Nome da Atividade
UNIDADE DE CLÍNICA INFANTIL II
CÓDIGO
03500013
Carga Horária
90 horas
Tipo de Atividade
DISCIPLINA
Periodicidade
Semestral
Modalidade
PRESENCIAL
Unidade responsável
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
6
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
4
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
2
CRÉDITOS
6
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

A Unidade de Clínica Infantil II complementa o conteúdo da Unidade de Clínica Infantil I,
direcionando as ações para a dentição decídua e, consequentemente, manejo de crianças
com idades entre 4 e 7 anos. Inicialmente, são abordadas as alterações dos tecidos moles
bucais das crianças, seguido do conhecimento detalhado dos traumatismos dentoalveolares
da dentição decídua e suas sequelas na dentição permanente. Também, é
necessário destacar situações cirúrgicas em clínica infantil, atenção à saúde bucal da
gestante e alertar para o papel do odontólogo frente ao quadro de maus tratos na criança e
demais condições que a caracterizem como especial.

Objetivos

Objetivo Geral:

Objetivos Gerais:
Ensinar o atendimento odontológico de crianças na faixa etária de 4 a 7 anos.

Objetivos Específicos:
Facilitar a aprendizagem dos procedimentos técnico-científicos complementares pararestabelecer e manter a saúde bucal de crianças na faixa etária pré-escolar.
Destacar a importância da atenção precoce no processo saúde-doença.
Permitir ao aluno o desenvolvimento prático dos conhecimentos técnico-científicos necessários para restabelecer e manter a saúde bucal de crianças na faixa etária pré-escolar, com ênfase ao manejo, tanto do paciente como do responsável.
Promover o conhecimento para a inclusão do aluno na atenção odontológica depacientes em situações consideradas especiais.
Permitir a formação de um profissional clínico geral, com conhecimento técnicocientífico e habilidade para restabelecer e manter a saúde bucal de crianças na fasepré-escolar e condições especiais, com forte base filosófica no paradigma de promoçãode saúde, centrado na introdução de hábitos saudáveis precocemente.

 

Objetivos Específicos:

Facilitar a aprendizagem dos procedimentos técnico-científicos complementares para
restabelecer e manter a saúde bucal de crianças na faixa etária pré-escolar.
 Destacar a importância da atenção precoce no processo saúde-doença.
 Permitir ao aluno o desenvolvimento prático dos conhecimentos técnico-científicos
necessários para restabelecer e manter a saúde bucal de crianças na faixa etária préescolar,
com ênfase ao manejo, tanto do paciente como do responsável.
 Promover o conhecimento para a inclusão do aluno na atenção odontológica de
pacientes em situações consideradas especiais.
 Permitir a formação de um profissional clínico geral, com conhecimento técnicocientífico
e habilidade para restabelecer e manter a saúde bucal de crianças na fase
pré-escolar e condições especiais, com forte base filosófica no paradigma de promoção
de saúde, centrado na introdução de hábitos saudáveis precocemente.

Conteúdo Programático

URGÊNCIA EM ODONTOPEDIATRIA
Abordar as principais situações de urgência em odontopediatria;
Classificar a abordagem e condutas de acordo com a complexidade;
Descrever a necessidade do uso de fármacos, destacando os mais indicados, coma respectiva posologia.
Reconhecer as especificidades da terapêutica medicamentosa para as situações deurgência no paciente infantil;
Habilitar os alunos a intervirem em situações de urgência de diferentes
complexidadesexecutarem uma prescrição medicamentosa e intervirem.

ALTERAÇÕES EM TECIDOS MOLES DA CAVIDADE BUCAL NA CRIANÇA:
Características da gengiva normal da criança,
Erupção dos dentes decíduos e permanentes: sinais e sintomas;
Principais alterações nos tecidos moles da cavidade bucal da criança (etiologia, características clínicas e conduta clínica);
Propiciar o conhecimento da epidemiologia, das características clínicas e dascondutas das principais alterações nos tecidos moles da cavidade bucal de crianças.

MEDIDAS DE PREVENÇÃO E/OU CONTROLE DA CÁRIE DENTÁRIA NA PRIMEIRA INFÂNCIA:
Educação, orientação e motivação do núcleo familiar do processo de saúde-doença;
Abordagem do controle da dieta para o paciente infantil;
Flúor e clorexidina em Odontopediatria;
Uso racional do selante oclusal;
Propiciar o conhecimento e intervenção preventiva e/ou para controle dadoença cáriedentária em bebês e demais crianças com o uso de medidas educativas, químicas efísicas do controle do biofilme dentário.

