Nome do Projeto
Repertório acústico e comportamento reprodutivo: a influência do som de corte e do espinho tibial no sucesso reprodutivo do grilo do banhado Argizala brasiliensis Walker, 1869 (Orthopera, Trigonidiidae, Nemobiinae)
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
02/10/2017 - 30/09/2020
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Biológicas - Zoologia - Comportamento Animal
Resumo
O comportamento reprodutivo dos grilos inclui diferentes canais de comunicação, como antenação, vibração do substrato e estridulação produzidos pelos machos. As fêmeas escolhem os melhores machos pelas informações emitidas durante o chamado e corte. Diante dessa perspectiva, machos e fêmeas apresentam estratégias para garantir acasalamentos que resultarão em proles bem sucedidas. O objetivo do projeto será descrever o comportamento reprodutivo e o repertório acústico do grilo A. brasiliensis, e testar a influência do som de corte e das substâncias liberadas pelo espinho tibial no sucesso reprodutivo dos machos. Os indivíduos serão coletados em alagados no Campus Capão do Leão e no Horto Botânico Irmão Teodoro Luís, UFPel, sendo posteriormente mantidos em laboratório sob fotoperíodo 12h:12h, umidade relativa de 50%, temperatura de 25-/+2°C, e alimentados com ração para peixes. Os indivíduos utilizados nos encontros serão mantidos individualmente até a fase adulta. Os encontros serão registrados com filmadora Sony DCR-SR68, e após serão produzidos etogramas para quantificar e qualificar os encontros. Os arquivos de filmagem serão analisados em software de edição de imagem. O projeto será desenvolvido de outubro de 2017 a outubro de 2020, período que serão testadas duas hipóteses, a primeira para verificar se as substâncias liberadas pelos espinhos tibiais dos machos aumentam as chances de cópulas bem sucedidas, e a segunda para testar se o som de corte produzido pelos machos aumenta a chance de cópulas. Temos como metas publicar quatro trabalhos em congressos, e um trabalho em revista científica indexada, com Qualis Capes igual ou superior a B1.

Objetivo Geral

3.2 Objetivo Geral
Descrever o comportamento reprodutivo e o repertório acústico do grilo A. brasiliensis, e testar a influência do som de corte e das substâncias liberadas pelo espinho tibial no sucesso reprodutivo dos machos.

3.3 Objetivos Específicos
Descrever a principais etapas do comportamento de acasalamento de A. brasiliensis;

Elaborar etogramas para quantificar e qualificar as principais fases do comportamento reprodutivo;

Registrar os sinais acústicos produzidos pelo macho durante todas as fases do comportamento reprodutivo;

Descrever os parâmetros físicos e temporais dos sinais acústicos do repertório, com destaque ao som de corte;

Relacionar os sons de corte com ações específicas que o macho desempenha durante a corte;

Testar se os espinhos tibiais aumentam o sucesso reprodutivo dos machos.

Testar se o som de corte aumenta o sucesso reprodutivo dos machos;

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ELLIOTT CENTENO DE OLIVEIRA102/10/201730/09/2020
JOSE EDUARDO FIGUEIREDO DORNELLES202/10/201730/09/2020
RIULER CORREA ACOSTA2002/10/201730/09/2020

Página gerada em 19/11/2019 08:53:32 (consulta levou 0.067887s)