Nome do Projeto
Laboratório Multilinguagens
Ênfase
Extensão
Data inicial - Data final
01/07/2023 - 01/07/2025
Unidade de Origem
Coordenador Atual
Área CNPq
Ciências Exatas e da Terra
Eixo Temático (Principal - Afim)
Educação / Cultura
Linha de Extensão
Formação de professores
Resumo
O projeto Laboratório Multilinguagens - LAM é subprojeto do Programa de Laboratórios Interdisciplinares de Formação de Educadores - LIFE, presente na UFPel desde 2012. De cunho interdisciplinar, oferta oficinas didáticas para professores e estudantes da Educação Básica, com vistas a promover diferentes práticas de ensino para uma aprendizagem de qualidade, envolvendo estudantes da Universidade na criação e promoção destas oficinas, tanto na modalidade presencial quanto a distância. Além das oficinas, os participantes do projeto estudam e criam e adaptam materiais didáticos disponibilizados à comunidade por meio de vídeos produzidos pelo LAM, os quais fazem parte do repositório do portal do Youtube: Laboratório Virtual Multilinguagens, acessível em https://www.youtube.com/channel/UCA-z969VXnk9gQqVbN7llcg. Pensando na criação de conceitos a partir do enfrentamento de situações, o LAM apresenta por meio do diálogo Escola-Universidade-Comunidade a constante busca por soluções aos problemas apresentados pela comunidade escolar, principalmente no que concerne às dificuldades de aprendizagem nas disciplinas escolares.

Objetivo Geral

O Laboratórios Multilinguagens da UFPel visa promover a aprendizagem dos alunos que deste usufruem, bem como difundir e divulgar as pesquisas realizadas na Universidade para a Comunidade Escolar. Tem como objetivos específicos: - Atuar na formação de professores das redes públicas e privada na sua formação inicial e em serviço; - Apoiar os usuários dos Laboratórios Multilinguagens através de projetos de extensão; - Propiciar espaço e materiais para o desenvolvimento de estágios curriculares através de oficinas; - Servir de espaço de implementação e desenvolvimento de pesquisas educacionais.

Justificativa

A aprendizagem, segundo Vergnaud (2009) se dá mediante o enfrentamento de situações para as quais os sujeitos necessitem criar mecanismos de resolução, ampliando assim seu repertório de esquemas e possibilitando a organização de novos conhecimentos. A aprendizagem não se dá pelo conhecimento de materiais didáticos, mas pode evoluir pelos questionamentos e inferências que o uso dos materiais como suporte proporcionam.
A experimentação pode ser um auxílio para tais construções, no sentido de propiciar situações para as quais os participantes do projeto ponham em ação seus conhecimentos. Para além da manipulação de materiais, o diálogo com outros participantes é parte essencial da construção das práticas pedagógicas.
Outrossim, o projeto se justifica pela necessidade de dialogar com a Escola, trazer para a Universidade as questões pertinentes aos professores e a partir daí criar soluções com vistas a ampliar o acesso dos estudantes a diferentes conhecimentos.
O LAM, por meio de oficinas didáticas, constitui-se como canal de escuta aos professores e estudantes da Educação Básica, também de criação e divulgação de soluções didáticas. Tanto os estudantes e professores dos diversos cursos que compõem o projeto, em suas ações interdisciplinares, quanto os participantes do projeto consolidam o tripé universitário, no sentido de trazer a demanda para o LAM, que por meio de pesquisa visa atender aos objetivos trazidos pela comunidade escolar e assim divulgar o conhecimento em vídeos didáticos, oficinas pedagógicas e publicações dos resultados.

Referência da justificativa: VERGNAUD, G. A criança, a matemática e a realidade. Curitiba: UFPR, 2009.

Metodologia

Para as ações presentes no LAM, se usam as seguintes etapas:
- Estudos teóricos referentes às demandas apresentadas pelos professores;
- Produção de material didático: apostilas, materiais manipulativos, jogos, vídeos e demais materiais;
- Implementação de oficinas didáticas;
- Reorganização das oficinas e dos estudos de acordo com os resultados apresentados pelos participantes.

