Nome do Projeto
Projeto AUXILIA: preparatório para o ENEM
Ênfase
Extensão
Data inicial - Data final
23/07/2020 - 01/03/2022
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Multidisciplinar
Eixo Temático (Principal - Afim)
Educação / Educação
Linha de Extensão
Metodologias e estratégias de ensino/aprendizagem
Resumo
O Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) consiste em uma avaliação institucional que foi criada em 1998, porém consolidada somente em 2009, quando passou a ser considerado o principal meio para ingresso no ensino superior no Brasil. Seus principais objetivos, atualmente, consistem em mensurar a qualidade do ensino médio, bem como proporcionar ingresso aos estudantes, na maioria dos cursos oferecidos pelas instituições de ensino superior (OLIVEIRA, 2016). Quando criado em 1998 pela Portaria nº 438/1998, o ENEM apresentava quatro objetivos distintos relacionados: 1) à autoavaliação do cidadão para fins de continuidade do estudos e sua inserção no mercado de trabalho; 2) à criação de referência de caráter nacional para os estudantes egressos das modalidades do ensino médio; 3) fornecer às modalidades do ensino superior os subsídios necessários e, por fim, 4) servir de acesso aos cursos profissionalizantes pós-médios (BRASIL, 1998). Como é possível perceber o ENEM não foi criado apenas para avaliar o desempenho dos estudantes, mas também para proporcionar acesso aos cursos profissionalizantes que exigiam nível médio como pré-requisito, o que revela, de algum modo, o caráter de favorecer que o aluno alcançasse um nível acima do que possuía, tudo isso, antes de se concretizar como meio de ingresso no ensino superior (OLIVEIRA, 2016). Partindo-se da premissa que a sociedade atribui à educação a função de selecionar os melhores, em relação à capacidade de seguir carreira universitária ou obter qualquer outro título de prestígio (Zabala, 1998), o ENEM acabou ocupando lugar importante com relação aos esforços realizados para a valorização da educação. No entanto, construir uma avaliação institucional que proporcione as mesmas oportunidades para todos os alunos do território nacional, frente às desigualdades existentes entre os estudantes que frequentam escolas privadas e públicas consiste em uma tarefa muito desafiadora. Ainda mais, quando falamos de um momento atípico, como o que vivemos, neste ano, de crise sanitária pelo vírus Covid19 que fez as escolas, em escala planetária, pararem suas atividades. A partir destas reflexões se percebeu que poderíamos auxiliar os alunos das escolas públicas e em situação de vulnerabilidade social que estão sem aulas e/ou com atividades remotas e que estejam se preparando para o ENEM, oportunizando um espaço para estudo e qualificação em formato digital (à distância) e gratuito.

Objetivo Geral

Oportunizar a organização de uma rotina de estudos assistida, em formato gratuito e através de meios digitais (à distância), para alunos da rede pública de ensino e em situação de vulnerabilidade social que se encontram sem aulas presenciais durante a pandemia por Covid-19 e necessitam de preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).


Justificativa

Tendo em vista o atual cenário brasileiro, com as aulas na rede pública e privada de ensino suspensas devido à pandemia por Covid-19 e o posicionamento do ex- ministro da educação, Abraham Weintraub, pelo não adiamento do Enem, surgiu a ideia de criação deste projeto. A suspensão das aulas e a falta de orientação e acompanhamento pedagógico pode colocar em desvantagem alunos de baixa renda da rede pública de ensino, elitizando o acesso à universidade.
Assim sendo, a ideia partiu de duas mestrandas do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática da UFPel, ambas egressas de cursos de Licenciatura da instituição, motivadas pela crença que uma educação pública, gratuita e de qualidade é um direito de todos e todas e deve ser assegurado pelo governo, de acordo com o que diz na Constituição Federal de 1988. Desta forma, idealizaram uma maneira de prestar auxílio aos alunos do ensino médio, principalmente, àqueles em situação de vulnerabilidade social neste momento. Vale destacar que esta experiência será uma via de mão dupla, pois ao oportunizar auxílio nos estudos de alunos da educação básica, também servirá de aprendizado para muitos professores em formação e licenciados.

