Nome do Projeto
Avaliação de Risco e Estado Nutricional, Composição Corporal e Prognóstico em Pacientes Críticos de uma UTI de Pelotas, RS
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
05/06/2017 - 31/01/2018
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências da Saúde - Nutrição
Resumo
A desnutrição tem prevalência marcante nas UTIs, atingindo índices que podem ir de 30 a 70%, apresentando esses pacientes perda significativa de massa magra durante o tempo de internação. O NUTRIC é a primeira ferramenta de avaliação de risco nutricional desenvolvida para pacientes em UTI. Aliando aos resultados das ferramentas de risco nutricional e avaliação nutricional, atualmente a avaliação da massa corporal magra e gorda parece apresentar-se como uma ferramenta importante para identificar pacientes que estão em risco de pior prognóstico na UTI. Desta forma pretende-se avaliar se pacientes com menor massa muscular esquelética são os que apresentam maior risco nutricional e maior debilitação do estado nutricional, os quais teriam maiores chances de um prognóstico pior.

Objetivo Geral

Geral: Avaliar o risco e estado nutricional e a espessura muscular da coxa em pacientes admitidos em Unidade de Tratamento Intensivo da cidade de Pelotas, RS.

Específicos:
 Avaliar o risco e estado nutricional de pacientes admitidos em uma UTI

 Determinar a espessura muscular média do quadríceps de pacientes admitidos em uma UTI

 Avaliar a associação do estado nutricional e espessura muscular com o risco nutricional

 Avaliar a associação do risco nutricional, estado nutricional e espessura muscular, isoladamente e em combinação, com a mortalidade e tempo de internação em 28 dias.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
PAULA PISKE KRUSCHARDT DOS SANTOS805/06/201731/01/2018
RENATA MORAES BIELEMANN205/06/201731/01/2018

Página gerada em 25/06/2021 02:51:12 (consulta levou 2.417822s)