudo das curvas de sorção (adsorção e dessorção), que relacionam a atividade de água com a umidade relativa de equilíbrio, fornece informações relevantes para adequação dos parâmetros de secagem. Diversos autores falam que a histerese mostra a diferença do teor de equilíbrio entre as curvas de adsorção e dessorção e sua magnitude depende do tipo de alimento e da temperatura de armazenamento, podendo ser considerada para estimar a possibilidade de deterioração por reações químicas e organismos. Na atual literatura, existe uma grande carência de informações relacionada às alterações que possam ocorrer na quinoa durante a secagem e o armazenamento. Dessa forma, é de grande interesse a execução de trabalhos dirigidos ao tema, que possam gerar informações diretas, de forma prática e teórica para a melhor conservação do produto. Portanto, considerando a importância do estudo teórico do processo de secagem dos produtos agrícolas e a limitação de informações a respeito dos fenômenos que ocorrem durante a secagem, este trabalho será desenvolvido com o objetivo de analisar a secagem e comparar curvas de sorção e dessorção de quinoa, ajustando modelos matemáticos aos valores experimentais.

Objetivo Geral

O objetivo do presente trabalho é levantar curvas de sorção e dessorção de grãos de quinoa, submetidos à secagem e hidratação com diferentes temperaturas, comparando-as em diferentes modelos matemáticos.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ADAMO DE SOUSA ARAÚJO401/08/201601/07/2017
CARLOS ALBERTO SILVEIRA DA LUZ401/10/201630/10/2017
FRANCISCO STARK401/08/201601/07/2017
GIZELE INGRID GADOTTI401/10/201630/10/2017
GÉLSON RODRIGO NEITZKE801/08/201601/07/2017
MARIA LAURA GOMES SILVA DA LUZ401/10/201630/10/2017

Página gerada em 17/11/2019 05:36:58 (consulta levou 0.084821s)