Metodologia

O projeto consiste na organização de uma proposta de curso, totalmente gratuita e através de meios digitais (à distância), que visa colaborar na estruturação de uma rotina de estudos para alunos da rede pública de ensino e em situação de vulnerabilidade social que, neste momento de pandemia do Covid-19, estejam sem aula ou com atividades remotas, auxiliando-os na preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio.
Em um primeiro momento, será realizada a organização da equipe de professores colaboradores da proposta, o objetivo será reunir professores de todas as áreas: Ciências Humanas e suas Tecnologias, Ciências da Natureza e suas Tecnologias, Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias.
Em um segundo momento, após estruturação da equipe de trabalho, será elaborado um questionário/formulário, solicitando informações pessoais necessárias para a inscrição dos alunos interessados no curso, bem como se necessitarão de algum apoio, caso tenham alguma deficiência. Vale ressaltar que a proposta será, amplamente, divulgada através das redes sociais com o propósito que alcançar um número significativo de alunos. O período de inscrições terá duração de duas semanas, após divulgação.
A seleção dos alunos ocorrerá através de sorteio em um total de 50 vagas. Destas, 70% serão destinadas a alunos, cuja renda seja igual ou inferior a um salário mínimo e meio. As 15 vagas restantes serão sorteadas entre os demais candidatos que frequentam escolas públicas. Os alunos selecionados receberão um e-mail, notificando sua seleção no curso e dispondo de maiores explicações. Além disso, através deste e-mail, os alunos deverão confirmar seu interesse em participar do curso e optar por uma das duas turmas/horários que serão disponibilizados.
Os professores colaboradores deverão disponibilizar, semanalmente, para os alunos, planos de estudos, exercícios, materiais/resumos e vídeo-aulas. Esses materiais poderão ser elaborados pelos próprios docentes ou serem selecionados da internet. Os materiais ficarão disponíveis no Google Classroom, plataforma do Google que permite a criação de turmas, disponibilização de materiais, distribuição de atividades, envio de feedback, entre outras ferramentas, assim como em site criado para o curso e hospedado na página da UFPel. Ainda, semanalmente, os professores prestarão, pelo menos, uma hora de monitoria. Para isso, haverá a organização de momentos de monitorias específicas das disciplinas (grupos por temáticas) através de horários acordados entre professores e alunos, bem como momentos de encontros coletivos através da preparação de aulões online. Para as atividades síncronas será utilizado o Google Meet, plataforma do Google que permite a criação de reuniões e salas de webconferência com capacidade para até 100 pessoas.
Além disso, para comunicação com os alunos selecionados para o curso, bem como para comunicação com outros alunos que estejam se preparando para o Enem, serão criadas páginas nas redes sociais (Facebook e Instagram) para a divulgação do curso, informações pertinentes a respeito da educação em nosso país, sobre o Enem, dicas para as provas, como manter uma rotina de estudos.
Ao longo do curso serão previstas, também, reuniões semanais com todos os professores colaboradores, para que se possa discutir as metodologias utilizadas, realizando um balanço sobre o curso, suas percepções e/ou dificuldades, assim como avaliação do que está dando certo ou do que precisa ser revisto.

