Nome da Disciplina
FISIOPATOLOGIA E DIETOTERAPIA II
CÓDIGO
16400010
Carga Horária
45 horas
Atividade Complementar
Não
Periodicidade
Semestral
Unidade responsável
CRÉDITOS
3
CARGA HORÁRIA TEÓRICA
1
CARGA HORÁRIA PRÁTICA
2
CARGA HORÁRIA OBRIGATÓRIA
3
FREQUÊNCIA APROVAÇÃO
75%
NOTA MÉDIA APROVAÇÃO
7

Ementa

A disciplina oferecerá ao aluno conhecimentos técnico-científicos, teóricos e práticos sobre a fisiopatologia e dietoterapia das patologias do trato gastrintestinal (estômago, esôfago, intestino, fígado e glândulas anexas). Conhecimentos técnico-científicos, teóricos e práticos sobre a desnutrição hospitalar e métodos de rastreamento e avaliação nutricional no âmbito hospitalar, assim como a terapia nutricional oral, enteral e parenteral a ser empregada nesses pacientes.

Objetivos

Objetivo Geral:

Objetivo Geral:
Desenvolver e justificar ações que contribuam para a melhoria clínica e nutricional dos indivíduos portadores das patologias estudadas.

Objetivo(s) específico(s):
O aluno deverá, ao final da disciplina, estar apto a desenvolver e justificar ações que contribuam para a melhoria clínica e nutricional dos indivíduos portadores das condições e patologias estudadas. Para tal, deverá ser capaz de:
1. Avaliar e diagnosticar o estado nutricional através de parâmetros apropriados
2. Reconhecer os mecanismos fisiopatológicos das doenças associando-os ao tratamento dietético necessário
3. Reconhecer os marcadores das patologias estudadas e a partir desses, monitorar o estado clínico e nutricional dos indivíduos
4. Identificar as indicações do uso da nutrição por via enteral e implementar sua aplicação através da prescrição de dietas adequadas a manutenção ou obtenção de um estado nutricional adequado
5. Identificar as indicações e monitorar o estado nutricional de indivíduos em uso de nutrição parenteral
6. Demonstrar que busca constantemente recursos técnicos e científicos para atualização e enriquecimento de seu aprendizado

 

Objetivos Específicos:

O aluno deverá, ao final da disciplina, estar apto a desenvolver e justificar ações que
contribuam para a melhoria clínica e nutricional dos indivíduos portadores das condições e
109
patologias estudadas. Para tal, deverá ser capaz de:
1. Avaliar e diagnosticar o estado nutricional através de parâmetros apropriados
2. Reconhecer os mecanismos fisiopatológicos das doenças associando-os ao tratamento
dietético necessário
3. Reconhecer os marcadores das patologias estudadas e a partir desses, monitorar o
estado clínico e nutricional dos indivíduos
4. Identificar as indicações do uso da nutrição por via enteral e implementar sua aplicação
através da prescrição de dietas adequadas a manutenção ou obtenção de um estado
nutricional adequado
5. Identificar as indicações e monitorar o estado nutricional de indivíduos em uso de
nutrição parenteral
6. Demonstrar que busca constantemente recursos técnicos e científicos para atualização
e enriquecimento de seu aprendizado

Conteúdo Programático

1. Tipo de dietas hospitalares
2. Conceito, epidemiologia, etiologia, sinais e sintomas, fisiopatologia e dietoterapia das patologias dos órgãos do aparelho digestório:
2.1. Estomago
2.2. Esôfago
2.3. Intestino
2.4. Fígado
2.5. Vesícula
2.6. Pâncreas
3. Avaliação nutricional do paciente hospitalizado
3.1. Triagem nutricional
3.2. Avaliação nutricional
4. Conduta nutricional no paciente hospitalizado
4.1. Intervenção nutricional
4.2. Terapia nutricional enteral
4.3. Terapia nutricional parenteral
4.4 Conduta nutricional no paciente cirúrgico

Bibliografia

Bibliografia Básica:

  • KRAUSE, Marie V.; MAHAN, L. Kathleen; ESCOTT_STUMP, Sylvia. Alimentos, nutrição e dietoterapia. 11. ed. São Paulo: Roca, 2005. 1242 p.
  • WAITZBERG D. L. Nutrição oral, enteral e parenteral na prática clínica. São Paulo. Ed. Atheneu. 3a ed.2004, 2v.
  • Projeto Diretrizes. Sociedade Brasileira de Nutrição parenteral e Enteral. http://www.projetodiretrizes.org.br/novas_diretrizes_sociedades.php

Bibliografia Complementar:

  • SILVA, S.M.C.S.; MURA, J.D.P. Tratado de Alimentação, Nutrição & Dietoterapia. Ed. Roca, 2ª ed.2011
  • SHILS M.E. Nutrição Moderna na Saúde e na doença. São Paulo Ed. Manole. 9a ed, 2009, 2222p.
  • CUPPARI, L. Nutrição Clínica no Adulto. Rio de Janeiro: Ed. Manole, 2ªed. 2005.
  • SOBOTKA, L. et al. Bases da Nutrição Clínica. Rio de Janeiro: Ed: Rubio, 3ªed. 2008.
  • WORLD HEALTH ORGANIZATION. Global Estrategy: Diet, Phisical Activity and Health. Geneva, 2003. Disponível em www.who.int.hpr
  • www.nutritotal.com.br
  • www.espen.org/espenguidelines.html
  • www.saude.gov.br
  • www.paho.org
  • www.who.org

Turmas Ofertadas

Turma Período Vagas Matriculados Curso / Horários Professores
M1 2019 / 2 55 48 Nutrição (Bacharelado)
Horários
ManhãTardeNoite
QUA08:00 - 08:50
08:50 - 09:40
10:00 - 10:50
RENATA TORRES ABIB BERTACCO
Professor responsável pela turma

SILVANA PAIVA ORLANDI
Professor Regente

ALESSANDRA DOUMID BORGES
Professor Regente

Disciplinas Equivalentes

Disciplina Curso
FISIOPATOLOGIA E DIETOTERAPIA II Nutrição (Bacharelado)

Página gerada em 17/10/2019 21:09:45 (consulta levou 0.177512s)