Indicadores, Metas e Resultados

Espera-se que o LAM oportunize aos participantes do projeto a reflexão sobre a própria docência, a construção de práticas pedagógicas pertinentes às necessidades enfrentadas nas escolas e a divulgação das ações.

Equipe do Projeto

NomeCH SemanalData inicialData final
AIANA SILVEIRA BILHALVA
ALEX RODRIGUES DOS SANTOS
ALEXANDRE HENZEL BARCELOS
ALEXANDRE OLIVEIRA JORGE
ALISSON DUARTE LEITE
AMANDA PEREIRA DA SILVA
ANDRÉA NUNES DA SILVA
BRUNO SOUZA DE SOUZA
CARLOS EDUARDO DE MIRANDA BELLOMO
CARLOS EDUARDO DOS SANTOS LUCAS
CARMEM LUCIA DA ROSA FETTER
CAROLINA LEAL ANDRADE
CAROLINE RODRIGUES SOARES
CHARLENE ORIGUELA GASPAR DE PINHO
CHRISTIAN RÓGER VILELA PIEPER
CLARISSA FELIX TAVARES
CRISTIANE BARBOSA BOTELHO
Camila Bönemann Chollet
Carla Garcia Batista Peter
DAIANE CORRÊA DE MOURA
DANIELA GARCIA MELO DANDA
DENISE NASCIMENTO SILVEIRA1
DION GUSTAVO OXLEY LEITE
ELIANE LIMA PISKE
ERIC CARRARD FERREIRA
FABIANE SANTOS NOGUEIRA
GABRIEL FERRARI
GERALDO OLIVEIRA DA SILVA
Gilmara Gil das Neves
HELOISA HELENA DUVAL DE AZEVEDO1
HYNAIARA VIEIRA BOTELHO
ISAAC JORGE
ISABEL CRISTINA MOTA DA SILVA
ISABEL GRILLO DE AZEVEDO
Inês Garcia Mesquita
JOICE BEATRIZ DA ROCHA VENZKE
KAREN DUARTE RUZICKI
LAUREN TERRA PORTELA
LEONARDO CORREA SABBADO
LETICIA BARROS DIAS SOARES
LILIAN LORENZATO RODRIGUEZ13
LISANDRA GOMES KROLOW
LOIVA MARIA RADTKE NÖRNBERG
Liliane Maria Ruiz Bitencurt
Luciane de Barros Mendonça
MANOELLA BOETEGE MARTINS
MARIA ALBERTINA DAMASCENO RAUPP
MARIA ALICE DE FREITAS SIAS
MARIA ALICE DE FREITAS SIAS
MELISSA DE LIMA BACH
Michele Iahnke
MÔNICA RIVEIRO SANTOS
NELITIANE SOARES DOS SANTOS
PAULA FERREIRA KNABAH
RAQUEL GONCALVES HAERTER
RODRIGO MARQUES QUEIROGA
RONALDO LUIS GOULART CAMPELLO
ROSE ADRIANA ANDRADE DE MIRANDA18
Renata Silveira da Silva
Rita de Cássia de Souza Soares Ramos90
SHAIANE PIZANI SILVEIRA
SILVIA PRIETSCH WENDT13
Sabrina Maciel Magalhães Tarouco
Sara Moraes Schaf Brum
Simone Macedo Poerner
Sônia Paniz Botelho
TAMARA DIAS NUNES
TATIANA RODRIGUES SIQUEIRA
THAIANA NEUENFELD PHILIPSEN
Thais Philipsen Grutzmann1
VANESSA SILVA DA LUZ9
VANESSA SILVA DA SILVA
VANIA ESCALANT PEREIRA
VIVIAN GONÇALVES PAES
Vanessa Maciel de Ávila
Vanessa Novack Viegas
Viviane Valério Ferraz Ferreira
VÉRA MARIA TORCHELSEN DA SILVEIRA
ÉMERSON ERNANDE MESQUITA RODRIGUES

Página gerada em 24/07/2024 16:32:31 (consulta levou 0.298476s)