Nome do Projeto
Óleo de semente da fruta do conde (Annona squamosa, L.): extração, microencapsulação, potencial antimicrobiano e antioxidante
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
08/08/2016 - 08/03/2018
Unidade de Origem
Área CNPq
Ciências da Saúde - Nutrição
Resumo
A preocupação com a alimentação saudável da população e a comprovação dos efeitos cancerígenos dos nitritos e nitratos utilizados como conservantes de alimentos cárneos embutidos faz com que seja estimulado o desenvolvimento de produtos naturais para a substituição destes. Em função disto surgem estudos utilizando óleos essenciais oriundos de frutas e folhas para esta finalidade. As sementes de fruta do conde (Annona squamosa, L.) apresentam em sua estruturação compostos chamados acetogeninas que possuem efeito antimicrobiano e antioxidante. O processo de microencapsulação do óleo essencial pode potencializar seu efeito. Levando em consideração estes fatores o objetivo do presente estudo é realizar a extração do óleo de semente de fruta do conde, microencapsular e avaliar seu potencial antimicrobiano e antioxidante frente às bactérias patogênicas Staphylococcus aureus, Listeria monocytogenes e Escherichia coli e contra os fungos Trichoderma ssp e Rhizopus ssp.

Objetivo Geral

Objetivo geral
Extrair e caracterizar o óleo de sementes da fruta do conde, microencapsular e avaliar o potencial antioxidante e antimicrobiano por diferentes métodos.

Objetivos específicos
Extrair o óleo da semente de fruta do conde (Annona squamosa, L.) por hidrodestilação e por prensagem a frio;
Determinar o rendimento comparativo entre os métodos de extração do óleo extraído de sementes da fruta do conde (Annona squamosa, L.)
Realizar caracterização química do óleo da semente de fruta do conde (Annona squamosa, L.);
Determinar a atividade antioxidante e antimicrobiana do óleo essencial da fruta do conde por diferentes métodos;
Microencapsular o óleo de semente de fruta do conde (Annona squamosa, L.) utilizando quitosana como material de parede e vanilina como reticulante, pelo método de coacervação simples;
Caracterizar as microcápsulas quanto à morfologia, tamanho, eficiência de encapsulação, comportamento térmico, atividade antimicrobiana e antioxidante por diferentes métodos.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CARLOS HENRIQUE GOMES DE SOUSA LIMA108/08/201608/03/2018
CAROLINE DELLINGHAUSEN BORGES108/08/201608/03/2018
CATIA DA SILVA SILVEIRA108/08/201608/03/2018
ELIEZER AVILA GANDRA108/08/201608/03/2018
MARIA LUIZA MARTINS DA TRINDADE208/08/201608/03/2018
MARJANA RADÜNZ1208/08/201608/03/2018

Fontes Financiadoras

Sigla / NomeValorAdministrador
CAPESR$ 20.000,00

Página gerada em 16/06/2019 16:05:55 (consulta levou 0.077997s)