Nome do Projeto
Novas considerações morfológicas do sincrânio de Trachemys dorbigni (Duméril & Bibron,1835) (Testudines, Emydidae) com base em morfometria geométrica e linear
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
01/12/2017 - 02/12/2019
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências Biológicas - Zoologia - Morfologia dos Grupos Recentes
Resumo
Os testudíneos em geral apresentam considerável riqueza de elementos osteológicos do dermocrânio e neurocrânio, o que torna crucial o conhecimento detalhado destas estruturas ósseas principalmente na resolução de problemas de classificação, de determinação de espécie e na filogenia do grupo. Estudos descritivos da osteologia craniana de testudíneos são escassos e os já publicados muitas vezes são superficiais e não descrevem detalhadamente estruturas, bem como foramens, entalhes, variações intraespecíficas e características que são determinantes de dimorfismo sexual. Emydidae é um importante grupo de quelônios, porém o conhecimento da anatomia craniana é limitado, principalmente das espécies do gênero Trachemys. O objetivo do presente trabalho é descrever o crânio de Trachemys dorbigni pelas normas dorsal, ventral, palatal e occipital, assim como a osteologia mandibular, avaliar dimorfismo sexual e definir características diagnósticas de espécie com base na descrição osteológica, na morfometria geométrica e na morfometria linear. Serão utilizados 83 espécimes de T. dorbigni tombados na Coleção Herpetológica do Laboratório de Zoologia de Vertebrados/Instituto de Biologia/UFPel. Foram estipulados 20 eixos de medidas para morfometria linear, os quais terão os valores analisados pelo teste estatístico de T Student. Para morfometria geométrica foram estipulados 34 landmarks para vista dorsal, 26 para vista lateral e 36 para vista ventral. Será aplicado Generalized Procrustes Analyses (GPA) afim de eliminar os fatores tamanho, posição e rotação obtendo apenas o resíduo de forma, o qual será utilizado para as análises estatísticas. No presente estudo também constará fotografias dos exemplares bem como ilustrações que auxiliaram na elucidação da descrição osteológica e nas análises e interpretações morfométricas.

Objetivo Geral

Objetivo geral: Caracterizar a morfologia e a morfometria do crânio e mandíbula de Trachemys dorbigni (Duméril & Bibron, 1835), e determinar se ocorre dimorfismo sexual.
Objetivos específicos:
• Descrever a morfologia do crânio e mandíbula de T. dorbigni pelas normas dorsal, lateral, palatal e occipital;
• Realizar análises de morfometria linear e geométrica dos materiais sincranianos;
• Corroborar novas feições osteo-anatômicas nos materiais sincranianos;
• Contribuir com a diagnose da espécie e dimorfismo com base em feições sincranianas.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANA LUISA SCHIFINO VALENTE201/12/201702/12/2019
CESAR JAEGER DREHMER101/12/201702/12/2019
FABIO PEREIRA MACHADO101/12/201702/12/2019
PRISCILA ROCKENBACH PORTELA2001/12/201702/12/2019

Página gerada em 21/07/2019 12:16:51 (consulta levou 0.070849s)