Nome do Projeto
Acervo do Colégio Pelotense - higienização, organização e pesquisa
Ênfase
Extensão
Data inicial - Data final
05/05/2017 - 31/12/2019
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Humanas
Eixo Temático (Principal - Afim)
Cultura / Cultura
Linha de Extensão
Patrimônio cultural, histórico e natural
Resumo
O hoje Colégio Municipal Pelotense foi fundado em outubro de 1902 sob o nome de Gymnasio Pelotense, como um instituição de ensino laica sob patrocínio da maçonaria. Ao longo de sua história, a escola passou por diversas fases, abrigando entre seus alunos e professores nomes importantes da história de Pelotas e do Rio Grande do Sul. Atualmente, constitui-se na maior escola municipal da América Latina. A instituição possui um museu com objetos (quadros de alunos, uniformes, troféus, fotos e outros) já organizado e inclusive inscrito no sistemas municipal, estadual e nacional de museus. Além disso, o acervo documental do colégio também foi preservado, constituindo-se um patrimônio documental riquíssimo, que inclui desde documentos utilizados em sala de aula, como listas de chamada e livros didáticos, como dossiês de todos os alunos que passaram pela instituição ao longo de seus mais de cem anos. Parte desse acervo documental já foi higienizado e organizado, inclusive com o auxílio de professores e alunos da UFPel e estando atualmente disponível para pesquisa. No entanto, grandes volumes de documentos, incluindo todas as listas de chamada a partir de meados da década de 1960 e os dossiês de alunos, anotações de professores e outros ainda estão guardados em caixas aguardando tratamento técnico. O projeto visa a auxiliar a escola na higienização, organização e disponibilização de seu acervo documental, bem como proporciorar aos alunos dos cursos de bacharelado e licenciatura em História da UFPel a possibilidade de adquirir experiência prática em relação à área de organização de acervos (sendo esta inclusive a ênfase do curso de bacharelado em História). O projeto também visa a promover a pesquisa em Ensino de História, História de Pelotas e outros temas a partir do acervo organizado.

Objetivo Geral

Auxiliar na higienização, organização e disponibilização do acervo documental do Colégio Municipal Pelotense, bem como proporciorar estágios e experiências práticas aos alunos dos cursos de bacharelado e licenciatura em História da UFPel ; promover a pesquisa em Ensino de História, História de Pelotas e outros temas a partir do acervo organizado.

Justificativa

O projeto justifica-se pela importância histórica do acervo documental do Colégio Municipal Pelotense, instituição criada em 1902, e também pela possibilidade de proporcionar aos futuros historiadores, alunos dos cursos de bacharelado e licenciatura em História da UFPel, a oportunidade de estágios e experiências práticas em relação a organização de acervos (ênfase do curso de bacharelado), bem como incentivar a pesquisa na documentação organizada. Justifica-se pela possibilidade de interação e de contribuição da universidade à comunidade de Pelotas, em especial à comunidade estudantil

Metodologia

Serão desenvolvidos trabalhos de higienização, organização e catalogação dos acervos documentais por alunos dos cursos de bacharelado e licenciatura em História da UFPel, sob a supervisão permanente de professores da universidade e monitores. Devem ser realizadas reuniões periódicas com os diversos grupos envolvidos afim de avaliar o andamento do projeto. O Colégio Municipal Pelotense deve disponibilizar uma sala e materiais para higienização e para o armazenamento da documentação já submetida a tratamento técnico. Serão realizados cursos para os alunos da UFPel e para funcionários da escola e incentivada a realização de pesquisas científicas a partir do acervo organizado, bem como exposições periódicas para divulgação do acervo.

Indicadores, Metas e Resultados

A principal meta é higienizar, organizar e catalogar a maior parte do acervo documental possível (em especial, as listas de chamada, livros didáticos e documentação dos primeiros alunos do Colégio), bem como iniciar a produção de um Guia do Acervo. Também é esperado que ao fim do projeto tenham sido realizadas exposições e publicadas ou produzidas pesquisas científicas envolvendo o acervo.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ALESSANDRA GASPAROTTO1
ANA INEZ KLEIN1
ARISTEU ELISANDRO MACHADO LOPES6
BEATRIZ BARBOSA BENDER
CLARICE GONTARSKI SPERANZA3
JANAÍNA VERGAS DA SILVA RANGEL
JESSICA ESPIRITO SANTO DA SILVEIRA
KHAUANY ELISABETE PEREIRA DOS SANTOS
LISIANE SIAS MANKE1
MARCIA JANETE ESPIG3
MARIANA BARBOSA LEITE
SIMONE WEBER ROTHER
TAMIRES FERREIRA SOARES
TAMIRES FERREIRA SOARES
ÂNGELA PEREIRA OLIVEIRA

Página gerada em 22/10/2021 12:42:41 (consulta levou 0.115044s)