Indicadores, Metas e Resultados

Pretende-se, através deste projeto, colaborar na aprovação e ingresso de alunos da rede pública no ensino superior. Além disso, espera-se contribuir na organização da rotina de estudos através do desenvolvimento de materiais, como planos de estudos e resumos que auxiliem na preparação para as provas do Enem.
Como indicadores serão utilizados questionários, buscando conhecer a satisfação e as sugestões dos alunos com relação ao curso e a opinião dos professores colaboradores quanto ao andamento das atividades, suas percepções e dificuldades encontradas. Além disso, outra possível fonte de coleta de dados serão os comentários e feedbacks deixados por internautas nas páginas do projeto nas redes sociais.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
AMALIA GISLAINE PRATES HEBERLE
ANA MARIA BERSCH DOMINGUES
ANDREZA DE ÁVILA LAUTENSCHLEGER
Alex Antunes Mendes
Ana Paula Melo Da Silva
Ana Paula Melo Da Silva
BARBARA MALDONADO BARBOSA DA SILVA
BEATRIZ BARBOSA BENDER
BIANCA SILVA DE MELLO
BRUNA GABRIELE EICHHOLZ VIEIRA
CARINA DE SOUZA TEIXEIRA PERAÇA
CAROLINA DE MACEDO MARTINS
CATIÚCIA ALMEIDA DE SOUZA
CHARLENE BARBOSA DE PAULA
CHRISTIAN MANETTI GEISLER
CLEISSON SCHOSSLER GARCIA
DANIELE PEREIRA FERREIRA
DENISE NASCIMENTO SILVEIRA3
EDWARD DUTRA DOS ANJOS
ETHIANE DUARTE DE MELO
FLÁVIA FERREIRA MENDES SILVA
FRANC ISLABÃO DUARTE
FRANCELE DE ABREU CARLAN3
FRANCINE BRANDT CARDOSO
FRANCYNE DE OLIVEIRA DIAS
GABRIEL DA SILVA MACHADO
GABRIELA GARCIA SILVEIRA
GERALDO OLIVEIRA DA SILVA
GIALES RAI BLODORN RUTZ
GUILHERME SANTOS DA SILVA
Gabriela Solari Maciel
HELEN FONTES JENSEN PRADO
ISABELLA ORLANDINI SARACCHINI
JANAINA PONTES PROCÓPIO
JHULY NOLASCO MADRUGA
José Luiz Lourenço Ribeiro
JÉSSICA BLANK LOPES
JÉSSICA FERNANDA ANTUNES DA SILVA
JÉSSICA RENATA SANTOS SILVA
JÚLIA COSTA DE MOURA
Jéssica Dominik Nunes Silva
KAREN DUTRA GOES
KATHELEN DUTRA GOES
Kauana Silveira Cardoso
LAIZ SANTOS DO NASCIMENTO
LAURA DA SILVA BARDINI
LEONARDO SILVA CORDEIRO
LUCAS TUNES FERNANDES
LUIZA DA SILVA SOUZA
LUIZA PEREIRA HOLBIG
MAICON RAMIRES CAMPELO
MARCELI TEIXEIRA DOS SANTOS
MARCOS VINICIUS RIBEIRO PIZZOL
MARÍLIA LIMA SANTOS
MATEUS DE OLIVEIRA ANTUNES
MÁRCIO RODRIGUES AFFONSO
PIERRE TEIXEIRA DA SILVA
RENATA BELMUDES SCHNEIDER
RITA DE CASSIA MOREM COSSIO RODRIGUEZ2
ROGER BRUNO DE MENDONCA
Raquel Lucques dos Santos
Rose Milene Garcia de Medeiros
SAMIR ROSA DOS SANTOS
SANDRA IVANA GOMES VARGAS
SHAIANE MATHIAS DOS PASSOS
SILVIA PRIETSCH WENDT2
STHÉFANI BORGES BREGUE
SUZANA ROSA DE SOUZA
Sandriane Valadão Duarte
Stéfany Solari Maciel
SÍLVIA MARIA BRAHM ARAUJO
THAIANE SILVEIRA CARRASCO
THAIANE SILVEIRA CARRASCO
THAÍS RUAS VIEGAS
Tainã da Silva Pinto
Thalles Pinto de Souza
VITÓRIA SCHIAVON DA SILVA
ÉMERSON OLIVEIRA CARDOSO
ÍTALO FERREIRA DE LEON
ÍTALO FERREIRA DE LEON

Página gerada em 30/06/2022 16:43:50 (consulta levou 0.157459s)