Nome do Projeto
CiPaBio 2020 - O papel e a adaptação da ciência durante a pandemia: Conexão, transmissão e divulgação do conhecimento científico remoto através de uma tela
Ênfase
Ensino
Data inicial - Data final
03/08/2020 - 15/09/2020
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Biológicas
Resumo
o Ciclo de Palestras da Biologia (CiPaBio) é um evento que ocorrerá em substituição a Semana Acadêmica da Biologia (SABio) que ocorre anualmente na Universidade Federal de Pelotas, promovido pelo Centro Acadêmico dos cursos em ciências Biológicas e construído por uma comissão organizadora composta por discentes e docentes. Neste ano atípico para toda dita comunidade científica no Brasil e no mundo, o objetivo da CiPaBio consiste no debate e reflexão sobre a importância do papel das ciências da vida na correta transmissão da informação, divulgação e conscientização acerca da pandemia resultante da disseminação do novo coronavírus. Além disso, devemos pensar e refletir em como podemos nos adaptar para continuar a comunicar ciência, eliminando a disseminação de notícias falsas, bem como novas formas de ensino e aprendizagem. Devemos estar preparados para perspectivas inovadoras e adaptações a um novo modelo de divulgação científica e transmissão de conhecimento a esta “nova ordem mundial” de relações humanas, tendo em vista trocas em redes sociais e o “contato” a ser feito através de uma tela entre acadêmicos (discentes e docentes), sociedade e o poder público, sem perder a “conectividade” no seu amplo sentido (tecnológico, acadêmico e social). Seremos capazes de levar isso adiante e transformar as Ciências Biológicas frente a uma nova realidade que deve, ainda, perdurar por um bom tempo sem perda de qualidade de ensino e desenvolvimento de pesquisa?

Objetivo Geral

Gerar um espaço de discussão no qual seja possível expor a realidade do papel da ciência e das adaptações a um novo modelo e formato de estudo e divulgação das ciências da vida, frente a esta pandemia e isolamento social, ao mesmo tempo que mantêm a qualidade e excelência acadêmica de ensino, pesquisa e extensão frente às dificuldades de acesso à informação e a uma nova perspectiva mundial de interação.

Justificativa

O desenvolvimento deste Ciclo de Palestras direcionada aos desafios encontrados pela ausência de contato social dentro de um contexto acadêmico, as novas adaptações, e o papel do biólogo nesta nova realidade, nos desafiam a mudar muitas de nossas perspectivas de trabalho dentro da Universidade. A divulgação científica de informações corretas e utilizando os meios adequados por parte da academia nunca foi tão importante quanto agora. A ciência balizada pelo método científico tem um papel fundamental para evitar e desmentir as fake news e propor estratégias para o combate à pandemia viral e de informações falsas.
Ademais, precisamos agir de forma continuada, conectados e ativos, visando a manutenção da estrutura universitária sem prejuízo ao ensino-aprendizagem. É preciso determinar a forma de atuação e implementação tecnológica e científica de acesso a qualquer cidadã/cidadão, priorizando a continuidade da qualidade de ensino e a formação de recursos humanos engajados e atuantes nas mais diversas áreas das Ciências Biológicas. Logo, esta edição da CiPaBio, mais do que nunca, carrega a responsabilidade de integração entre estudantes de graduação, pós-graduação, professores, palestrantes e colaboradores, visando trocas mútuas de conhecimento e experiências remotas e a distância. O grande desafio será dado através de uma conexão de rede e uma tela, tão informal e estranha às relações humanas, porém muito necessárias e indispensáveis para o ambiente de crescimento que a universidade tem de representar para a sociedade e para sua própria comunidade acadêmica.