TRAUMATISMO ALVÉOLO-DENTÁRIO NA DENTIÇÃO DECÍDUA:
Epidemiologia e fatores etiológicos;
Exame, diagnóstico e planejamento de tratamento;
Injúrias aos tecidos dentários (classificação da OMS);
Injúrias aos tecidos periodontais e aos ossos de suporte (classificação daOMS);
Injúrias aos tecidos moles;
Sequelas nas dentições decídua e permanente dos traumatismos da primeira infância;
Descrever a epidemiologia, os fatores etiológicos, a classificação e o tratamentopreconizado para as alterações em tecidos moles e duros decorrentes de traumatismosdento-alveolares na dentição decídua;
Propiciar aos alunos diferenciar e tratar as alterações em tecidos moles e duros decorrentes de traumatismos dento-alveolares na dentição decídua;
Executar proservação de casos de traumatismos na dentição decídua, permitindoavaliação e prevenção das seqüelas na dentição permanente;
Propiciar a formação de um profissional com capacidade de atuar com conhecimento e firmeza em situações de urgência relacionadas ao traumatismo alvéolo-dentário nadentição decídua.

REABILITAÇÃO BUCAL EM ODONTOPEDIATRIA:
A importância da reabilitação bucal do paciente infantil em perdas parciais ou totais do elemento dentário;
Prótese parcial removível na dentição decídua;
Prótese parcial fixa na dentição decídua;
Propiciar a aprendizagem de métodos de reabilitação existentes;
Propiciar aos alunos entendam a importância da correta identificação;
indicação e mexecução da reabilitação bucal em Odontopediatria;

MAUS TRATOS NA CRIANÇA
Epidemiologia e reconhecimento;
Postura do profissional;
Propiciar o conhecimento da epidemiologia e da postura profissional frente aos maustratos em crianças;
Formar um profissional capaz de reconhecer e encaminhar casos de maus tratosinfantis.

PACIENTE COM NECESSIDADES ESPECIAIS
Introdução da atenção odontológica a pacientes com necessidades especiais;
Classificação dos pacientes com necessidades especiais;
Planejamento do tratamento em nível de clínica odontopediátrica;
Atendimento em nível hospitalar;
Identificar as diferentes situações que caracterizam o atendimento do paciente emcondições especiais em clínica privada ou em nível hospitalar, tratando ouencaminhando quando indicado;
Formar um profissional capaz de entender a complexidade e necessidade odontológicado paciente com necessidades especiais.

PUERICULTURA ODONTOLÓGICA
Pré-natal Odontológico e o atendimento Odontológico de gestantes;
Atendimento odontológico de bebês
Propiciar ao aluno conhecer os cuidados no atendimento da gestante e bebês;
Propiciar o reconhecimento da importância da atenção precoce na saúde da criança;a
Formar um profissional capaz de entender e atender sem tabus as gestantes, reconhecendo a importância da mudança do hábito familiar na saúde bucal da criança.

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • CORRÊA, M.S. N.P. Odontopediatria na Primeira Infância. 3 ed. São Paulo: Santos, 2010.
  • GUEDES-PINTO, A.C. Odontopediatria. 8.ed. São Paulo: Santos, 2012 OU GUEDES-PINTO, A.C. Odontopediatria. 9. Rio de Janeiro Santos 2016 1 recurso online ISBN 9788527728881.
  • ANDREASEN, J. O; ANDREASEN, F. M. Fundamentos de traumatismo dental: guia de tratamento passo a passo. 2. ed. Porto Alegre: Artmed, 2001.

Bibliografia Complementar:

  • Artigos científicos sobre os temas relacionados ao conteúdo programático da Unidade. http://www.periodicos.capes.gov.br/
  • ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ODONTOPEDIATRIA, Manual de Referência para procedimentos Clínicos em Odontopediatria, 2010. Disponível em: http://www.abodontopediatria.org.br/manual1/Capa-Agradecimentos-Prefacio-indice.pdf.
  • FELDENS, C.A. Cárie dentária na infância uma abordagem contemporânea. Rio de Janeiro Santos 2013 1 recurso online ISBN 978-85-412-0187-2.
  • FERREIRA-VELLINI, F. Ortodontia,diagnóstico e planejamento clínico. 7. ed. São Paulo: Artes Médicas, 2008.
  • TOLEDO, O. A. Odontopediatria: fundamentos para a prática clínica. 3a. Ed., São Paulo: Premier, 2005.
  • XAVIER, H. S.; XAVIER, V. B. C. Cuidados odontológicos com a gestante. São Paulo: Santos, 2004. 85 p..

Turmas Ofertadas

Turma Período Vagas Matriculados Curso / Horários Professores
M51 2020 / 1 50 42 Odontologia (Bacharelado)
Horários
ManhãTardeNoite
SEG08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
QUI08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
10:50 - 11:40
MARINA SOUSA AZEVEDO
Professor Regente

MARILIA LEAO GOETTEMS
Professor Regente

CATIARA TERRA DA COSTA
Professor Regente

ANA REGINA ROMANO
Professor responsável pela turma

LISANDREA ROCHA SCHARDOSIM
Professor Regente

MARCOS ANTONIO PACCE
Professor Regente

VANESSA POLINA PEREIRA DA COSTA
Professor Regente

Disciplinas Equivalentes

Disciplina Curso
UNIDADE DE CLÍNICA INFANTIL II Odontologia (Bacharelado)

Página gerada em 23/01/2021 20:51:40 (consulta levou 0.184032s)