Nome do Projeto
Estudo do custeio de recepção, manutenção, manejo, cuidados médico-veterinário e destinação de fauna silvestre atendida pelo NURFS-CETAS/UFPEL
Ênfase
Pesquisa
Data inicial - Data final
17/11/2023 - 17/12/2024
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Biológicas
Resumo
O NURFS-CETAS/UFPEL é um órgão suplementar do IB/UFPEL responsável pelo atendimento das demandas da região Sul do Rio Grande do Sul em relação à fauna silvestre, sendo responsável por receber, triar, tratar e reabilitar os animais oriundos de apreensão, resgate ou entrega espontânea com o objetivo de devolução dos espécimes à natureza. Os animais recebidos pelo NURFS-CETAS/UFPEL passam por: (i) identificação taxonômica; (ii) avaliação clínica, física e comportamental, com os devidos exames laboratoriais, quando necessários; (iii) marcação física individual, quando possível; e (iv) registro no Sistema de Informações dos CETAS (SisCETAS). A depender da situação do animal, o mesmo é sujeito à soltura ou quarentena (IBAMA, 2021). Ademais, há animais que chegam ao óbito enquanto estão nas dependências do NURFS-CETAS/UFPEL devido ao estado que encontram-se durante o recebimento. Devido ao alto custo financeiro, diversos CETAS fecham ou correm o risco de fechar e faz-se necessário a compreensão do custeio dos CETAS. O presente estudo pretende fazer um levantamento dos custos relativos ao NURFS-CETAS/UFPEL, do momento da apreensão/captura por parte dos órgãos policiais ou recebimento por doação espontânea até o momento da sua destinação. Paralelamente serão identificadas fragilidades e potencialidades e apresentadas alternativas que as possam mitigar ou potencializar na resolução do custeio e das suas fontes de financiamento.

Objetivo Geral

Identificar e caracterizar os custos para as atividades de recepção, triagem, manejo, manutenção, cuidados médico-veterinário e destinação de animais pertencentes a fauna silvestre brasileira atendida pelos NURFS-CETAS/UFPEL.
OBJETIVOS ESPECÍFICOS
- Quantificar os custos para diferentes espécies dentro de distintos intervalos de manutenção;
- Identificar e apresentar as fontes de recursos disponíveis para os custeios em consideração;
- Organizar os resultados de forma que possam permitir um planejamento ou perspectiva anual de atendimentos da fauna silvestre brasileira recebida anualmente pelo NURFS-CETAS/UFPEL;
- Identificar e apresentar potencialidades e fragilidades observadas na mensuração do custeio das operações do NURFS-CETAS/UFPEL;
- Apresentar, as perspectivas futuras de receitas e/ou sugestões para esse objetivo, se for o caso.

Justificativa

Sendo o NURFS e o CETAS UFPEL órgãos suplementares do Instituto de Biologia mantidos por uma UGR própria com recursos da União, a sua variação como fonte de manutenção do custeio oscila muito e, pode gerar insegurança na administração e cuidados com a fauna sob seus cuidados. Existe um interesse dos seus gestores no sentido de identificar o custeio relacionado à manutenção e destinação dos grupos taxonômicos atendidos desde seu ingresso nos órgãos até a sua destinação pós-atendimento. Como as fontes de recursos previstas na legislação vigente permitem a busca de novos parceiros e a clientela desse órgãos são prefeituras da AZONASUL e alguns entes privados, existe a necessidade da quantificação desses custeios para um possível abordagem de novos parceiros como fonte de financiamento. O levantamento e a organização de forma clara de fluxos, permitirá uma reestruturação dos processos e a busca de novos recursos para qualificar as atividades realizadas nos serviços prestados pelos órgãos em consideração. Ao mesmo tempo, o presente estudo permitirá a qualificação dos discentes na formação de recursos humanos para a gestão de NURFS e CETAS no Brasil. Portanto é imperativo que esse estudo seja realizado para subsidiar as ações de financiamento futuro do NURFS-CETAS/UFPEL permitindo um planejamento mais adequado de suas ações.

Metodologia

- Pesquisa sobre relatório de custeio de outros CETAS;
- Visitas ao NURFS-CETAS/UFPEL;
- Tabelamento dos custos do NURFS-CETAS/UFPEL.
INDICADORES, METAS E RESULTADOS ESPERADOS
- Cumprimento dos objetivos dentro do prazo previsto;
- Elaboração do relatório de custeio do NURFS-CETAS/UFPEL

Indicadores, Metas e Resultados

Serão considerados satisfatórios os resultados se for possível:
- identificar e caracterizar os custos para as atividades de recepção, triagem, manejo, manutenção, cuidados médico-veterinário e destinação de animais pertencentes a fauna silvestre brasileira atendidos pelos NURFS-CETAS/UFPEL;
- quantificar os custos para diferentes espécies dentro de distintos intervalos de manutenção;
- identificar e apresentar as fontes de recursos disponíveis para os custeios em consideração;
- organizar os resultados de forma que possam permitir um planejamento ou perspectiva anual de atendimentos da fauna silvestre brasileira recebida anualmente pelo NURFS-CETAS/UFPEL;
- identificar e apresentar potencialidades e fragilidades observadas na mensuração do custeio das operações do NURFS-CETAS/UFPEL;
- apresentar, as perspectivas futuras de receitas e/ou sugestões para esse objetivo, se for o caso;
- cumprir esses objetivos no prazo do cronograma previsto para o estágio em consideração.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
AMANDA ANDERSSON PEREIRA STARK
EMANUELLE MACIEL PEDERZOLI
GREICI MAIA BEHLING3
LUIZ FERNANDO MINELLO4
MARCO ANTONIO AFONSO COIMBRA3
MARCOS PIZZATTO DE AZEREDO
PAULO MOTA BANDARRA3
RAQUELI TERESINHA FRANCA3

Página gerada em 17/04/2024 22:22:24 (consulta levou 0.169456s)