Metodologia

Neste ano, a comissão organizadora da CiPaBio desenvolverá atividades diferenciadas e inéditas frente a pandemia do novo coronavírus, através de palestras, mesas redondas e relatos de experiência no período da tarde, contando com o auxílio de professores, estudantes de pós-graduação e gestores da UFPel para mostrar o desenvolvimento de pesquisas científicas dentro da Universidade e fora dela. Desta forma, pretende-se contar com a participação destes na apresentação e elaboração de palestras e mesas redondas, aumentando o indissociável contato entre a graduação e pós-graduação na transmissão do conhecimento científico. Ainda, haverá a possibilidade de os discentes apresentarem seus trabalhos realizados no ensino, pesquisa e/ou extensão de uma maneira resumida (no máximo 15 minutos), com a finalidade de divulgar e dialogar com os colegas do curso acerca do que vem sendo produzido dentro do Instituto de Biologia. Pesquisadores de outras universidades e instituições poderão ser convidados para apresentar palestras e participar de mesas redondas, conforme os assuntos dentro dos temas estabelecidos.
As palestras serão transmitidas virtualmente, a partir de ferramentas de vídeoconferência da própria UFPel (webconference), do Google Meets e redes sociais (YouTube, Instagram e Facebook) nas terças e quintas-feiras durante um mês no período da tarde; sendo as mesas redondas e as palestras entre 17:00h e 20 horas. Haverá um controle de frequência através de lista de presença, que será revisada e terá as horas contabilizadas para futura utilização na emissão de certificados. Esses, por sua vez, serão emitidos aos alunos de acordo com sua participação como ouvinte ao longo da duração do evento, ou seja, de acordo com a quantidade de horas assistidas dentro de um total de 22 horas. A avaliação do evento será realizada posteriormente pelos participantes, através da aplicação de questionários para investigar a satisfação dos envolvidos e possíveis melhorias no futuro.

Indicadores, Metas e Resultados

- Promover palestras que abordem a realidade das ciências biológicas no contexto do ensino remoto e a educação a distância, buscando o desenvolvimento mais profundo possível dos futuros profissionais;
- Divulgar as pesquisas em vigor no Instituto de Biologia remotamente de forma clara, objetiva e didática, visando atingir a uma ampla quantidade de discentes e acadêmicos envolvidos;
- Fortalecer ao máximo a formação dos biólogos(as) dispondo de temas relacionados as diferentes áreas de atuação dentro do tripé universitário do ensino, pesquisa e extensão;
- Expandir o raio de discussão dos acadêmicos trazendo o que há de mais atual em pesquisa e ensino de biologia e extensão acadêmica para a sociedade;
- Estimular o desenvolvimento de acadêmicos críticos e reflexivos, com o intuito de construir membros ativos da sociedade.
- Questionar acerca dos desafios levantados pela atual perspectiva de isolamento nunca antes evidenciada na atuação do acadêmico(a) de biologia frente a este novo e desafiador cenário.

Como resultados espera-se um amplo engajamento e uma diversificação nas discussões geradas a partir das mesas redondas e palestras dentro de temáticas atuais e fundamentais para o curso, com o intuito de estimular o sendo crítico d@s participantes, principalmente d@s acadêmic@s do curso de Biologia da UFPel. A ideia é fornecer atividades complementares para @s discentes neste período de isolamento, visando manter a participação e evitar a evasão e desistência do curso dentro do Instituto de Biologia a partir da pandemia do COVID-19.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
ANA LUISA HELLER SILVA
BIBIANA LUIZI GROFF
CRISTIANO AGRA ISERHARD2
GABRIELA BORCHARTT DA SILVA
GABRIELE MARIA DA SILVA LOSS
JESSYCA SIEMIONKO DE ANTONI
JULIANA CORDEIRO3
KAREN MUSTIN CARVALHO8
LUIZ FERNANDO MINELLO1
MARIANA MÜHLENBERG SOARES
Manoela Larrondo Bicca
NATÁLIA CASTILHOS PIONER
SEBASTIAN FELIPE SENDOYA ECHEVERRY3
VITOR MEDEIROS CRUZ

Página gerada em 25/10/2020 01:57:55 (consulta levou 0.335879s)