Nome do Projeto
A Política Nacional da Biodiversidade: um estudo das abordagens nos jornais no município de Pelotas-RS.
Ênfase
PESQUISA
Data inicial - Data final
05/03/2019 - 29/12/2023
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Sociais Aplicadas - Administração - Política e Planejamento Governamentais
Resumo
A Política Nacional da Biodiversidade em diversos momentos destaca a importância da promoção da pesquisa para a Biodiversidade e o conhecimento da Biodiversidade, congregando as diretrizes voltadas à geração, sistematização e disponibilização de informações que permitam conhecer os componentes da biodiversidade do país e que apoiem a gestão da biodiversidade. Os meios de comunicação comprovadamente têm sido compreendidos como engrenagens centrais no ordenamento do debate público acerca das mais distintas questões. A partir da compreensão das potencialidades dos meios de comunicação para alavancar a democracia, o desenvolvimento e os direitos humanos, nas últimas décadas diversas instituições – no plano internacional e também no Brasil – passaram a elaborar estratégias de interlocução com a mídia, com o objetivo de contribuir para o aprimoramento e efetividade das políticas públicas no nosso país. O presente projeto envolve dois componentes, um teórico e outro prático. No que tange ao componente teórico, uma das bases para a realização do projeto será a revisão bibliográfica, complementada por reflexões e experiências pessoais sobre o tema. Quanto ao componente prático, o projeto desenvolverá uma ampla e cuidadosa pesquisa documental para verificar como os jornais do município de Pelotas tratam o tema da biodiversidade, principalmente edições publicadas após a aprovação da Política Nacional da Biodiversidade em 2002. Ao final do projeto, após a elaboração do diagnóstico, espera-se desenvolver atividades de ensino e extensão que busquem a efetivação da Política Nacional da Biodiversidade.

Objetivo Geral

Objetivo geral: Identificar como os jornais do município de Pelotas abordam a Política Nacional da Biodiversidade após a sua institucionalização.
Objetivos específicos: a) Verificar como as mídias tradicionais impressas locais vinculam em suas matérias as iniciativas de sensibilização e capacitação de entidades da sociedade civil em práticas de monitoramento e fiscalização da utilização dos recursos biológicos;
b) Identificar como as mídias tradicionais impressas locais difundem informações sobre biodiversidade brasileira;
c) Identificar como as mídias tradicionais impressas locais tratam da importância da interação entre a gestão da biodiversidade e a saúde pública;
d) Identificar como as mídias tradicionais impressas locais divulgam informações sobre conhecimentos tradicionais, inovações e práticas de povos indígenas, quilombolas e outras de comunidades locais e sua importância na conservação da biodiversidade;
e) Analisar se há vinculação das matérias publicadas nos jornais locais com os princípios e diretrizes da Política Nacional da Biodiversidade.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
CELSO ELIAS CORRADI405/03/201929/12/2023
CLEITON STIGGER PERLEBERG405/03/201929/12/2023
GIOVANNI NACHTIGALL MAURICIO205/03/201929/12/2023
MATEUS LOPES DA SILVA205/03/201929/12/2023
MAURICIO PINTO DA SILVA405/03/201929/12/2023
NATHALIA CRISTINA BERNARDES CERUTTI805/03/201929/12/2023
RENATA VIEIRA RODRIGUES SEVERO205/03/201929/12/2023
VAGNER VIEIRA BIGLIARDI805/03/201929/12/2023

Página gerada em 20/11/2019 02:42:01 (consulta levou 0.072208s)