Nome do Projeto
'AnatoAcupuntura': pontos, canais e meridianos na Acupuntura em diálogos e possibilidades com a Anatomia
Ênfase
Ensino
Data inicial - Data final
01/11/2021 - 01/11/2023
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Biológicas
Resumo
A 'AnatoAcupuntura' surge como um projeto unificado, visando integrar inclusive pesquisa e extensão no transcorrer do processamento dos desdobramentos iniciais propostos. Por isso, vivifica características de projeto unificado institucional. Inicialmente, pretende dialogar o aprofundamento dos estudos e pesquisas em Anatomia envolvendo com os conhecimentos em Acupuntura para melhor entender mecanismos anatômicos com potenciais rotas terapêuticas complementares em saúde. A necessidade dessa perspectiva ‘AnatoAcupuntura’ permitiu perceber uma consideração inicial a ser observada. Que a visão sistêmica e regional em anatomia humana pode contribuir sobremaneira para qualificar ainda mais em diálogos científicos a perspectiva sistêmica em Acupuntura e as finalidades complementares em saúde que esta prática milenar em saúde já pretende desenvolver nas rotinas e protocolos em saúde. Ao se refletir em projeto unificado, desde já, vê-se as disciplinas orientadas para a prática clínica nos cursos em saúde como espaços-tempos curriculares a serem integrados com a finalidade de ampliar o escopo do estudo do corpo humano e das práticas integrativas e complementares em saúde em diálogo fundamental com a perspectiva sistêmica em anatomia humana e a acupuntura.

Objetivo Geral

Pesquisar as contribuições da prática milenar da Acupuntura enquanto Práticas Integrativas e Complementares em Saúde junto à Anatomia (AnatoPICS);
Observar a importância da Anatomia enquanto conhecimento base em saúde em diálogos com a Acupuntura nas interfaces das diferentes graduações da área da saúde;
Observar as contribuições da Acupuntura a partir da 'AnatoAcupuntura' nos cuidados em saúde, considerando os espaços-tempos curriculares clínicos das graduações da área da saúde em diálogo multidisciplinar, incluindo outras interfaces das PICS;
Promover ampliação dos estudos em neuromodulação a partir do referencial em ´AnatoAcupuntura´ desenvolvido.

Justificativa

A base do entendimento da 'AnatoAcupuntura' emerge num anseio docente de integrar e potencializar ainda mais os conhecimentos das ciências básicas, do maravilhoso estudo do corpo humano, com as disciplinas do campo clínico-prático das graduações da área da saúde. A justificativa vem ao encontro da interdisciplinaridade e integração curricular, que o Laboratório da Anatomia Clínica e Interativa (Labanatoin - https://wp.ufpel.edu.br/labanatoin/) já vem fazendo em desenvolver a perspectiva anatomoclínica no cotidiano do ensino anatômico. Para isto, nesse projeto, a Acupuntura e os seus conhecimentos agregados podem contribuir sobremaneira para ampliar o enfoque do cuidado em saúde complementar potencializando ainda mais o estudo da anatomia humana e as repercussões do olhar anatomoclínico ampliado no fazer saúde.

Metodologia

Além das preparações orientadas em peças cadavéricas a serem desenvolvidas no Laboratório de Anatomia Humana como forma de aprofundar o entendimento de pontos, canais e meridianos em Acupuntura, a metodologia que já vem sendo desenvolvida descrita no artigo1 será inclusive utilizada. Considera-se que o método de Neurometria Ryodoraku permite relacionar a Anatomia a importantes conhecimentos que a Acupuntura já aproxima. Nos artigos publicados 1 e 2 iniciaram-se compreensões e ideações nestas perspectivas e no projeto unificado UFPel pretende-se aprofundar diálogos e ainda mais possibilidades científico-profissionais em saúde.

1. SANTOS, M. C.. Acupuntura nas síndromes fibromiálgicas: diálogos possíveis com a neurometria Ryodoraku. Journal of Nursing and Health, v. 2, p. 388-397, 2012.
2. SANTOS, M. C.. Acupuntura no cuidado de enfermagem ao paciente com cisto pilonidal: um relato de experiência assistencial. Revista Gaúcha de Enfermagem (UFRGS. Impresso), v. 31, p. 175-178, 2010.

Referências:

Schleip, Robert. Fáscia no esporte e no movimento. 1. ed. Barueri [SP] : Manole, 2020. 320p. ISBN 978-85-204-5549-4

Myers, Thomas W. Trilhos anatômicos: meridianos miofasciais para terapeutas manuais e do movimento. 3. ed. – Barueri, SP : Manole, 2016.

Young-Il Noh, Minsuk Rho, Yeong-Min Yoo, Sharon J.Y. Jung, Sang-Suk Lee. Isolation and Morphological Features of Primo Vessels in Rabbit Lymph Vessels. Journal of Acupuncture and Meridian Studies(2012), http://dx.doi.org/10.1016/j.jams.2012.07.002.

Moon S-H, et al., Primo Vascular System in the Subarachnoid Space of the Spinal Cord of a Pig, Journal
of Acupuncture and Meridian Studies (2012), http://dx.doi.org/10.1016/j.jams.2012.07.006

Jung JS, et al., Protocol for the Observation of the Primo Vascular System in the Lymph Vessels of
Rabbits, Journal of Acupuncture and Meridian Studies (2012), http://dx.doi.org/10.1016/j.jams.2012.07.007

Kim B-H, Developmental and Comparative Biological Study of Primo Vascular System, Journal of
Acupuncture and Meridian Studies (2012), http://dx.doi.org/10.1016/j.jams.2012.07.016

Byung-Cheon Lee, Sungkwang Kim, Kwang-Sup Soh. Novel Anatomic Structures in the Brain and Spinal
Cord of Rabbit That May Belong to the Bonghan System of Potential Acupuncture Meridians.J Acupunct Meridian Stud 2008;1(1):29−35.

Indicadores, Metas e Resultados

Ampliar as correlações entre a Anatomia e a Acupuntura no âmbito do ensino, anatômico e clínico-prático;
Qualificar elementos anatomoclínicos em Acupuntura;
Colaborar com o ensino da Anatomia para uma prática mais segura em Acupuntura e Medicina Tradicional Chinesa (MTC);
Aperfeiçoar ferramentas de mensuração diagnóstica e terapêutica anatomoclínica em Acupuntura;
Promover práticas em Acupuntura mais seguras e mais eficientes no contexto clínico-terapêutico;
Ampliar o contexto do estudo da Anatomia Humana na formação em saúde.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
GABRIELA KRAUSE DA SILVA
JULIA BRAGA DIAS
JULIA PERES AVILA
MATEUS CASANOVA DOS SANTOS3
SATHYEL BLANKE BIERHALS

Página gerada em 27/05/2022 22:39:40 (consulta levou 0.068631s)